4 Dicas Comprovadas para Marketing de Conteúdo

Você sabia que pelo menos 70% dos profissionais de marketing B2B pretendem criar mais conteúdo em 2017 quando comparado ao ano passado?

Mesmo o marketing de conteúdo ganhando notoriedade, um número muito menor entre esses profissionais diz ver resultados tangíveis. A pesquisa mostra que apenas 17% dos profissionais produzem relatórios com os dados de suas campanhas.

Quanto mais conteúdo, melhor! Mas todo profissional de marketing de conteúdo bem-sucedido sabe que é preciso mais do que quantidade para conseguir bons resultados. Abaixo estão quatro dicas comprovadas para tornar o seu marketing de conteúdo muito mais eficaz:

Publicar MUITO MAIS conteúdo

Um dos fatores que você precisa levar em consideração ao trabalhar com estratégia de conteúdo é a frequência. Você deve publicar mais ou menos conteúdo? Isso faz mesmo muita diferença?

Este tópico é muito controverso e divide especialistas. No entanto, graças ao extenso estudo do Hubspot com 13.500 profissionais, o veredito é: A frequência deve ser de 16 publicações por mês. O número garante 3,5 vezes mais tráfego e 4,5 vezes mais leads do que se você publicar menos de quatro artigos mensais.

Então, trabalhe a sua frequência de conteúdo e quanto mais conteúdo você puder publicar melhor.

Publicar conteúdo mais abrangente

Óbvio, o debate sobre a frequência de publicações foi construído levando em consideração sua abrangência. Os profissionais geralmente se dividem em dois grupos: os que publicam menos conteúdo, porém mais abrangentes e os que publicam mais conteúdo com menos amplitude.

E se você pudesse ter o melhor desses dois mundos?

Enquanto a pesquisa mostra que publicar mais conteúdo renderá mais ROI para o marketing, você não deve sacrificar sua abrangência. Um estudo que analisou os resultados de pesquisa do Google levando em consideração mais de 20 mil palavras-chave diz que a média de palavras entre os top dez resultados é de duas mil palavras. A pesquisa concluiu que mais conteúdo é melhor. Este estudo foi comprovado pela Buzzsumo, após analisar mais de 100 milhões de artigos, descobriram que o conteúdo precisa ter pelo menos mil palavras para obter mais tráfego de buscadores e da mídia social.

Seja mil ou duas mil palavras, uma coisa é clara: o comprimento ainda é um fator importante para calcular o ROI em marketing e, quanto mais longo o conteúdo, melhor.

Os principais tipos de conteúdo: nem todos são iguais

Pegadinha: Entre um infográfico e um post de blog com a palavra “Como”, qual deles recebe mais compartilhamento? Se usarmos o estudo Buzzsumo, abordado anteriormente, que analisou mais de 100 milhões de artigos, os infográficos conseguem muito mais compartilhamentos e geram muito mais ações em comparação aos posts de blogs.

O estudo também classifica os tipos de conteúdo mais compartilhados de acordo com a sua popularidade. São eles:

  • Infográficos
  • Lista
  • Posts com a palavra “Por que”
  • Posts com a palavra “O que”
  • Posts com a palavra “Como”
  • Vídeos

É importante usar esse conhecimento ao planejar sua estratégia de conteúdo. Naturalmente você deve diversifica-la. É essencial criar vários tipos de conteúdo para ganhar alcance e penetração.

Usar recursos visuais e sociais em seu conteúdo

Uma imagem vale mais que mil palavras, mas outros elementos multimídia podem valer muito mais. Aqui estão alguns fatos e números que você deve saber sobre eles:

  • Infográficos são mais propensos a receber 832% mais retweets do que os artigos que que contém apenas texto ou imagens;
  • Infográficos recebem muito mais engajamento quando comparados a outros tipos de conteúdo;
  • 80% das pessoas tendem a se lembrar do conteúdo visual do que texto e 30 vezes mais a ler um infográfico do que um texto;
  • Conteúdo com imagens recebe 94% mais exibições do que os sem imagens.

Após conhecer esses dados, é importante garantir que sua estratégia de conteúdo efetivamente use e integre elementos multimídia. Ter um blog, publicar infográficos de forma regular, criar vídeos e utilizar diferentes formatos multimídia podem aumentar o alcance do seu conteúdo e melhorar a sua imagem de marca.

Portanto, não basta criar conteúdo – sem graça – apenas em texto. Faça o seu conteúdo rico com recursos visuais. Ele não só será mais atraente, mas também transformará seu tráfego em conversões.

Conclusão

Ainda é possível planejar sua estratégia de marketing de conteúdo para 2017, mas você só obterá bons resultados se trabalhar com dados sólidos. Acima temos alguns, pesquise mais dicas para impulsionar o seu ROI com marketing de conteúdo. Use em sua estratégia e monitore seus resultados.

John Stevens é fundador e CEO da Hosting Facts.

*Texto original publicado no Blog Beyond PR: 4 Proven Tips to Consider for Your Content Marketing Strategy.

Traduzido e adaptado por Victor Melo, Analista de Comunicação Corporativa LatAm
PR Newswire

Tags: Marketing, Marketing de Conteúdo, Marketing B2B