Por que o Google não te Ajudará a Encontrar Influenciadores

No ano passado, o marketing de influência superou todas as outras ações de comunicação como a melhor maneira de atingir seu público.

Ao considerar que, para cada dólar gasto, o ROI de um influencer marketing é de US$ 6,50 fica fácil entender o porquê. O segredo para conseguir esse alto retorno depende do influenciador envolvido e sua relevância perante ao público.

Desde seu lançamento, há duas décadas, o Google é a fonte mais procurada pelas pessoas para obter informação e tirar as mais diferentes dúvidas. Ele sabe tudo, certo?

Quando se trata de comunicação, o Google é uma solução rápida para a maioria das nossas perguntas. Gera milhares de resultados em uma fração de segundo. Mas, e quando se trata de encontrar influenciadores? Nesse caso, os profissionais de comunicação não terão muito sucesso.

Aqui estão algumas ideias interessantes antes de usar o Google como forma de encontrar os influenciadores certos para sua marca.

Os resultados do Google são vastos

Dê uma Googada: “influenciadores de moda São Paulo”. A ferramenta de busca produz 118.000 resultados, enquanto quando se pesquisa por “Blogueiros de comida” o Google apresenta mais de 714.000. Examinar esses resultados para separar os influenciadores reais e encontrar aqueles que são mais relevantes para a sua marca é uma tarefa trabalhosa e demorada.

Os resultados não são segmentados

A pressão pode resultar em uma abordagem muito abrangente para os profissionais de relações públicas. Para uma marca que pretende engajar e construir relacionamentos duradouros com influenciadores, um bombardeio de e-mails não irá ajudar. Os comunicadores precisam descobrir quais influenciadores são mais persuasivos com seu público para então decidir se ele pode se tornar uma aposta a longo prazo.

 

Deixe as planilhas da velha escola para trás

Com o constante surgimento de novos influenciadores, atualizar manualmente suas planilhas de contatos é quase uma missão impossível. Uma boa solução é ter um banco de dados apoiado por uma equipe de pesquisa dedicada. Isso fornece informações detalhadas sobre as preferências de abordagem que um influenciador prefere, seu número de seguidores, tipos de conteúdo e suas atividades nas redes sociais, muito mais rápido do que você poderia conseguir trabalhando sozinho. Com essas informações, os profissionais de comunicação podem personalizar suas mensagens para criar uma aproximação. 

Algumas soluções, como a Cision Communications Cloud™, são robustas e permitem incluir também um recurso de e-mail que, quando usado em conjunto com ferramentas de criação de lista, permitem que os usuários monitorem sua taxa de abertura, respostas e outras atividades para descobrir quais mensagens estão gerando mais resultados. Com um banco de dados de mais de 1,6 milhões de contatos de mídia e 300.000 influenciadores digitais, a plataforma oferece dados ricos e insights preciosos para aperfeiçoar suas estratégias de divulgação para influenciadores e acesso VIP o seu público-alvo.

Para saber mais, leia nosso whitepaper The Five Truths of Modern Media Targeting.

Para solicitar uma demonstração da Cision Communications Cloud™, clique aqui.

*Texto original publicado no Blog Beyond Bylines: Why Google Won't Help You Find Influencers.

Traduzido e adaptado por Victor Melo, Analista de Comunicação Corporativa LatAm
PR Newswire

 

Tags: #influenciadores #google #relaçõespúblicas #rp