A decisão do Tribunal Federal de Justiça alemão confirma que a Wuxi Hisky Medical infringiu a parte alemã da patente da Echosens: Hisky FibroTouch é considerada ilegal na Alemanha

PARIS, 19 de fevereiro de 2020 /PRNewswire/ -- A Echosens anunciou hoje que a empresa recebeu um parecer favorável do internacionalmente bastante estimado Tribunal Federal de Justiça alemão (Bundesgerichtshof) em Karlsruhe sobre o caso de infração de patente apresentado pela Echosens contra a empresa chinesa Wuxi Hisky Medical Technologies Co., Ltd desde nov. de 2015.

 

O Tribunal Federal de Justiça rejeitou, a 4 de fevereiro de 2020, o pedido da empresa chinesa Wuxi Hisky de análise do Tribunal Regional Superior de Düsseldorf que confirmou, a 1 de março de 2018, a primeira decisão dos juízes indicando, a 20 de abril de 2017, que a Hisky estava a infringir a parte alemã da patente da Echosens EP 1 169 636 B1.

Como o Tribunal Federal alemão decidiu que os produtos da Hisky estão em infração, todo marketing, vendas e utilização comercial da Hisky / FibroTouch são considerados ilegais na Alemanha.

«Fomos pioneiros na Elastografia Transitória com Vibração Controlada para avaliação hepática e estamos a investir bastante nas nossas tecnologias inovadoras com mais de um terço dos nossos colaboradores a trabalhar em I&D. As tecnologias da Echosens são únicas e apoiadas por mais de 2500 ensaios clínicos e, por isso, não podemos permitir que concorrentes falsifiquem os nossos avanços tecnológicos dificilmente adquiridos ou que infrinjam as nossas patentes», afirma Laurent Sandrin, fundador e Diretor Técnico da Echosens.

«Estamos felizes por o tribunal ter confirmado que a Hisky infringiu as patentes da Echosens. Enquanto líder no diagnóstico não invasivo da Saúde hepática, a Echosens está empenhada em proteger a sua propriedade intelectual no cumprimento da sua missão para expandir e melhorar a avaliação da saúde hepática e diagnóstico em todo o mundo», declara Dominique Legros, CEO do Grupo da Echosens.

Acerca da Echosens 

A Echosens é o principal fornecedor do mundo de dispositivos médicos não invasivos dedicados à avaliação de doença hepática crónica. A Echosens alterou significativamente a prática relativamente aos diagnósticos hepáticos com FibroScan®, o único dispositivo que usa VCTE™ patenteado e validade para avaliação da rigidez do fígado e CAP™ para quantificação da esteatose.

O dispositivo FibroScan® é reconhecido em todo o mundo como a referência para diagnóstico hepático não invasivo com mais de 2500 publicações médicas e 40 recomendações de diretrizes.

Com uma rede de distribuição internacional muito vasta que inclui França (Paris), Estados Unidos (Waltham) e China (Xangai, Shenzhen e Pequim), a Echosens tornou o FibroScan® disponível em mais de 80 países. 

http://www.echosens.com

Logo - https://mma.prnewswire.com/media/1090145/Echosens_Logo.jpg  

Logo - https://mma.prnewswire.com/media/1090146/FibroScan_Logo.jpg  

Photo - https://mma.prnewswire.com/media/1090147/Mini_Compact.jpg

 

 

 

FONTE Echosens

PARIS, 19 de fevereiro de 2020 /PRNewswire/ -- A Echosens anunciou hoje que a empresa recebeu um parecer favorável do internacionalmente bastante estimado Tribunal Federal de Justiça alemão (Bundesgerichtshof) em Karlsruhe sobre o caso de infração de patente apresentado pela Echosens contra a empresa chinesa Wuxi Hisky Medical Technologies Co., Ltd desde nov. de 2015.

 

O Tribunal Federal de Justiça rejeitou, a 4 de fevereiro de 2020, o pedido da empresa chinesa Wuxi Hisky de análise do Tribunal Regional Superior de Düsseldorf que confirmou, a 1 de março de 2018, a primeira decisão dos juízes indicando, a 20 de abril de 2017, que a Hisky estava a infringir a parte alemã da patente da Echosens EP 1 169 636 B1.

Como o Tribunal Federal alemão decidiu que os produtos da Hisky estão em infração, todo marketing, vendas e utilização comercial da Hisky / FibroTouch são considerados ilegais na Alemanha.

«Fomos pioneiros na Elastografia Transitória com Vibração Controlada para avaliação hepática e estamos a investir bastante nas nossas tecnologias inovadoras com mais de um terço dos nossos colaboradores a trabalhar em I&D. As tecnologias da Echosens são únicas e apoiadas por mais de 2500 ensaios clínicos e, por isso, não podemos permitir que concorrentes falsifiquem os nossos avanços tecnológicos dificilmente adquiridos ou que infrinjam as nossas patentes», afirma Laurent Sandrin, fundador e Diretor Técnico da Echosens.

«Estamos felizes por o tribunal ter confirmado que a Hisky infringiu as patentes da Echosens. Enquanto líder no diagnóstico não invasivo da Saúde hepática, a Echosens está empenhada em proteger a sua propriedade intelectual no cumprimento da sua missão para expandir e melhorar a avaliação da saúde hepática e diagnóstico em todo o mundo», declara Dominique Legros, CEO do Grupo da Echosens.

Acerca da Echosens 

A Echosens é o principal fornecedor do mundo de dispositivos médicos não invasivos dedicados à avaliação de doença hepática crónica. A Echosens alterou significativamente a prática relativamente aos diagnósticos hepáticos com FibroScan®, o único dispositivo que usa VCTE™ patenteado e validade para avaliação da rigidez do fígado e CAP™ para quantificação da esteatose.

O dispositivo FibroScan® é reconhecido em todo o mundo como a referência para diagnóstico hepático não invasivo com mais de 2500 publicações médicas e 40 recomendações de diretrizes.

Com uma rede de distribuição internacional muito vasta que inclui França (Paris), Estados Unidos (Waltham) e China (Xangai, Shenzhen e Pequim), a Echosens tornou o FibroScan® disponível em mais de 80 países. 

http://www.echosens.com

Logo - https://mma.prnewswire.com/media/1090145/Echosens_Logo.jpg  

Logo - https://mma.prnewswire.com/media/1090146/FibroScan_Logo.jpg  

Photo - https://mma.prnewswire.com/media/1090147/Mini_Compact.jpg

 

 

 

FONTE Echosens

Você acabou de ler:

A decisão do Tribunal Federal de Justiça alemão confirma que a Wuxi Hisky Medical infringiu a parte alemã da patente da Echosens: Hisky FibroTouch é considerada ilegal na Alemanha

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/a-decisao-do-tribunal-federal-de-justica-alemao-confirma-que-a-wuxi-hisky-medical-infringiu-a-parte-alema-da-patente-da-echosens-hisky-fibrotouch-e-considerada-ilegal-na-alemanha/