A Polyplastics utiliza engenharia auxiliada por computador (EAC) para prever deformação de peças durante a produção de conectores de LCP

TÓQUIO, 18 de julho de 2018 /PRNewswire/ -- A Polyplastics Co., Ltd., uma fornecedora líder global de termoplásticos para a engenharia, está utilizando com sucesso análises de engenharia auxiliada por computador (EAC) para prever deformação de peças durante o processo por refluxo na fabricação de peças de conexão feitas de polímero de cristal líquido (LCP). Estes conectores de LCP estão sendo usados de forma crescente em dispositivos móveis tais como smartphones e interruptores, juntamente com aplicações relacionadas com o setor automotivo.

(Logo: https://kyodonewsprwire.jp/img/201807125935-O2-w90Lnci0)

(Imagem: https://kyodonewsprwire.jp/img/201807125935-O1-785s5kzE)

As peças de LCP podem expandir de forma considerável nas condições de altas temperaturas do processo por refluxo e isso pode ter um efeito adverso no resultado do nivelamento de um produto final. Já que a deformação pelo calor pode causar ligações deficientes como resultado de soldagem insuficiente aos terminais metálicos, é importante encontrar maneiras para reduzir as deformações causadas pelo calor, especialmente porque o mercado apresenta crescente demanda por conectores de menor tamanho. Em resposta, a Polyplastics recorreu à EAC e começou a considerar a previsão da deformação na fase do projeto para artigos moldados no processo por refluxo.

LCPs como a resina LAPEROS (R) da Polyplastics são caracterizadas por estruturas moleculares rígidas que são difíceis de dobrar e possuem muito pouco do comportamento de interligações moleculares que é típico da maioria dos polímeros. Como resultado, eles fornecem excelente precisão dimensional e resistência ao calor e lidam com altas temperaturas de refluxo no processo de soldaduras.

A Polyplastics identificou três estágios de deformação que podem ser previstos pela análise por EAC. Estes incluem deformação inicial pós-moldagem (distorção), deformação no pico do aquecimento, principalmente devido aos efeitos da expansão térmica além da retração pós-moldagem e deformação pós-resfriamento, principalmente atribuída aos efeitos da retração térmica.

A Polyplastics continuará a trabalhar no desenvolvimento da tecnologia de análise por EAC para melhorar sua precisão e expandir sua escala de aplicabilidade.

Para mais informações, visite o endereço https://www.polyplastics.com/en/support/desn/cae2/index.vm

LAPEROS (R) é uma marca comercial registrada da Polyplastics Co., Ltd. no Japão e em outros países.

Sobre a Polyplastics

A Polyplastics Co., Ltd. é uma líder global no desenvolvimento e produção de soluções termoplásticas para a engenharia. O amplo portfólio de produtos da empresa inclui polioximetileno (POM), polibutileno tereftalato (PBT), sulfeto de polifenileno (PPS) e polímero de cristal líquido (LCP). A empresa tem a maior participação de mercado global de POM. Com mais de 50 anos de experiência, a empresa conta com uma forte rede global de recursos de P&D, produção e vendas, capazes de criar soluções avançadas para o mercado global em constante mudança.

 

FONTE Polyplastics Co., Ltd.

TÓQUIO, 18 de julho de 2018 /PRNewswire/ -- A Polyplastics Co., Ltd., uma fornecedora líder global de termoplásticos para a engenharia, está utilizando com sucesso análises de engenharia auxiliada por computador (EAC) para prever deformação de peças durante o processo por refluxo na fabricação de peças de conexão feitas de polímero de cristal líquido (LCP). Estes conectores de LCP estão sendo usados de forma crescente em dispositivos móveis tais como smartphones e interruptores, juntamente com aplicações relacionadas com o setor automotivo.

(Logo: https://kyodonewsprwire.jp/img/201807125935-O2-w90Lnci0)

(Imagem: https://kyodonewsprwire.jp/img/201807125935-O1-785s5kzE)

As peças de LCP podem expandir de forma considerável nas condições de altas temperaturas do processo por refluxo e isso pode ter um efeito adverso no resultado do nivelamento de um produto final. Já que a deformação pelo calor pode causar ligações deficientes como resultado de soldagem insuficiente aos terminais metálicos, é importante encontrar maneiras para reduzir as deformações causadas pelo calor, especialmente porque o mercado apresenta crescente demanda por conectores de menor tamanho. Em resposta, a Polyplastics recorreu à EAC e começou a considerar a previsão da deformação na fase do projeto para artigos moldados no processo por refluxo.

LCPs como a resina LAPEROS (R) da Polyplastics são caracterizadas por estruturas moleculares rígidas que são difíceis de dobrar e possuem muito pouco do comportamento de interligações moleculares que é típico da maioria dos polímeros. Como resultado, eles fornecem excelente precisão dimensional e resistência ao calor e lidam com altas temperaturas de refluxo no processo de soldaduras.

A Polyplastics identificou três estágios de deformação que podem ser previstos pela análise por EAC. Estes incluem deformação inicial pós-moldagem (distorção), deformação no pico do aquecimento, principalmente devido aos efeitos da expansão térmica além da retração pós-moldagem e deformação pós-resfriamento, principalmente atribuída aos efeitos da retração térmica.

A Polyplastics continuará a trabalhar no desenvolvimento da tecnologia de análise por EAC para melhorar sua precisão e expandir sua escala de aplicabilidade.

Para mais informações, visite o endereço https://www.polyplastics.com/en/support/desn/cae2/index.vm

LAPEROS (R) é uma marca comercial registrada da Polyplastics Co., Ltd. no Japão e em outros países.

Sobre a Polyplastics

A Polyplastics Co., Ltd. é uma líder global no desenvolvimento e produção de soluções termoplásticas para a engenharia. O amplo portfólio de produtos da empresa inclui polioximetileno (POM), polibutileno tereftalato (PBT), sulfeto de polifenileno (PPS) e polímero de cristal líquido (LCP). A empresa tem a maior participação de mercado global de POM. Com mais de 50 anos de experiência, a empresa conta com uma forte rede global de recursos de P&D, produção e vendas, capazes de criar soluções avançadas para o mercado global em constante mudança.

 

FONTE Polyplastics Co., Ltd.

Você acabou de ler:

A Polyplastics utiliza engenharia auxiliada por computador (EAC) para prever deformação de peças durante a produção de conectores de LCP

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/a-polyplastics-utiliza-engenharia-auxiliada-por-computador-eac-para-prever-deformacao-de-pecas-durante-a-producao-de-conectores-de-lcp/