A série de reuniões do G20 HWG da Indonésia incentiva líderes mundiais a serem preparados para futuras pandemias

LOMBOK, Indonésia, 8 de junho de 2022 /PRNewswire/-- A segunda reunião do Health Working Group (HWG) levou líderes globais a criar um novo fundo de emergência global para futuras pandemias e se concentrou em facilitar o compartilhamento de dados de sequenciamento genômico, além de como o Fundo Intermediário de Financiamento (FIF) funciona sob o Banco Mundial na preparação para futuras pandemias.

O ministro da Saúde da Indonésia, Budi Gunadi Sadikin, incentivou os estados membros do G20 a não deixar a pandemia avançar sem aprender lições valiosas.

"Somente através de grandes terremotos, altas montanhas se elevam. Acredito que isso é verdade, não só com relação a vulcões, mas também com relação à nossa humanidade. Durante cada crise, surgem grandes oportunidades", disse em Lombok, West Nusa Tenggara, Indonésia.

As principais questões abordadas na reunião de 6 a 8 de junho de 2022 foram a mobilização de recursos financeiros para futuras respostas à pandemia.

Os estados-membros do G20 discutiram as lições aprendidas com os sucessos das iniciativas de contramedidas médicas, como a COVAX e os aceleradores de ACT que trabalharam de forma eficiente durante a pandemia na condução de vacinas, tratamentos e diagnósticos.

O G20 e seus parceiros, como o GISAID, agora estão analisando a otimização da vigilância genômica e dos mecanismos de compartilhamento de dados confiáveis, permitindo ao mundo identificar rapidamente novos patógenos que possam representar novas ameaças à segurança global da saúde.

"Precisamos de uma plataforma de coordenação mais permanente que possa abordar cinco núcleos, como acesso a contramedidas, coordenação de emergência, inteligência colaborativa, proteção comunitária e atendimento clínico a pacientes necessitados", disse o Ministro da Saúde.

A Indonésia se comprometeu a doar US$ 50 milhões para o FIF. Como parte do mandato de presidência do G20, a Indonésia também fará lobby de organizações e doadores para garantir que o fundo beneficie os países-alvo certos para evitar os interesses conflitantes de doadores e organizações.

O Dr. Tedros Adhanom Ghebreyesus, secretário-geral da OMS, foi elogiado pela presidência da Indonésia por priorizar o estabelecimento da arquitetura global do sistema de saúde e colocá-la na agenda do G20.

"Devemos aprender com as lições que essa pandemia nos ensinou porque essa não será a última", disse o Dr. Tedros.

Para acessar a cerimônia de abertura plenária do grupo de trabalho da saúde e a coletiva de imprensa, acesse https://www.youtube.com/c/KementerianKesehatanRI.

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/1835456/52125930441_50fc2d3444_6k.jpg

FONTE The Indonesian Ministry of Health

LOMBOK, Indonésia, 8 de junho de 2022 /PRNewswire/-- A segunda reunião do Health Working Group (HWG) levou líderes globais a criar um novo fundo de emergência global para futuras pandemias e se concentrou em facilitar o compartilhamento de dados de sequenciamento genômico, além de como o Fundo Intermediário de Financiamento (FIF) funciona sob o Banco Mundial na preparação para futuras pandemias.

O ministro da Saúde da Indonésia, Budi Gunadi Sadikin, incentivou os estados membros do G20 a não deixar a pandemia avançar sem aprender lições valiosas.

"Somente através de grandes terremotos, altas montanhas se elevam. Acredito que isso é verdade, não só com relação a vulcões, mas também com relação à nossa humanidade. Durante cada crise, surgem grandes oportunidades", disse em Lombok, West Nusa Tenggara, Indonésia.

As principais questões abordadas na reunião de 6 a 8 de junho de 2022 foram a mobilização de recursos financeiros para futuras respostas à pandemia.

Os estados-membros do G20 discutiram as lições aprendidas com os sucessos das iniciativas de contramedidas médicas, como a COVAX e os aceleradores de ACT que trabalharam de forma eficiente durante a pandemia na condução de vacinas, tratamentos e diagnósticos.

O G20 e seus parceiros, como o GISAID, agora estão analisando a otimização da vigilância genômica e dos mecanismos de compartilhamento de dados confiáveis, permitindo ao mundo identificar rapidamente novos patógenos que possam representar novas ameaças à segurança global da saúde.

"Precisamos de uma plataforma de coordenação mais permanente que possa abordar cinco núcleos, como acesso a contramedidas, coordenação de emergência, inteligência colaborativa, proteção comunitária e atendimento clínico a pacientes necessitados", disse o Ministro da Saúde.

A Indonésia se comprometeu a doar US$ 50 milhões para o FIF. Como parte do mandato de presidência do G20, a Indonésia também fará lobby de organizações e doadores para garantir que o fundo beneficie os países-alvo certos para evitar os interesses conflitantes de doadores e organizações.

O Dr. Tedros Adhanom Ghebreyesus, secretário-geral da OMS, foi elogiado pela presidência da Indonésia por priorizar o estabelecimento da arquitetura global do sistema de saúde e colocá-la na agenda do G20.

"Devemos aprender com as lições que essa pandemia nos ensinou porque essa não será a última", disse o Dr. Tedros.

Para acessar a cerimônia de abertura plenária do grupo de trabalho da saúde e a coletiva de imprensa, acesse https://www.youtube.com/c/KementerianKesehatanRI.

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/1835456/52125930441_50fc2d3444_6k.jpg

FONTE The Indonesian Ministry of Health

Você acabou de ler:

A série de reuniões do G20 HWG da Indonésia incentiva líderes mundiais a serem preparados para futuras pandemias

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/a-serie-de-reunioes-do-g20-hwg-da-indonesia-incentiva-lideres-mundiais-a-serem-preparados-para-futuras-pandemias/