Análise do ciclo de vida do AlgaPrime™ DHA da Corbion valida menor pegada de carbono em comparação com as fontes tradicionais de óleo de peixe

A inclusão do AlgaPrime DHA na alimentação animal apoia os esforços de agricultores, produtores de alimentos e rações para animais de estimação para atender aos principais objetivos de desenvolvimento sustentável da ONU

AMSTERDÃ, 23 de março de 2021 /PRNewswire/ -- A Corbion, , líder de mercado global em ingredientes de alimentos para animais à base de algas, anunciou os resultados da Análise do Ciclo de Vida (LCA) para o AlgaPrime DHA. A avaliação, concluída em 2020 e em conformidade com ISO 14040/44, analisou o impacto ambiental da produção sustentável do AlgaPrime DHA. As análises adicionais com dados disponíveis publicamente afirmaram que o ingrediente para alimentos ômega-3 tem menor pegada de carbono em comparação com as fontes tradicionais de óleo de peixe. 

Para produzir o AlgaPrime DHA, as microalgas são cultivadas em tanques de fermentação fechados, onde transformam açúcares vegetais renováveis, sustentáveis e não geneticamente modificados em algas contendo óleo rico em ômega-3 em questão de dias. A baixa pegada de carbono do AlgaPrime DHA se deve a três elementos principais de seu sistema de produção:

  • Alimentada por energia renovável

    A instalação do AlgaPrime está situada entre os campos de cana-de-açúcar e está localizada ao lado de uma usina de cana-de-açúcar. Os resíduos de cana-de-açúcar são usados como uma fonte de energia renovável para alimentar totalmente o moinho de açúcar e a instalação de algas.
  • Matéria-prima de alto rendimento

    A cana-de-açúcar usada para cultivar o AlgaPrime DHA via fermentação é uma das fontes de açúcar mais produtivas do mundo, em comparação com outras fontes de matéria-prima de açúcar, como o milho e o trigo. Isso significa que quanto mais açúcar for produzido por hectare de terra, mais ômega-3 pode ser produzido por hectare.
  • Uso eficiente de terra

    Um hectare de terra produz tanto o combustível quanto o insumo para o crescimento do AlgaPrime DHA, com impacto zero de desmatamento, confirmado por dados históricos de satélites.

"Muitos agricultores líderes estão adotando os ingredientes ômega-3 de algas produzidos de forma sustentável e ajudando a proteger a biodiversidade marinha, reduzindo a dependência do óleo de peixe como a única fonte de ômega-3 de cadeia longa", disse o Dr. Piers Hart, especialista em aquicultura da WWF-Reino Unido. "É promissor ver esses resultados positivos da LCA para o ômega-3 de algas produzido usando energia renovável e açúcar sustentável como insumo. Por meio dos esforços de inovadores, agricultores e produtores de alimentos, a inclusão de ômega-3 de algas na alimentação é uma das muitas inovações importantes que impulsionam nossos esforços coletivos para reduzir a pegada ambiental da produção de alimentos, ao mesmo tempo em que melhora a nutrição para todas as pessoas."

"Na Corbion, temos o compromisso de utilizar nossa expertise única em fermentação em larga escala para oferecer soluções sustentáveis e confiáveis, como o AlgaPrime DHA, para a preservação do planeta", declarou Ruud Peerbooms, presidente da Corbion Algae Ingredients. "Os resultados desta análise do ciclo de vida mostram o papel importante que o AlgaPrime DHA pode ter para os agricultores, produtores de alimentos e rações para animais de estimação que estão trabalhando para atender aos principais objetivos de desenvolvimento sustentável da ONU."

A publicação científica do estudo da LCA sobre o AlgaPrime DHA está sob revisão de pares.

Sobre a Corbion

A Corbion é líder global de mercado em ácido lático e seus derivados e fornecedora líder de emulsificadores, blends funcionais de enzimas, minerais, vitaminas e ingredientes de algas. Usamos nossa expertise única em fermentação e outros processos para oferecer soluções sustentáveis para a preservação de alimentos e produção de alimentos, da saúde e do nosso planeta. Por mais de 100 anos, temos nos empenhado em nosso compromisso com a segurança, a qualidade, a inovação e o desempenho. Aproveitando nosso profundo conhecimento em aplicações e produtos, trabalhamos lado a lado com os clientes para fazer com que nossas tecnologias de ponta funcionem para eles. Nossas soluções ajudam a diferenciar produtos em mercados como alimentos, higiene pessoal e doméstica, nutrição animal, produtos farmacêuticos, dispositivos médicos e bioplásticos. Em 2020, a Corbion gerou vendas anuais de 986,5 milhões de euros e teve uma força de trabalho de 2.267 FTE. A Corbion está listada na Euronext Amsterdã. Para mais informações: www.corbion.com

Imprensa:

AlgaPrime@rfbinder.com

   

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/1459943/Corbion_AlgaPrime_DHA.jpg  

Logotipo - https://mma.prnewswire.com/media/830620/AlgaPrime_Logo.jpg  

Logotipo - https://mma.prnewswire.com/media/830614/Corbion_Logo.jpg

 

FONTE Corbion

A inclusão do AlgaPrime DHA na alimentação animal apoia os esforços de agricultores, produtores de alimentos e rações para animais de estimação para atender aos principais objetivos de desenvolvimento sustentável da ONU

AMSTERDÃ, 23 de março de 2021 /PRNewswire/ -- A Corbion, , líder de mercado global em ingredientes de alimentos para animais à base de algas, anunciou os resultados da Análise do Ciclo de Vida (LCA) para o AlgaPrime DHA. A avaliação, concluída em 2020 e em conformidade com ISO 14040/44, analisou o impacto ambiental da produção sustentável do AlgaPrime DHA. As análises adicionais com dados disponíveis publicamente afirmaram que o ingrediente para alimentos ômega-3 tem menor pegada de carbono em comparação com as fontes tradicionais de óleo de peixe. 

Para produzir o AlgaPrime DHA, as microalgas são cultivadas em tanques de fermentação fechados, onde transformam açúcares vegetais renováveis, sustentáveis e não geneticamente modificados em algas contendo óleo rico em ômega-3 em questão de dias. A baixa pegada de carbono do AlgaPrime DHA se deve a três elementos principais de seu sistema de produção:

  • Alimentada por energia renovável

    A instalação do AlgaPrime está situada entre os campos de cana-de-açúcar e está localizada ao lado de uma usina de cana-de-açúcar. Os resíduos de cana-de-açúcar são usados como uma fonte de energia renovável para alimentar totalmente o moinho de açúcar e a instalação de algas.
  • Matéria-prima de alto rendimento

    A cana-de-açúcar usada para cultivar o AlgaPrime DHA via fermentação é uma das fontes de açúcar mais produtivas do mundo, em comparação com outras fontes de matéria-prima de açúcar, como o milho e o trigo. Isso significa que quanto mais açúcar for produzido por hectare de terra, mais ômega-3 pode ser produzido por hectare.
  • Uso eficiente de terra

    Um hectare de terra produz tanto o combustível quanto o insumo para o crescimento do AlgaPrime DHA, com impacto zero de desmatamento, confirmado por dados históricos de satélites.

"Muitos agricultores líderes estão adotando os ingredientes ômega-3 de algas produzidos de forma sustentável e ajudando a proteger a biodiversidade marinha, reduzindo a dependência do óleo de peixe como a única fonte de ômega-3 de cadeia longa", disse o Dr. Piers Hart, especialista em aquicultura da WWF-Reino Unido. "É promissor ver esses resultados positivos da LCA para o ômega-3 de algas produzido usando energia renovável e açúcar sustentável como insumo. Por meio dos esforços de inovadores, agricultores e produtores de alimentos, a inclusão de ômega-3 de algas na alimentação é uma das muitas inovações importantes que impulsionam nossos esforços coletivos para reduzir a pegada ambiental da produção de alimentos, ao mesmo tempo em que melhora a nutrição para todas as pessoas."

"Na Corbion, temos o compromisso de utilizar nossa expertise única em fermentação em larga escala para oferecer soluções sustentáveis e confiáveis, como o AlgaPrime DHA, para a preservação do planeta", declarou Ruud Peerbooms, presidente da Corbion Algae Ingredients. "Os resultados desta análise do ciclo de vida mostram o papel importante que o AlgaPrime DHA pode ter para os agricultores, produtores de alimentos e rações para animais de estimação que estão trabalhando para atender aos principais objetivos de desenvolvimento sustentável da ONU."

A publicação científica do estudo da LCA sobre o AlgaPrime DHA está sob revisão de pares.

Sobre a Corbion

A Corbion é líder global de mercado em ácido lático e seus derivados e fornecedora líder de emulsificadores, blends funcionais de enzimas, minerais, vitaminas e ingredientes de algas. Usamos nossa expertise única em fermentação e outros processos para oferecer soluções sustentáveis para a preservação de alimentos e produção de alimentos, da saúde e do nosso planeta. Por mais de 100 anos, temos nos empenhado em nosso compromisso com a segurança, a qualidade, a inovação e o desempenho. Aproveitando nosso profundo conhecimento em aplicações e produtos, trabalhamos lado a lado com os clientes para fazer com que nossas tecnologias de ponta funcionem para eles. Nossas soluções ajudam a diferenciar produtos em mercados como alimentos, higiene pessoal e doméstica, nutrição animal, produtos farmacêuticos, dispositivos médicos e bioplásticos. Em 2020, a Corbion gerou vendas anuais de 986,5 milhões de euros e teve uma força de trabalho de 2.267 FTE. A Corbion está listada na Euronext Amsterdã. Para mais informações: www.corbion.com

Imprensa:

AlgaPrime@rfbinder.com

   

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/1459943/Corbion_AlgaPrime_DHA.jpg  

Logotipo - https://mma.prnewswire.com/media/830620/AlgaPrime_Logo.jpg  

Logotipo - https://mma.prnewswire.com/media/830614/Corbion_Logo.jpg

 

FONTE Corbion

Você acabou de ler:

Análise do ciclo de vida do AlgaPrime™ DHA da Corbion valida menor pegada de carbono em comparação com as fontes tradicionais de óleo de peixe

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/analise-do-ciclo-de-vida-do-algaprime-dha-da-corbion-valida-menor-pegada-de-carbono-em-comparacao-com-as-fontes-tradicionais-de-oleo-de-peixe/