BPO fiscal deve ser tendência no pós-pandemia

SÃO PAULO, 16 de outubro de 2020 /PRNewswire/ -- A eficiência será crucial para as empresas na retomada da economia nos próximos meses ou anos. A gestão tributária por meio de Business Process Outsourcing (BPO) surge como uma das principais tendências de terceirização dos serviços no período, uma vez que as corporações dedicam mais de 1.500h por ano na apuração de impostos, segundo relatório Doing Business.

"Com a flexibilização da quarentena, as empresas estão arrumando a casa em diversos aspectos e, no segmento fiscal, a postergação das obrigações tornou ainda mais desafiador reger a já complexa agenda tributária brasileira", afirma Edimilso Silva, gerente Sênior de Compliance Fiscal da Avalara, líder em soluções fiscais na nuvem. "Nesse cenário, a terceirização (ou BPO) da gestão tributária surge como facilitadora".

Vários caminhos podem ser consideravelmente simplificados com esse tipo de solução: geração das obrigações fiscais, classificação e reorganização de dados viabilizando novas entradas de maneira inteligente, automação de cálculo de impostos, gerenciamento de documentos fiscais, entre outras possibilidades.

Apesar de empresas estarem mais descapitalizadas, a solução torna-se atrativa e necessária ao pesar na balança os custos e os seguintes benefícios:

  • Prazos: o pagamento gradual das obrigações fiscais precisam ser reorganizadas à luz das regras de exceção enquanto correm em paralelo as obrigações do período vigente.
  • Redução de riscos: com a retomada e aumento do volume de vendas, a apuração fiscal é feita com maior acuracidade e menor riscos de multas.
  • Foco: ao deixar de investir tempo nas atividades fiscais, há mais espaço para lidar com a retomada dos negócios.
  • Eficiência de custos: aumento da eficiência do backoffice por meio de automação constante.
  • Atualização: no caso de soluções na nuvem, há o benefício adicional da atualização "real time", vantagem também para quem optar por permanecer no trabalho remoto por tempo indeterminado.

Em geral, quando uma companhia procura uma empresa especializada nesse tipo de solução, normalmente quer reduzir o headcount e/ou aprimorar controles (compliance). "Há um benefício indiscutível para a operação ao integrar esses dois pontos à prestação de serviços", finaliza Silva.

Avalara, Inc.

A Avalara ajuda empresas de todos os tamanhos a obterem o compliance fiscal. Em parceria com os principais sistemas de gerenciamento financeiro, oferece soluções de conformidade em nuvem que suportam todos os aspectos fiscais dos negócios. Com sede em Seattle, possui escritórios no Brasil, EUA, Canadá, Reino Unido e Índia.  www.avalara.com/br.

 

FONTE Avalara

SÃO PAULO, 16 de outubro de 2020 /PRNewswire/ -- A eficiência será crucial para as empresas na retomada da economia nos próximos meses ou anos. A gestão tributária por meio de Business Process Outsourcing (BPO) surge como uma das principais tendências de terceirização dos serviços no período, uma vez que as corporações dedicam mais de 1.500h por ano na apuração de impostos, segundo relatório Doing Business.

"Com a flexibilização da quarentena, as empresas estão arrumando a casa em diversos aspectos e, no segmento fiscal, a postergação das obrigações tornou ainda mais desafiador reger a já complexa agenda tributária brasileira", afirma Edimilso Silva, gerente Sênior de Compliance Fiscal da Avalara, líder em soluções fiscais na nuvem. "Nesse cenário, a terceirização (ou BPO) da gestão tributária surge como facilitadora".

Vários caminhos podem ser consideravelmente simplificados com esse tipo de solução: geração das obrigações fiscais, classificação e reorganização de dados viabilizando novas entradas de maneira inteligente, automação de cálculo de impostos, gerenciamento de documentos fiscais, entre outras possibilidades.

Apesar de empresas estarem mais descapitalizadas, a solução torna-se atrativa e necessária ao pesar na balança os custos e os seguintes benefícios:

  • Prazos: o pagamento gradual das obrigações fiscais precisam ser reorganizadas à luz das regras de exceção enquanto correm em paralelo as obrigações do período vigente.
  • Redução de riscos: com a retomada e aumento do volume de vendas, a apuração fiscal é feita com maior acuracidade e menor riscos de multas.
  • Foco: ao deixar de investir tempo nas atividades fiscais, há mais espaço para lidar com a retomada dos negócios.
  • Eficiência de custos: aumento da eficiência do backoffice por meio de automação constante.
  • Atualização: no caso de soluções na nuvem, há o benefício adicional da atualização "real time", vantagem também para quem optar por permanecer no trabalho remoto por tempo indeterminado.

Em geral, quando uma companhia procura uma empresa especializada nesse tipo de solução, normalmente quer reduzir o headcount e/ou aprimorar controles (compliance). "Há um benefício indiscutível para a operação ao integrar esses dois pontos à prestação de serviços", finaliza Silva.

Avalara, Inc.

A Avalara ajuda empresas de todos os tamanhos a obterem o compliance fiscal. Em parceria com os principais sistemas de gerenciamento financeiro, oferece soluções de conformidade em nuvem que suportam todos os aspectos fiscais dos negócios. Com sede em Seattle, possui escritórios no Brasil, EUA, Canadá, Reino Unido e Índia.  www.avalara.com/br.

 

FONTE Avalara

Você acabou de ler:

BPO fiscal deve ser tendência no pós-pandemia

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/bpo-fiscal-deve-ser-tendencia-no-pos-pandemia/