Café de Capitólio/MG é o melhor da safra 2020 da Cooxupé

Lote foi campeão do Programa Especialíssimo da cooperativa, que premia os cooperados que produziram café arábica de maior qualidade

GUAXUPÉ, Brasil, 29 de outubro de 2020 /PRNewswire/ -- O café arábica produzido pelo produtor Wilson Vicente Soares, em Capitólio (MG), é o campeão do Programa Especialíssimo da Cooxupé (Cooperativa Regional de Cafeicultores em Guaxupé) e revelado como o lote de melhor qualidade da safra de 2020 na área de atuação da cooperativa mineira, que abrange o Sul e Cerrado de Minas Gerais e a média mogiana do estado de São Paulo. Soares foi premiado com o valor de R$ 25 mil.

O café vice-campeão vem de Caldas (MG), do produtor Edir José de Carvalho, que ficou com o prêmio de R$ 20 mil. O terceiro lote de café mais bem avaliado é de Nova Resende, no sul mineiro, produzido por Ricardo Bachião D'olivo, premiado com R$ 15 mil.

No total, o Especialíssimo selecionou e premiou 50 lotes de cafés dos cooperados. Participaram do programa os cafés produzidos com índice de qualidade acima de 83 pontos. O resultado final foi declarado por uma equipe de 12 provadores da Cooxupé e da SMC Specialty Coffees, liderados pelo professor da Universidade Federal de Lavras, Flávio Borém, docente com larga experiência em cafés especiais. Foram analisados, por meio de provas cegas, atributos do café como acidez, doçura, corpo, balanço e retro gosto e aromas como frutados, enzimáticos, caramelados e florais.

"Os cooperados da Cooxupé estão encontrando no segmento de cafés especiais melhores oportunidades para agregar valor aos seus cafés e conquistar mais rentabilidade na atividade. O Especialíssimo nasceu com esse objetivo", afirma o presidente da Cooxupé, Carlos Augusto Rodrigues de Melo.

Neste ano, o Especialíssimo recebeu 49.985 sacas de cafés especiais (Cooxupé + SMC), entregues por 431 cooperados.

Premiação 

Para o quarto lugar a premiação foi de R$ 10 mil; quinto R$ 9 mil; sexto R$ 8 mil; sétimo R$ 7 mil; oitavo R$ 6 mil; nono R$ 5 mil; e décimo R$ 4 mil. Os lotes que ocuparam do 11º ao 50º lugar foram premiados com R$ 3 mil cada. O total da premiação foi de R$ 229 mil.

Os lotes selecionados pelo Especialíssimo também tiveram a oportunidade de compor o blend do café Safra Especial e do Prima Qualità Raízes, produzidos pela Torrefação da Cooxupé. O Safra Especial é uma edição limitada produzida aos finais de ano para celebração do período.

FONTE COOXUPÉ

Lote foi campeão do Programa Especialíssimo da cooperativa, que premia os cooperados que produziram café arábica de maior qualidade

GUAXUPÉ, Brasil, 29 de outubro de 2020 /PRNewswire/ -- O café arábica produzido pelo produtor Wilson Vicente Soares, em Capitólio (MG), é o campeão do Programa Especialíssimo da Cooxupé (Cooperativa Regional de Cafeicultores em Guaxupé) e revelado como o lote de melhor qualidade da safra de 2020 na área de atuação da cooperativa mineira, que abrange o Sul e Cerrado de Minas Gerais e a média mogiana do estado de São Paulo. Soares foi premiado com o valor de R$ 25 mil.

O café vice-campeão vem de Caldas (MG), do produtor Edir José de Carvalho, que ficou com o prêmio de R$ 20 mil. O terceiro lote de café mais bem avaliado é de Nova Resende, no sul mineiro, produzido por Ricardo Bachião D'olivo, premiado com R$ 15 mil.

No total, o Especialíssimo selecionou e premiou 50 lotes de cafés dos cooperados. Participaram do programa os cafés produzidos com índice de qualidade acima de 83 pontos. O resultado final foi declarado por uma equipe de 12 provadores da Cooxupé e da SMC Specialty Coffees, liderados pelo professor da Universidade Federal de Lavras, Flávio Borém, docente com larga experiência em cafés especiais. Foram analisados, por meio de provas cegas, atributos do café como acidez, doçura, corpo, balanço e retro gosto e aromas como frutados, enzimáticos, caramelados e florais.

"Os cooperados da Cooxupé estão encontrando no segmento de cafés especiais melhores oportunidades para agregar valor aos seus cafés e conquistar mais rentabilidade na atividade. O Especialíssimo nasceu com esse objetivo", afirma o presidente da Cooxupé, Carlos Augusto Rodrigues de Melo.

Neste ano, o Especialíssimo recebeu 49.985 sacas de cafés especiais (Cooxupé + SMC), entregues por 431 cooperados.

Premiação 

Para o quarto lugar a premiação foi de R$ 10 mil; quinto R$ 9 mil; sexto R$ 8 mil; sétimo R$ 7 mil; oitavo R$ 6 mil; nono R$ 5 mil; e décimo R$ 4 mil. Os lotes que ocuparam do 11º ao 50º lugar foram premiados com R$ 3 mil cada. O total da premiação foi de R$ 229 mil.

Os lotes selecionados pelo Especialíssimo também tiveram a oportunidade de compor o blend do café Safra Especial e do Prima Qualità Raízes, produzidos pela Torrefação da Cooxupé. O Safra Especial é uma edição limitada produzida aos finais de ano para celebração do período.

FONTE COOXUPÉ

Você acabou de ler:

Café de Capitólio/MG é o melhor da safra 2020 da Cooxupé

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/cafe-de-capitolio-mg-e-o-melhor-da-safra-2020-da-cooxupe/