Cellera Farma pretende alcançar um faturamento líquido de R$ 330 milhões com o lançamento de Culturelle® no Brasil

A saúde como fonte de inspiração aos consumidores

SÃO PAULO, 26 de agosto de 2020 /PRNewswire/ -- Com sólido posicionamento no setor farmacêutico, a empresa brasileira Cellera Farma desponta no cenário nacional nos últimos anos com fusões e aquisições de marcas importantes da indústria farmacêutica. A empresa  busca  firmar seu propósito ao apoiar médicos e inovar o portfólio de produtos a cada ano, sempre em busca do bem-estar humano. Além disso, a organização está voltada para a produção local de produtos genéricos que representam 100% do portfólio da unidade de negócios Delta, somados aos medicamentos de prescrição destinados para as áreas terapêuticas do sistema nervoso central, gastroenterologia, pediatria e clínica médica.

Neste ano, a Cellera Farma estima alcançar um faturamento líquido de R$ 330 milhões no país, com investimento injetado em torno de R$ 15 milhões, sendo grande parte direcionado para a chegada do probiótico número um dos Estados Unidos e da Europa, Culturelle®. O produto será o principal movimento de mercado para a empresa, que pretende chegar entre as três maiores marcas de probióticos nos próximos 5 anos.

"Preservar o bem-estar humano por meio da qualidade dos nossos produtos, cuidar da sustentabilidade e manter toda a inovação, assim é o DNA da Cellera Farma. Uma plataforma de negócios focada no futuro para o progresso da ciência e da medicina.  Investir em tecnologia de ponta, no bem-estar dos consumidores e de nossos colaboradores, isso é o que move a nossa paixão pelo setor farmacêutico",  afirma Omilton Visconde Junior, CEO da empresa.

Um pouco da nossa história

Nasce em 1947 a Fundação do Instituto Terapêutico Delta, localizada no Rio de Janeiro, uma sólida empresa com  exposição no mercado de similares e cosmecêuticos. Com sucesso adquirido ao longo dos anos,  em 2007 a diretoria sentiu necessidade de construir uma unidade fabril na cidade de Indaiatuba, a 104 quilômetros da cidade de São Paulo, com 25 mil metros quadrados de área  total construída, aprovada pela Anvisa como planta de produção para medicamentos, cosméticos, produtos para saúde e vitaminas.   

Porém, foi em 2010 que aconteceu a aquisição da Delta pela canadense Valeant Pharmaceuticals International Inc., empresa que fabricava e comercializava produtos farmacêuticos e medicamentos genéricos de marca, principalmente para doenças de pele, distúrbios gastrointestinais, saúde ocular e neurologia. A movimentação gera uma grande perspectiva de crescimento do setor no país e cria um novo olhar sobre a produção local de medicamentos.

Em 2017 nasce então a Cellera Farma, resultado da aquisição da Delta Farmacêutica e da empresa MIP Brasil Farma, com o investimento do Principia Capital Partners em parceria com o sócio Omilton Visconde Jr, empresário com grande experiência no mercado farmacêutico brasileiro. Com a conquista da Delta, a empresa torna-se a proprietária dos produtos Mestinon®, Caladryl® e uma forte linha de genericos e similares. No ano seguinte, alcança um posto importante com as aquisições dos medicamentos Pamelor® e Benerva®, o que possibilita entrar de forma objetiva no segmento de prescrição médica.  

Em 2019, a Janssen, empresa farmacêutica da Johnson & Johnson anuncia a grande parceria com a Cellera Farma, para que a empresa represente nacionalmente 12 medicamentos do seu portfólio, todos indicados para o tratamento de doenças do sistema nervoso central e enfermidades gastrointestinais. São eles: Concerta®, Haldol®, Invega®, Reminyl®, Risperdal®, Risperdal Consta®, Stugeron®, Topamax®, Imosec®, Motilium®, Mylicon® e Pariet®.  Com esta movimentação, a empresa fortalece as principais área de atuação, pois possui 3 unidades de negócios muito importantes para o setor farmacêutico.

Neste novo cenário, a Cellera dá passos definitivos para construir uma imagem importante no segmento de medicamentos para prescrição médica após firmar a parceria com a Janssen e o lançamento de Culturelle® no país. O Brasil é o principal e dos mais promissores no setor farmacêutico no mundo, pois continua crescendo neste momento de crise econômica de 5 a 10% ao ano. Atualmente, o Brasil é o sexto maior mercado no mundo, seguido de países como Estados Unidos, China, Japão, Alemanha e França. Atualmente, a Cellera Farma engloba a lista de empresas que estão entre as 25 maiores do mercado no setor e que está presente entre as 40 de maior faturamento.  

Sobre a Cellera Farma

Cellera Farma é resultado da aquisição do Instituto Terapêutico Delta e da empresa MIP Brasil Farma, com o investimento do grupo Principia Capital Partners em parceria com o sócio Omilton Visconde Junior, empresário com grande experiência no mercado farmacêutico brasileiro. Localizada na cidade de Indaiatuba, interior de São Paulo, a planta fabril tem 25 mil metros2 de área  total construída, aprovado pela Anvisa como planta de produção para medicamentos, cosméticos, produtos para saúde. 

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/1244388/Omilton_Visconde_Junior_CEO_2.jpg

FONTE Cellera Farma

A saúde como fonte de inspiração aos consumidores

SÃO PAULO, 26 de agosto de 2020 /PRNewswire/ -- Com sólido posicionamento no setor farmacêutico, a empresa brasileira Cellera Farma desponta no cenário nacional nos últimos anos com fusões e aquisições de marcas importantes da indústria farmacêutica. A empresa  busca  firmar seu propósito ao apoiar médicos e inovar o portfólio de produtos a cada ano, sempre em busca do bem-estar humano. Além disso, a organização está voltada para a produção local de produtos genéricos que representam 100% do portfólio da unidade de negócios Delta, somados aos medicamentos de prescrição destinados para as áreas terapêuticas do sistema nervoso central, gastroenterologia, pediatria e clínica médica.

Neste ano, a Cellera Farma estima alcançar um faturamento líquido de R$ 330 milhões no país, com investimento injetado em torno de R$ 15 milhões, sendo grande parte direcionado para a chegada do probiótico número um dos Estados Unidos e da Europa, Culturelle®. O produto será o principal movimento de mercado para a empresa, que pretende chegar entre as três maiores marcas de probióticos nos próximos 5 anos.

"Preservar o bem-estar humano por meio da qualidade dos nossos produtos, cuidar da sustentabilidade e manter toda a inovação, assim é o DNA da Cellera Farma. Uma plataforma de negócios focada no futuro para o progresso da ciência e da medicina.  Investir em tecnologia de ponta, no bem-estar dos consumidores e de nossos colaboradores, isso é o que move a nossa paixão pelo setor farmacêutico",  afirma Omilton Visconde Junior, CEO da empresa.

Um pouco da nossa história

Nasce em 1947 a Fundação do Instituto Terapêutico Delta, localizada no Rio de Janeiro, uma sólida empresa com  exposição no mercado de similares e cosmecêuticos. Com sucesso adquirido ao longo dos anos,  em 2007 a diretoria sentiu necessidade de construir uma unidade fabril na cidade de Indaiatuba, a 104 quilômetros da cidade de São Paulo, com 25 mil metros quadrados de área  total construída, aprovada pela Anvisa como planta de produção para medicamentos, cosméticos, produtos para saúde e vitaminas.   

Porém, foi em 2010 que aconteceu a aquisição da Delta pela canadense Valeant Pharmaceuticals International Inc., empresa que fabricava e comercializava produtos farmacêuticos e medicamentos genéricos de marca, principalmente para doenças de pele, distúrbios gastrointestinais, saúde ocular e neurologia. A movimentação gera uma grande perspectiva de crescimento do setor no país e cria um novo olhar sobre a produção local de medicamentos.

Em 2017 nasce então a Cellera Farma, resultado da aquisição da Delta Farmacêutica e da empresa MIP Brasil Farma, com o investimento do Principia Capital Partners em parceria com o sócio Omilton Visconde Jr, empresário com grande experiência no mercado farmacêutico brasileiro. Com a conquista da Delta, a empresa torna-se a proprietária dos produtos Mestinon®, Caladryl® e uma forte linha de genericos e similares. No ano seguinte, alcança um posto importante com as aquisições dos medicamentos Pamelor® e Benerva®, o que possibilita entrar de forma objetiva no segmento de prescrição médica.  

Em 2019, a Janssen, empresa farmacêutica da Johnson & Johnson anuncia a grande parceria com a Cellera Farma, para que a empresa represente nacionalmente 12 medicamentos do seu portfólio, todos indicados para o tratamento de doenças do sistema nervoso central e enfermidades gastrointestinais. São eles: Concerta®, Haldol®, Invega®, Reminyl®, Risperdal®, Risperdal Consta®, Stugeron®, Topamax®, Imosec®, Motilium®, Mylicon® e Pariet®.  Com esta movimentação, a empresa fortalece as principais área de atuação, pois possui 3 unidades de negócios muito importantes para o setor farmacêutico.

Neste novo cenário, a Cellera dá passos definitivos para construir uma imagem importante no segmento de medicamentos para prescrição médica após firmar a parceria com a Janssen e o lançamento de Culturelle® no país. O Brasil é o principal e dos mais promissores no setor farmacêutico no mundo, pois continua crescendo neste momento de crise econômica de 5 a 10% ao ano. Atualmente, o Brasil é o sexto maior mercado no mundo, seguido de países como Estados Unidos, China, Japão, Alemanha e França. Atualmente, a Cellera Farma engloba a lista de empresas que estão entre as 25 maiores do mercado no setor e que está presente entre as 40 de maior faturamento.  

Sobre a Cellera Farma

Cellera Farma é resultado da aquisição do Instituto Terapêutico Delta e da empresa MIP Brasil Farma, com o investimento do grupo Principia Capital Partners em parceria com o sócio Omilton Visconde Junior, empresário com grande experiência no mercado farmacêutico brasileiro. Localizada na cidade de Indaiatuba, interior de São Paulo, a planta fabril tem 25 mil metros2 de área  total construída, aprovado pela Anvisa como planta de produção para medicamentos, cosméticos, produtos para saúde. 

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/1244388/Omilton_Visconde_Junior_CEO_2.jpg

FONTE Cellera Farma