Ceres Nanosciences estabelece dezesseis centros de excelência em epidemiologia baseada em águas residuais sob a iniciativa RADx dos Institutos Nacionais de Saúde

MANASSAS, Virgínia, 6 de abril de 2022 /PRNewswire/ -- A Ceres Nanosciences (Ceres), uma empresa privada que fabrica produtos inovadores para melhorar as pesquisas e os testes de diagnóstico na área de ciências da vida, anunciou a criação de seis novos centros de excelência em epidemiologia baseada em águas residuais. Os novos centros se somam aos nove centros de excelência existentes anunciados anteriormente, em novembro de 2021, e ao programa de testes de águas residuais na região metropolitana de Atlanta, que está sendo administrado pela Emory University, todos apoiados por um prêmio de 8,2 milhões de dólares da iniciativa Rapid Acceleration of Diagnostics (RADx®) dos Institutos Nacionais de Saúde (NIH).

Esses dezesseis locais abrangem laboratórios de testes sem fins lucrativos, universitários, de saúde pública e comerciais localizados em quatorze estados, incluindo Arizona, Califórnia, Connecticut, Illinois, Geórgia, Kansas, Kentucky, Louisiana, Maryland, Massachusetts, Nova York, Texas, West Virginia e Wisconsin, e estão oferecendo serviços de teste de águas residuais para quarenta estados.

Os centros estão monitorando regularmente as águas residuais de uma ampla variedade de fontes, inclusive de estações de tratamento de águas residuais, para oferecer informações sobre tendências gerais de vírus em um condado ou cidade; de estações de esgoto, para apoiar a tomada de decisões para alocação de recursos de saúde pública em nível de bairro; e também de unidades prediais como dormitórios universitários, instalações de enfermagem especializadas, penitenciárias, escolas de ensino fundamental, acampamentos de verão e aeroportos.

Cada centro foi selecionado com base em sua competência de utilizar a capacidade expandida para estender serviços a comunidades carentes e menos favorecidas, e espera-se que compartilhe os resultados com autoridades de saúde pública locais e estaduais, além de enviar dados ao Sistema Nacional de Vigilância de Águas Residuais do CDC (NWSS).

Cada centro de excelência recebeu os materiais e o treinamento no local para implementar um protocolo automatizado de partículas Nanotrap®, que permite a entrega no mesmo dia dos resultados dos testes de águas residuais para mais de cem amostras por dia. Os ácidos nucleicos extraídos deste protocolo automatizado são compatíveis com vários métodos de detecção de ácidos nucleicos, como reação em cadeia da polimerase quantitativa da transcrição reversa (RT-qPCR), PCR digital de gotículas da transcrição reversa (RT-ddPCR) e sequenciamento genômico.

"A capacitação do teste de águas residuais que este programa financiado pelo NIH estabeleceu em todo o país está sendo fundamental para monitorar o aumento de novas variantes do SARS-CoV-2", disse Ben Lepene, diretor de tecnologia da Ceres Nanosciences. "Também estou muito animado com os dados que estamos vendo que demonstram que o mesmo método pode ser utilizado para permitir o monitoramento de águas residuais de uma gama muito maior de doenças infecciosas, incluindo outros vírus, bactérias e parasitas."

Informações completas estão disponíveis em https://www.ceresnano.com/press-release-coe16

Contato para a imprensa:

Ross M. Dunlap

Ceres Nanosciences, Inc

1.800.615.0418 ramal 202

rdunlap@ceresnano.com

www.ceresnano.com

Logotipo - https://mma.prnewswire.com/media/1780598/Ceres_Nanosciences_Logo.jpg 

FONTE Ceres Nanosciences, Inc

MANASSAS, Virgínia, 6 de abril de 2022 /PRNewswire/ -- A Ceres Nanosciences (Ceres), uma empresa privada que fabrica produtos inovadores para melhorar as pesquisas e os testes de diagnóstico na área de ciências da vida, anunciou a criação de seis novos centros de excelência em epidemiologia baseada em águas residuais. Os novos centros se somam aos nove centros de excelência existentes anunciados anteriormente, em novembro de 2021, e ao programa de testes de águas residuais na região metropolitana de Atlanta, que está sendo administrado pela Emory University, todos apoiados por um prêmio de 8,2 milhões de dólares da iniciativa Rapid Acceleration of Diagnostics (RADx®) dos Institutos Nacionais de Saúde (NIH).

Esses dezesseis locais abrangem laboratórios de testes sem fins lucrativos, universitários, de saúde pública e comerciais localizados em quatorze estados, incluindo Arizona, Califórnia, Connecticut, Illinois, Geórgia, Kansas, Kentucky, Louisiana, Maryland, Massachusetts, Nova York, Texas, West Virginia e Wisconsin, e estão oferecendo serviços de teste de águas residuais para quarenta estados.

Os centros estão monitorando regularmente as águas residuais de uma ampla variedade de fontes, inclusive de estações de tratamento de águas residuais, para oferecer informações sobre tendências gerais de vírus em um condado ou cidade; de estações de esgoto, para apoiar a tomada de decisões para alocação de recursos de saúde pública em nível de bairro; e também de unidades prediais como dormitórios universitários, instalações de enfermagem especializadas, penitenciárias, escolas de ensino fundamental, acampamentos de verão e aeroportos.

Cada centro foi selecionado com base em sua competência de utilizar a capacidade expandida para estender serviços a comunidades carentes e menos favorecidas, e espera-se que compartilhe os resultados com autoridades de saúde pública locais e estaduais, além de enviar dados ao Sistema Nacional de Vigilância de Águas Residuais do CDC (NWSS).

Cada centro de excelência recebeu os materiais e o treinamento no local para implementar um protocolo automatizado de partículas Nanotrap®, que permite a entrega no mesmo dia dos resultados dos testes de águas residuais para mais de cem amostras por dia. Os ácidos nucleicos extraídos deste protocolo automatizado são compatíveis com vários métodos de detecção de ácidos nucleicos, como reação em cadeia da polimerase quantitativa da transcrição reversa (RT-qPCR), PCR digital de gotículas da transcrição reversa (RT-ddPCR) e sequenciamento genômico.

"A capacitação do teste de águas residuais que este programa financiado pelo NIH estabeleceu em todo o país está sendo fundamental para monitorar o aumento de novas variantes do SARS-CoV-2", disse Ben Lepene, diretor de tecnologia da Ceres Nanosciences. "Também estou muito animado com os dados que estamos vendo que demonstram que o mesmo método pode ser utilizado para permitir o monitoramento de águas residuais de uma gama muito maior de doenças infecciosas, incluindo outros vírus, bactérias e parasitas."

Informações completas estão disponíveis em https://www.ceresnano.com/press-release-coe16

Contato para a imprensa:

Ross M. Dunlap

Ceres Nanosciences, Inc

1.800.615.0418 ramal 202

rdunlap@ceresnano.com

www.ceresnano.com

Logotipo - https://mma.prnewswire.com/media/1780598/Ceres_Nanosciences_Logo.jpg 

FONTE Ceres Nanosciences, Inc

Você acabou de ler:

Ceres Nanosciences estabelece dezesseis centros de excelência em epidemiologia baseada em águas residuais sob a iniciativa RADx dos Institutos Nacionais de Saúde

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/ceres-nanosciences-estabelece-dezesseis-centros-de-excelencia-em-epidemiologia-baseada-em-aguas-residuais-sob-a-iniciativa-radx-dos-institutos-nacionais-de-saude/