CGTN: China enfatiza a necessidade de levar mais estabilidade a uma era de instabilidade

PEQUIM, 10 de maio de 2022 /PRNewswire/ -- Na segunda-feira, a China destacou a necessidade urgente de levar mais estabilidade e certeza a uma era de instabilidade e transformação devido às mudanças complexas atuais no cenário internacional e a um aumento acentuado nas dificuldades e nos desafios para a segurança e o desenvolvimento globais.

Durante uma reunião virtual com o chanceler da Alemanha, Olaf Scholz, o presidente da China, Xi Jinping, conclamou os dois países a trabalharem juntos para manter um relacionamento sólido e estável para contribuir significativamente para a paz e tranquilidade do mundo.

O último apelo de Xi ocorreu depois de Xi ter incentivado a UE a trabalhar com a China para adicionar fatores de estabilização a um mundo turbulento durante uma reunião virtual com os líderes da UE em 1º de abril.

Durante as conversas de segunda-feira, Xi disse que é particularmente importante para a China e Alemanha, dois países importantes de influência significativa, manter o crescimento sólido e estável das relações bilaterais e aproveitar melhor o papel estabilizador, construtivo e direcionador desse relacionamento.

Os dois países devem se ater ao tema principal do diálogo e da cooperação em suas relações e fazer bom uso do diálogo bilateral e dos mecanismos de cooperação, disse Xi.

Ele continuou dizendo que os dois lados podem conduzir o diálogo em áreas como mudanças climáticas, política macroeconômica, estabilidade financeira, segurança energética, segurança alimentar e estabilidade das cadeias industriais e de suprimentos. 

A China e a Alemanha também devem tirar proveito do potencial da cooperação, como em novas tecnologias, incluindo proteção ambiental, serviços de comércio, inteligência artificial e digitalização, disse o presidente da China. 

Os dois lados devem defender o verdadeiro multilateralismo e manter a justiça internacional, promover uma economia mundial aberta e tornar o desenvolvimento global mais equilibrado, coordenado e inclusivo, disse Xi.

Scholz destacou o excelente desenvolvimento das relações entre Alemanha e China nos últimos anos e conclamou os dois lados a levar adiante a boa tradição e manter o ritmo sólido das relações bilaterais.

Os dois países manterão um diálogo sobre manter a estabilidade das cadeias globais de suprimentos, coordenação de políticas macroeconômicas e outras, e intensificarão a cooperação em uma ampla gama de áreas, incluindo comércio e investimento, mudanças climáticas e resposta à COVID-19, disse o líder alemão.

Ele acrescentou que a Alemanha recebeu positivamente o compromisso da China de expandir a abertura de alto padrão, o que levará mais oportunidades para o país.

A China e a Alemanha, agora parceiros estratégicos, comemorarão o 50º aniversário do estabelecimento das relações diplomáticas em outubro.

"Relação entre China e Europa não controlada por terceiros" 

Xi ressaltou que a China e a UE são parceiros estratégicos abrangentes e oferecem oportunidades uns dos outros, e que os dois lados têm muito mais interesses em comum do que diferenças.

A China apoia a autonomia estratégica da UE, ele reiterou.

"A relação entre a China e a Europa não é direcionada, subjugada ou controlada por terceiros", disse Xi, observando que esse é um consenso estratégico que os dois lados devem seguir no longo prazo. 

Diante de crises geopolíticas, a China e a UE precisam defender o diálogo e a cooperação e compensar as mudanças complexas no cenário internacional com a estabilidade das relações entre a China e a UE.

Xi expressou sua esperança de que a Alemanha desempenhe um papel positivo no desenvolvimento estável e sólido das relações entre China e UE.

Scholz, por sua vez, disse que a Alemanha está preparada para melhorar a comunicação e coordenação com a China na frente multilateral e promover o desenvolvimento sólido das relações entre a Europa e a China.

"Crise da Ucrânia leva a segurança da Europa a uma encruzilhada" 

Sobre a situação na Ucrânia, Xi disse que a China vem trabalhando de sua própria maneira para promover a paz e diminuir as tensões.

Mais uma vez, a crise na Ucrânia levou a segurança da Europa a uma encruzilhada, ele disse, acrescentando que é importante fazer o máximo possível para evitar que o conflito se intensifique ou evolua para um ponto sem retorno.

O presidente da China conclamou o lado europeu a mostrar responsabilidade histórica e sabedoria política, ter em mente a estabilidade de longo prazo da Europa e promover uma solução de maneira responsável.

"A segurança da Europa deve ser mantida nas mãos dos próprios europeus", ele disse.

Em muitas ocasiões, a China reiterou que apoia a Europa para exercer um papel positivo na promoção de conversas para a paz e no eventual estabelecimento de uma arquitetura de segurança equilibrada, eficaz e sustentável para a Europa.

https://news.cgtn.com/news/2022-05-09/President-Xi-holds-talks-with-German-Chancellor-Scholz-via-video-link-19TFo9OduuI/index.html 

Vídeo - https://www.youtube.com/watch?v=mbP-p9ivMEE 

FONTE CGTN

PEQUIM, 10 de maio de 2022 /PRNewswire/ -- Na segunda-feira, a China destacou a necessidade urgente de levar mais estabilidade e certeza a uma era de instabilidade e transformação devido às mudanças complexas atuais no cenário internacional e a um aumento acentuado nas dificuldades e nos desafios para a segurança e o desenvolvimento globais.

Durante uma reunião virtual com o chanceler da Alemanha, Olaf Scholz, o presidente da China, Xi Jinping, conclamou os dois países a trabalharem juntos para manter um relacionamento sólido e estável para contribuir significativamente para a paz e tranquilidade do mundo.

O último apelo de Xi ocorreu depois de Xi ter incentivado a UE a trabalhar com a China para adicionar fatores de estabilização a um mundo turbulento durante uma reunião virtual com os líderes da UE em 1º de abril.

Durante as conversas de segunda-feira, Xi disse que é particularmente importante para a China e Alemanha, dois países importantes de influência significativa, manter o crescimento sólido e estável das relações bilaterais e aproveitar melhor o papel estabilizador, construtivo e direcionador desse relacionamento.

Os dois países devem se ater ao tema principal do diálogo e da cooperação em suas relações e fazer bom uso do diálogo bilateral e dos mecanismos de cooperação, disse Xi.

Ele continuou dizendo que os dois lados podem conduzir o diálogo em áreas como mudanças climáticas, política macroeconômica, estabilidade financeira, segurança energética, segurança alimentar e estabilidade das cadeias industriais e de suprimentos. 

A China e a Alemanha também devem tirar proveito do potencial da cooperação, como em novas tecnologias, incluindo proteção ambiental, serviços de comércio, inteligência artificial e digitalização, disse o presidente da China. 

Os dois lados devem defender o verdadeiro multilateralismo e manter a justiça internacional, promover uma economia mundial aberta e tornar o desenvolvimento global mais equilibrado, coordenado e inclusivo, disse Xi.

Scholz destacou o excelente desenvolvimento das relações entre Alemanha e China nos últimos anos e conclamou os dois lados a levar adiante a boa tradição e manter o ritmo sólido das relações bilaterais.

Os dois países manterão um diálogo sobre manter a estabilidade das cadeias globais de suprimentos, coordenação de políticas macroeconômicas e outras, e intensificarão a cooperação em uma ampla gama de áreas, incluindo comércio e investimento, mudanças climáticas e resposta à COVID-19, disse o líder alemão.

Ele acrescentou que a Alemanha recebeu positivamente o compromisso da China de expandir a abertura de alto padrão, o que levará mais oportunidades para o país.

A China e a Alemanha, agora parceiros estratégicos, comemorarão o 50º aniversário do estabelecimento das relações diplomáticas em outubro.

"Relação entre China e Europa não controlada por terceiros" 

Xi ressaltou que a China e a UE são parceiros estratégicos abrangentes e oferecem oportunidades uns dos outros, e que os dois lados têm muito mais interesses em comum do que diferenças.

A China apoia a autonomia estratégica da UE, ele reiterou.

"A relação entre a China e a Europa não é direcionada, subjugada ou controlada por terceiros", disse Xi, observando que esse é um consenso estratégico que os dois lados devem seguir no longo prazo. 

Diante de crises geopolíticas, a China e a UE precisam defender o diálogo e a cooperação e compensar as mudanças complexas no cenário internacional com a estabilidade das relações entre a China e a UE.

Xi expressou sua esperança de que a Alemanha desempenhe um papel positivo no desenvolvimento estável e sólido das relações entre China e UE.

Scholz, por sua vez, disse que a Alemanha está preparada para melhorar a comunicação e coordenação com a China na frente multilateral e promover o desenvolvimento sólido das relações entre a Europa e a China.

"Crise da Ucrânia leva a segurança da Europa a uma encruzilhada" 

Sobre a situação na Ucrânia, Xi disse que a China vem trabalhando de sua própria maneira para promover a paz e diminuir as tensões.

Mais uma vez, a crise na Ucrânia levou a segurança da Europa a uma encruzilhada, ele disse, acrescentando que é importante fazer o máximo possível para evitar que o conflito se intensifique ou evolua para um ponto sem retorno.

O presidente da China conclamou o lado europeu a mostrar responsabilidade histórica e sabedoria política, ter em mente a estabilidade de longo prazo da Europa e promover uma solução de maneira responsável.

"A segurança da Europa deve ser mantida nas mãos dos próprios europeus", ele disse.

Em muitas ocasiões, a China reiterou que apoia a Europa para exercer um papel positivo na promoção de conversas para a paz e no eventual estabelecimento de uma arquitetura de segurança equilibrada, eficaz e sustentável para a Europa.

https://news.cgtn.com/news/2022-05-09/President-Xi-holds-talks-with-German-Chancellor-Scholz-via-video-link-19TFo9OduuI/index.html 

Vídeo - https://www.youtube.com/watch?v=mbP-p9ivMEE 

FONTE CGTN

Você acabou de ler:

CGTN: China enfatiza a necessidade de levar mais estabilidade a uma era de instabilidade

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/cgtn-china-enfatiza-a-necessidade-de-levar-mais-estabilidade-a-uma-era-de-instabilidade/