CGTN: Iniciativa de Ação Global 2021 - Projeto Terra

(O evento "Iniciativa de Ação Global 2021 – Projeto Terra" será transmitido de 2 a 6 de Novembro) 

PEQUIM, 8 de novembro de 2021 /PRNewswire/-- O evento "Iniciativa de Ação Global 2021 - Projeto Terra" do China Media Group, com duração de uma semana, destacou a gravidade da crise climática, ouviu líderes globais, cientistas, jovens ativistas e explorou ideias e soluções.

Nosso programa de cinco dias concentrou-se nas ideias e inovações dos jovens. No final do programa, divulgamos nossa declaração - o "Global Media Strategic Framework on Climate Action (Estrutura Estratégica Global da Mídia sobre Ação Climática)". Trata-se de um apelo para ações imediatas para atingir as metas globais de redução das emissões de carbono. A declaração também propõe a criação de uma aliança global de mídia sobre o clima para construir uma estrutura para a ação climática que inclua:

-Priorizar relatórios relacionados ao clima para aumentar a conscientização pública.

- Compartilhar recursos sobre relatórios climáticos para desempenhar melhor o papel da responsabilidade social da mídia.

- Organizar eventos de mídia conjunta para melhorar o engajamento público e incentivar a construção da comunidade.

- Colaborar para ampliar a voz dos jovens para envolvê-los como uma grande parte da solução de crises climáticas.

- Fortalecer a colaboração em todas as plataformas de mídia para que se tornem uma fonte unificada para fornecer informações confiáveis.

- Compartilhar recursos de mídia com comunidades acadêmicas e empresariais, bem como ONGs internacionais e organizações para fins lucrativos, para aumentar as iniciativas de questão climática.

- Trabalhar em conjunto para garantir a autenticidade no jornalismo para combater as desinformações e a demagogia sobre crise climática.

Em suas principais palestras, no quinto dia do programa, o coordenador residente da ONU na China, Siddharth Chatterjee, falou sobre a necessidade de uma mudança sísmica em inovação, investimento e tecnologia. O líder global de clima e energia do World Wildlife Fund, Manuel Pulgar-Vidal, que também é o ex-ministro do meio ambiente peruano, advertiu que estamos em uma "década decisiva" enquanto o mundo se esforça para obter emissões líquidas zero e uma economia resiliente.  

Qin Gang, embaixador da China nos EUA, fez perguntas de alunos da China e dos Estados Unidos sobre as mudanças climáticas. Também ouvimos um funcionário sênior do Banco Mundial, um economista ganhador do Prêmio Nobel e professor da Universidade de Harvard.

Nos primeiros quatro dias, nossos programas apresentaram os impactos das mudanças climáticas no ambiente global, a importância da biodiversidade, a responsabilidade da mídia e as ações individuais de cidadãos globais, com Chefes de Estado e Governo, funcionários seniores da ONU, FMI e Banco Mundial e especialistas em clima compartilhando suas perspectivas.

Uma parte significativa da nossa cobertura inclui cinco documentários "Hora Zero". Eles examinam o impacto de padrões climáticos extremos e como os jovens em todo o mundo estão encontrando maneiras criativas de mitigar a crise climática.

Para mais informações sobre a "Iniciativa de Ação Global 2021 – Projeto Terra", siga https://america.cgtn.com/gai/gai.html

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/1681094/Global_Action_Initiative_2021___Project_Earth__airs_November_2.jpg

 

 

 

FONTE CGTN

(O evento "Iniciativa de Ação Global 2021 – Projeto Terra" será transmitido de 2 a 6 de Novembro) 

PEQUIM, 8 de novembro de 2021 /PRNewswire/-- O evento "Iniciativa de Ação Global 2021 - Projeto Terra" do China Media Group, com duração de uma semana, destacou a gravidade da crise climática, ouviu líderes globais, cientistas, jovens ativistas e explorou ideias e soluções.

Nosso programa de cinco dias concentrou-se nas ideias e inovações dos jovens. No final do programa, divulgamos nossa declaração - o "Global Media Strategic Framework on Climate Action (Estrutura Estratégica Global da Mídia sobre Ação Climática)". Trata-se de um apelo para ações imediatas para atingir as metas globais de redução das emissões de carbono. A declaração também propõe a criação de uma aliança global de mídia sobre o clima para construir uma estrutura para a ação climática que inclua:

-Priorizar relatórios relacionados ao clima para aumentar a conscientização pública.

- Compartilhar recursos sobre relatórios climáticos para desempenhar melhor o papel da responsabilidade social da mídia.

- Organizar eventos de mídia conjunta para melhorar o engajamento público e incentivar a construção da comunidade.

- Colaborar para ampliar a voz dos jovens para envolvê-los como uma grande parte da solução de crises climáticas.

- Fortalecer a colaboração em todas as plataformas de mídia para que se tornem uma fonte unificada para fornecer informações confiáveis.

- Compartilhar recursos de mídia com comunidades acadêmicas e empresariais, bem como ONGs internacionais e organizações para fins lucrativos, para aumentar as iniciativas de questão climática.

- Trabalhar em conjunto para garantir a autenticidade no jornalismo para combater as desinformações e a demagogia sobre crise climática.

Em suas principais palestras, no quinto dia do programa, o coordenador residente da ONU na China, Siddharth Chatterjee, falou sobre a necessidade de uma mudança sísmica em inovação, investimento e tecnologia. O líder global de clima e energia do World Wildlife Fund, Manuel Pulgar-Vidal, que também é o ex-ministro do meio ambiente peruano, advertiu que estamos em uma "década decisiva" enquanto o mundo se esforça para obter emissões líquidas zero e uma economia resiliente.  

Qin Gang, embaixador da China nos EUA, fez perguntas de alunos da China e dos Estados Unidos sobre as mudanças climáticas. Também ouvimos um funcionário sênior do Banco Mundial, um economista ganhador do Prêmio Nobel e professor da Universidade de Harvard.

Nos primeiros quatro dias, nossos programas apresentaram os impactos das mudanças climáticas no ambiente global, a importância da biodiversidade, a responsabilidade da mídia e as ações individuais de cidadãos globais, com Chefes de Estado e Governo, funcionários seniores da ONU, FMI e Banco Mundial e especialistas em clima compartilhando suas perspectivas.

Uma parte significativa da nossa cobertura inclui cinco documentários "Hora Zero". Eles examinam o impacto de padrões climáticos extremos e como os jovens em todo o mundo estão encontrando maneiras criativas de mitigar a crise climática.

Para mais informações sobre a "Iniciativa de Ação Global 2021 – Projeto Terra", siga https://america.cgtn.com/gai/gai.html

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/1681094/Global_Action_Initiative_2021___Project_Earth__airs_November_2.jpg

 

 

 

FONTE CGTN

Você acabou de ler:

CGTN: Iniciativa de Ação Global 2021 - Projeto Terra

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/cgtn-iniciativa-de-acao-global-2021-projeto-terra/