CGTN: Peng Liyuan clama pela educação das mulheres e a redução da pobreza

PEQUIM, 22 de julho de 2021 /PRNewswire/ -- Peng Liyuan, esposa do presidente chinês Xi Jinping, participou na terça-feira do fórum Shanghai Cooperation Organization (SCO) sobre educação e redução da pobreza por meio de vídeo.

Peng, que também é enviada especial da Organização das Nações Unidas para a Edução, a Ciência e a Cultura (UNESCO) para o avanço da educação de meninas e mulheres, declarou que eliminar a pobreza e abraçar a felicidade são as aspirações comuns de todas as mulheres. Ao receber educação, conhecimentos e habilidades, as mulheres podem ter o poder de sair da pobreza.

Graças aos esforços incessantes da China, o país conquistou uma vitória na luta contra a pobreza extrema, e centenas de milhões de mulheres chinesas saíram da pobreza, disse ela, acrescentando que a China adotou uma série de medidas para garantir a igualdade de acesso das mulheres à educação e torná-las beneficiárias, participantes e contribuintes na redução da pobreza.

Peng disse que a redução da pobreza por meio da educação das mulheres terá um forte impulso se um país atribuir grande importância à questão, as organizações sociais apoiarem ativamente a causa e as pessoas de todas as esferas da vida fizerem contribuições desinteressadas.

Ela mencionou como o governo provincial de Guizhou motivou mais de 500.000 mulheres a trabalhar em casa, mediante o desenvolvimento de um setor de artesanato feito por mulheres, como mais de 3 milhões de meninas pobres puderam concluir sua educação sob o projeto Spring Bud financiado a nível nacional, e como um professor chamado Zhang Guimei fundou uma escola secundária gratuita em uma área empobrecida que ajudou quase 2.000 meninas a entrar na faculdade.

Com 435 milhões de mulheres ainda vivendo na pobreza no mundo, a lacuna de gênero na educação continua sendo evidente, disse Peng, acrescentando que a pandemia da COVID-19 propõe novos desafios para reduzir a pobreza das mulheres.

Nos últimos 20 anos, desde a criação da SCO, as mulheres dos Estados Membros têm seguido o "espírito de Xangai", trocando experiências sobre o desenvolvimento das mulheres, promovendo a cooperação em várias áreas e contribuindo para o avanço da cooperação da SCO, disse Peng.

Precisamos unir nosso amor e fazer esforços duradouros, continuar a aprofundar a cooperação na educação das mulheres e na redução da pobreza, permitir que a educação traga uma luz de esperança para as mulheres e fazer com que elas desfrutem de oportunidades para viver uma vida harmoniosa, disse ela.

O fórum é organizado em conjunto pela Federação de Mulheres da China (ACWF), o Comitê de Boa Vizinhança, Amizade e cooperação da SCO e a Secretaria da SCO.

https://news.cgtn.com/news/2021-07-20/Peng-Liyuan-addresses-SCO-forum-on-women-s-issues-123aLctgSfS/index.html

Vídeo - https://www.youtube.com/watch?v=jJVVI3hTw78

FONTE CGTN

PEQUIM, 22 de julho de 2021 /PRNewswire/ -- Peng Liyuan, esposa do presidente chinês Xi Jinping, participou na terça-feira do fórum Shanghai Cooperation Organization (SCO) sobre educação e redução da pobreza por meio de vídeo.

Peng, que também é enviada especial da Organização das Nações Unidas para a Edução, a Ciência e a Cultura (UNESCO) para o avanço da educação de meninas e mulheres, declarou que eliminar a pobreza e abraçar a felicidade são as aspirações comuns de todas as mulheres. Ao receber educação, conhecimentos e habilidades, as mulheres podem ter o poder de sair da pobreza.

Graças aos esforços incessantes da China, o país conquistou uma vitória na luta contra a pobreza extrema, e centenas de milhões de mulheres chinesas saíram da pobreza, disse ela, acrescentando que a China adotou uma série de medidas para garantir a igualdade de acesso das mulheres à educação e torná-las beneficiárias, participantes e contribuintes na redução da pobreza.

Peng disse que a redução da pobreza por meio da educação das mulheres terá um forte impulso se um país atribuir grande importância à questão, as organizações sociais apoiarem ativamente a causa e as pessoas de todas as esferas da vida fizerem contribuições desinteressadas.

Ela mencionou como o governo provincial de Guizhou motivou mais de 500.000 mulheres a trabalhar em casa, mediante o desenvolvimento de um setor de artesanato feito por mulheres, como mais de 3 milhões de meninas pobres puderam concluir sua educação sob o projeto Spring Bud financiado a nível nacional, e como um professor chamado Zhang Guimei fundou uma escola secundária gratuita em uma área empobrecida que ajudou quase 2.000 meninas a entrar na faculdade.

Com 435 milhões de mulheres ainda vivendo na pobreza no mundo, a lacuna de gênero na educação continua sendo evidente, disse Peng, acrescentando que a pandemia da COVID-19 propõe novos desafios para reduzir a pobreza das mulheres.

Nos últimos 20 anos, desde a criação da SCO, as mulheres dos Estados Membros têm seguido o "espírito de Xangai", trocando experiências sobre o desenvolvimento das mulheres, promovendo a cooperação em várias áreas e contribuindo para o avanço da cooperação da SCO, disse Peng.

Precisamos unir nosso amor e fazer esforços duradouros, continuar a aprofundar a cooperação na educação das mulheres e na redução da pobreza, permitir que a educação traga uma luz de esperança para as mulheres e fazer com que elas desfrutem de oportunidades para viver uma vida harmoniosa, disse ela.

O fórum é organizado em conjunto pela Federação de Mulheres da China (ACWF), o Comitê de Boa Vizinhança, Amizade e cooperação da SCO e a Secretaria da SCO.

https://news.cgtn.com/news/2021-07-20/Peng-Liyuan-addresses-SCO-forum-on-women-s-issues-123aLctgSfS/index.html

Vídeo - https://www.youtube.com/watch?v=jJVVI3hTw78

FONTE CGTN

Você acabou de ler:

CGTN: Peng Liyuan clama pela educação das mulheres e a redução da pobreza

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/cgtn-peng-liyuan-clama-pela-educacao-das-mulheres-e-a-reducao-da-pobreza/