CGTN: Pudong de Xangai será pioneira na nova campanha de reforma da China

PEQUIM, 13 de novembro de 2020 /PRNewswire/ -- Após 30 anos de desenvolvimento e abertura, Pudong, no município de Xangai, no leste da China, recebeu duas novas funções no desenvolvimento geral do país nas próximas três décadas. 

A área deve se esforçar para se tornar uma pioneira na reforma e abertura em um nível mais alto e uma vanguarda na construção total de um país socialista moderno, disse o presidente chinês Xi Jinping na quinta-feira em um grande encontro em Xangai para comemorar o 30º aniversário do desenvolvimento e abertura de Pudong. 

Xi, também secretário-geral do Comitê Central do Partido Comunista da China (PCC), disse que enquanto a China embarca em uma nova jornada para alcançar a meta de construir um país socialista moderno até meados do século, Pudong precisa cumprir novas missões históricas para facilitar o processo. 

Leia o artigo original aqui

Ele encorajou o distrito a "carregar a carga mais pesada" e "quebrar a noz mais dura" na campanha de reforma e modernização da China.

Leia mais: 

Como Xi Jinping se preocupa com a abertura e o desenvolvimento de Pudong 

Pudong 30 anos depois: epítome da modernização e abertura da China 

Motor de inovação 

O evento de quinta-feira aconteceu duas semanas após a conclusão da quinta sessão plenária do 19º Comitê Central do PCC, na qual os líderes chineses traçaram o curso de desenvolvimento do país para os próximos 15 anos. 

De acordo com as propostas da liderança do Partido para formular o 14º Plano Quinquenal (2021-2025, FYP) para o Desenvolvimento Econômico e Social Nacional e os Objetivos de Longo Prazo até o ano de 2035, a China manterá o papel central da inovação e assumirá confiança na ciência e tecnologia como suporte estratégico para o desenvolvimento nacional, com o objetivo de se tornar um líder global em inovação. 

Em tal contexto, Xi pediu a Pudong para fortalecer seu papel como um motor de inovação e fazer descobertas em tecnologias-chave e centrais. O distrito deve desenvolver setores inovadores em áreas-chave e criar clusters industriais de classe mundial em áreas como circuitos integrados, biomedicina e inteligência artificial, disse ele.

Leia mais: 

Funcionários descrevem o roteiro de desenvolvimento da China em novo estágio 

China revela plano para se tornar líder global em inovação 

Pudong deve fortalecer o papel dominante das empresas na inovação tecnológica e trabalhar mais estreitamente com outros participantes na região do Delta do Rio Yangtze, disse ele, pedindo avanços em componentes essenciais e o lançamento de produtos de ponta. 

Ele também apelou a Pudong para iniciar reformas em áreas cruciais e ligações-chave e criar um ambiente de negócios internacionalizado e orientado para o mercado. 

O distrito deve aprofundar a abertura institucional em regras, regulamentos, gestão e padrões para aumentar seus pontos fortes na cooperação e competição internacional, disse ele. 

A nova área de Lingang da Zona de Livre Comércio Piloto da China (Xangai), lançada no ano passado, deve envidar mais esforços em testes de estresse e alcançar avanços em uma série de áreas-chave, disse Xi.

Papel na alocação global de recursos 

Foi o segundo discurso de Xi para marcar pontos importantes da reforma e abertura da China durante o mês passado. Em meados de outubro, Xi visitou Shenzhen, na província de Guangdong, no sul da China, e participou de uma reunião para celebrar o 40º aniversário do estabelecimento da Zona Econômica Especial de Shenzhen, instando a cidade a aprofundar a reforma geral e expandir a abertura em todas as frentes. 

Shengzhen e Xangai estiveram na vanguarda da reforma e abertura da China nas últimas décadas. As duas cidades também abrigam as duas únicas bolsas de valores do continente chinês, desempenhando papéis insubstituíveis na alocação de recursos para a segunda maior economia do mundo. 

À medida que a China se esforça para cultivar um novo padrão de desenvolvimento que tenha o mercado interno como o esteio e, ao mesmo tempo, permita que os mercados interno e externo impulsionem um ao outro, os papéis de Shenzhen e Xangai estão se tornando ainda mais significativos. 

Xi pediu esforços para melhorar as capacidades de Pudong na alocação de recursos globais para que sirva melhor ao estabelecimento do novo padrão de desenvolvimento. Pudong deve coordenar melhor os recursos nos mercados interno e externo e aumentar sua influência global nos fatores de mobilização, incluindo fundos, informação, tecnologia, talento e bens, afirmou ele. 



Pudong deve se esforçar para se tornar um centro do mercado interno e um elo estratégico dos mercados interno e externo, disse ele. A área também deve desempenhar um papel de liderança no desenvolvimento integrado da região do Delta do Rio Yangtze, acrescentou.

O presidente também pediu a Pudong que estabeleça uma plataforma internacional de negociação de ativos financeiros, desenvolva uma economia-sede de nível superior e se transforme em um importante centro industrial, de suprimentos e de cadeias de valor globais. 

Enquanto isso, Xi pediu a modernização da governança urbana e a construção do distrito em uma bela casa onde as pessoas e a natureza coexistam em harmonia. 

Em 18 de abril de 1990, a China anunciou o desenvolvimento e a abertura de Pudong, uma área menos desenvolvida localizada a leste do Rio Huangpu, em Xangai. 

O PIB regional de Pudong aumentou mais de 210 vezes nas últimas três décadas. O distrito agora contribui com quase um terço do PIB de Xangai. É a sede de mais de 1.000 instituições financeiras, mais de 300 sedes regionais de multinacionais e mais de 240 centros de P&D com investimentos estrangeiros.

Vídeo - https://www.youtube.com/watch?v=dmE9AKcjnQc

 

FONTE CGTN

PEQUIM, 13 de novembro de 2020 /PRNewswire/ -- Após 30 anos de desenvolvimento e abertura, Pudong, no município de Xangai, no leste da China, recebeu duas novas funções no desenvolvimento geral do país nas próximas três décadas. 

A área deve se esforçar para se tornar uma pioneira na reforma e abertura em um nível mais alto e uma vanguarda na construção total de um país socialista moderno, disse o presidente chinês Xi Jinping na quinta-feira em um grande encontro em Xangai para comemorar o 30º aniversário do desenvolvimento e abertura de Pudong. 

Xi, também secretário-geral do Comitê Central do Partido Comunista da China (PCC), disse que enquanto a China embarca em uma nova jornada para alcançar a meta de construir um país socialista moderno até meados do século, Pudong precisa cumprir novas missões históricas para facilitar o processo. 

Leia o artigo original aqui

Ele encorajou o distrito a "carregar a carga mais pesada" e "quebrar a noz mais dura" na campanha de reforma e modernização da China.

Leia mais: 

Como Xi Jinping se preocupa com a abertura e o desenvolvimento de Pudong 

Pudong 30 anos depois: epítome da modernização e abertura da China 

Motor de inovação 

O evento de quinta-feira aconteceu duas semanas após a conclusão da quinta sessão plenária do 19º Comitê Central do PCC, na qual os líderes chineses traçaram o curso de desenvolvimento do país para os próximos 15 anos. 

De acordo com as propostas da liderança do Partido para formular o 14º Plano Quinquenal (2021-2025, FYP) para o Desenvolvimento Econômico e Social Nacional e os Objetivos de Longo Prazo até o ano de 2035, a China manterá o papel central da inovação e assumirá confiança na ciência e tecnologia como suporte estratégico para o desenvolvimento nacional, com o objetivo de se tornar um líder global em inovação. 

Em tal contexto, Xi pediu a Pudong para fortalecer seu papel como um motor de inovação e fazer descobertas em tecnologias-chave e centrais. O distrito deve desenvolver setores inovadores em áreas-chave e criar clusters industriais de classe mundial em áreas como circuitos integrados, biomedicina e inteligência artificial, disse ele.

Leia mais: 

Funcionários descrevem o roteiro de desenvolvimento da China em novo estágio 

China revela plano para se tornar líder global em inovação 

Pudong deve fortalecer o papel dominante das empresas na inovação tecnológica e trabalhar mais estreitamente com outros participantes na região do Delta do Rio Yangtze, disse ele, pedindo avanços em componentes essenciais e o lançamento de produtos de ponta. 

Ele também apelou a Pudong para iniciar reformas em áreas cruciais e ligações-chave e criar um ambiente de negócios internacionalizado e orientado para o mercado. 

O distrito deve aprofundar a abertura institucional em regras, regulamentos, gestão e padrões para aumentar seus pontos fortes na cooperação e competição internacional, disse ele. 

A nova área de Lingang da Zona de Livre Comércio Piloto da China (Xangai), lançada no ano passado, deve envidar mais esforços em testes de estresse e alcançar avanços em uma série de áreas-chave, disse Xi.

Papel na alocação global de recursos 

Foi o segundo discurso de Xi para marcar pontos importantes da reforma e abertura da China durante o mês passado. Em meados de outubro, Xi visitou Shenzhen, na província de Guangdong, no sul da China, e participou de uma reunião para celebrar o 40º aniversário do estabelecimento da Zona Econômica Especial de Shenzhen, instando a cidade a aprofundar a reforma geral e expandir a abertura em todas as frentes. 

Shengzhen e Xangai estiveram na vanguarda da reforma e abertura da China nas últimas décadas. As duas cidades também abrigam as duas únicas bolsas de valores do continente chinês, desempenhando papéis insubstituíveis na alocação de recursos para a segunda maior economia do mundo. 

À medida que a China se esforça para cultivar um novo padrão de desenvolvimento que tenha o mercado interno como o esteio e, ao mesmo tempo, permita que os mercados interno e externo impulsionem um ao outro, os papéis de Shenzhen e Xangai estão se tornando ainda mais significativos. 

Xi pediu esforços para melhorar as capacidades de Pudong na alocação de recursos globais para que sirva melhor ao estabelecimento do novo padrão de desenvolvimento. Pudong deve coordenar melhor os recursos nos mercados interno e externo e aumentar sua influência global nos fatores de mobilização, incluindo fundos, informação, tecnologia, talento e bens, afirmou ele. 



Pudong deve se esforçar para se tornar um centro do mercado interno e um elo estratégico dos mercados interno e externo, disse ele. A área também deve desempenhar um papel de liderança no desenvolvimento integrado da região do Delta do Rio Yangtze, acrescentou.

O presidente também pediu a Pudong que estabeleça uma plataforma internacional de negociação de ativos financeiros, desenvolva uma economia-sede de nível superior e se transforme em um importante centro industrial, de suprimentos e de cadeias de valor globais. 

Enquanto isso, Xi pediu a modernização da governança urbana e a construção do distrito em uma bela casa onde as pessoas e a natureza coexistam em harmonia. 

Em 18 de abril de 1990, a China anunciou o desenvolvimento e a abertura de Pudong, uma área menos desenvolvida localizada a leste do Rio Huangpu, em Xangai. 

O PIB regional de Pudong aumentou mais de 210 vezes nas últimas três décadas. O distrito agora contribui com quase um terço do PIB de Xangai. É a sede de mais de 1.000 instituições financeiras, mais de 300 sedes regionais de multinacionais e mais de 240 centros de P&D com investimentos estrangeiros.

Vídeo - https://www.youtube.com/watch?v=dmE9AKcjnQc

 

FONTE CGTN

Você acabou de ler:

CGTN: Pudong de Xangai será pioneira na nova campanha de reforma da China

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/cgtn-pudong-de-xangai-sera-pioneira-na-nova-campanha-de-reforma-da-china/