CGTN:2021 excepcionalmente significativo: Como a China se preparou para construir um país socialista moderno

PEQUIM, 3 de janeiro de 2022 /PRNewswire/ -- O ano de 2021 foi, sem dúvida, extraordinário para a China. Ele marcou o início do período do 14º Plano Quinquenal (FYP) (2021-2025). Também foi um ano em que os prazos para materializar os dois objetivos centenários da China, construir uma sociedade moderadamente próspera em todos os aspectos e construir um grande país socialista moderno em todos os aspectos, convergiram historicamente.

"O ano passado foi um ano de significado excepcional", disse o presidente chinês, Xi Jinping, em seu discurso de Ano Novo de 2022.

Como a China se preparou totalmente no ano passado para embarcar em uma nova jornada para construir um país socialista moderno?

Um bom começo

O produto interno bruto (PIB) da China ultrapassou o limite de 100 trilhões de yuans (cerca de US$ 15,42 trilhões) em 2020, segundo dados oficiais divulgados em 18 de janeiro de 2021.

No início de janeiro, Xi, também secretário-geral do Comitê Central do PCC e presidente da Comissão Militar Central, discursou para uma sessão de estudo na Escola do Partido do Comitê Central do PCC.

O presidente convocou mais de 190 funcionários provinciais e ministeriais presentes para se esforçarem para um bom começo na construção plena de um país socialista moderno.

Cerca de duas semanas depois, presidindo uma sessão de estudo em grupo do Departamento Político do Comitê Central do PCC, Xi reiterou que a necessidade de garantir um desenvolvimento econômico e social sólido, como o "primeiro passo" do 14º Plano Quinquenal foi crucial.

Posteriormente, em março, a China revelou a versão final de seu plano de desenvolvimento nacional para os próximos cinco e 15 anos, com foco no crescimento econômico sustentável, o padrão de crescimento econômico de "dupla circulação", sistemas industriais orientados para a inovação e desenvolvimento de áreas rurais.

"Ao longo do ano, dedicamos nossos esforços, contribuímos com nossa parte e recebemos muito em troca", disse Xi ao enviar saudações de ano novo para o povo chinês.

Orientação da nova filosofia de desenvolvimento

Em comparação com os planos anteriores de cinco anos (FYPs), o 14º Plano Quinquenal transmite um novo paradigma de desenvolvimento – sem meta de crescimento numérico do PIB, porém com mais foco no desenvolvimento equilibrado e sustentável tendo o mercado interno como base.

A nova filosofia de desenvolvimento baseia-se em um desenvolvimento inovador, coordenado, ecológico, aberto e compartilhado que guiará e abrirá o caminho para colocar em prática o desenvolvimento de alta qualidade.

Ao colocar a inovação no centro de seu impulso de modernização, a China fez vários avanços científicos e tecnológicos, como o lançamento da nave espacial tripulada Shenzhou-13, o pouso no planeta vermelho da sonda à Marte Tianwen-1, o avanço no setor de fabricação de chips e na área de computação quântica.

Em 2021, Xi inspecionou várias empresas de ciência e tecnologia, nas quais repetidamente destacou a importância da autossuficiência e do autofortalecimento em inovação em ciência e tecnologia de alto nível.

Como tornar-se ecológico é uma marca fundamental do desenvolvimento de alta qualidade, o ano passado também testemunhou conquistas nessa área. A China observou melhorias generalizadas em seu meio ambiente em meio aos esforços intensificados do país para impulsionar o desenvolvimento ecológico, de acordo com o Relatório de Meio Ambiente da China de 2020, publicado em maio pelo Ministério da Ecologia e Meio Ambiente.

A proteção ecológica e o desenvolvimento de alta qualidade da bacia do Rio Amarelo, como uma importante estratégia nacional, foram uma demonstração vívida dos esforços da China na promoção da civilização ecológica.

Em outubro do ano passado, a China divulgou um esboço para a proteção e o desenvolvimento da bacia do Rio Amarelo até 2030, que serve como um guia para a elaboração de políticas e para o planejamento de projetos de engenharia na bacia, com o objetivo de resolver os desafios.

Desde o 18º Congresso Nacional do Partido Comunista da China (PCC), o presidente chinês visitou todas as províncias e regiões autônomas da bacia, compartilhando suas preocupações sobre o "rio-mãe" da China. Em menos de um ano, de agosto de 2019 a junho de 2020, ele inspecionou a bacia do Rio Amarelo quatro vezes.

"Na passagem do tempo, vimos e vivenciamos uma China resiliente e dinâmica, um país com seu povo amigável e respeitoso, um país que se desenvolve rapidamente a cada dia que passa e um país que faz progressos contínuos em todos os seus empreendimentos", disse Xi na sexta-feira em seu discurso de Ano Novo.

https://news.cgtn.com/news/2022-01-03/How-did-China-prepare-in-2021-for-building-a-modern-socialist-country--16uwrdXNaY8/index.html

 

 

FONTE CGTN

PEQUIM, 3 de janeiro de 2022 /PRNewswire/ -- O ano de 2021 foi, sem dúvida, extraordinário para a China. Ele marcou o início do período do 14º Plano Quinquenal (FYP) (2021-2025). Também foi um ano em que os prazos para materializar os dois objetivos centenários da China, construir uma sociedade moderadamente próspera em todos os aspectos e construir um grande país socialista moderno em todos os aspectos, convergiram historicamente.

"O ano passado foi um ano de significado excepcional", disse o presidente chinês, Xi Jinping, em seu discurso de Ano Novo de 2022.

Como a China se preparou totalmente no ano passado para embarcar em uma nova jornada para construir um país socialista moderno?

Um bom começo

O produto interno bruto (PIB) da China ultrapassou o limite de 100 trilhões de yuans (cerca de US$ 15,42 trilhões) em 2020, segundo dados oficiais divulgados em 18 de janeiro de 2021.

No início de janeiro, Xi, também secretário-geral do Comitê Central do PCC e presidente da Comissão Militar Central, discursou para uma sessão de estudo na Escola do Partido do Comitê Central do PCC.

O presidente convocou mais de 190 funcionários provinciais e ministeriais presentes para se esforçarem para um bom começo na construção plena de um país socialista moderno.

Cerca de duas semanas depois, presidindo uma sessão de estudo em grupo do Departamento Político do Comitê Central do PCC, Xi reiterou que a necessidade de garantir um desenvolvimento econômico e social sólido, como o "primeiro passo" do 14º Plano Quinquenal foi crucial.

Posteriormente, em março, a China revelou a versão final de seu plano de desenvolvimento nacional para os próximos cinco e 15 anos, com foco no crescimento econômico sustentável, o padrão de crescimento econômico de "dupla circulação", sistemas industriais orientados para a inovação e desenvolvimento de áreas rurais.

"Ao longo do ano, dedicamos nossos esforços, contribuímos com nossa parte e recebemos muito em troca", disse Xi ao enviar saudações de ano novo para o povo chinês.

Orientação da nova filosofia de desenvolvimento

Em comparação com os planos anteriores de cinco anos (FYPs), o 14º Plano Quinquenal transmite um novo paradigma de desenvolvimento – sem meta de crescimento numérico do PIB, porém com mais foco no desenvolvimento equilibrado e sustentável tendo o mercado interno como base.

A nova filosofia de desenvolvimento baseia-se em um desenvolvimento inovador, coordenado, ecológico, aberto e compartilhado que guiará e abrirá o caminho para colocar em prática o desenvolvimento de alta qualidade.

Ao colocar a inovação no centro de seu impulso de modernização, a China fez vários avanços científicos e tecnológicos, como o lançamento da nave espacial tripulada Shenzhou-13, o pouso no planeta vermelho da sonda à Marte Tianwen-1, o avanço no setor de fabricação de chips e na área de computação quântica.

Em 2021, Xi inspecionou várias empresas de ciência e tecnologia, nas quais repetidamente destacou a importância da autossuficiência e do autofortalecimento em inovação em ciência e tecnologia de alto nível.

Como tornar-se ecológico é uma marca fundamental do desenvolvimento de alta qualidade, o ano passado também testemunhou conquistas nessa área. A China observou melhorias generalizadas em seu meio ambiente em meio aos esforços intensificados do país para impulsionar o desenvolvimento ecológico, de acordo com o Relatório de Meio Ambiente da China de 2020, publicado em maio pelo Ministério da Ecologia e Meio Ambiente.

A proteção ecológica e o desenvolvimento de alta qualidade da bacia do Rio Amarelo, como uma importante estratégia nacional, foram uma demonstração vívida dos esforços da China na promoção da civilização ecológica.

Em outubro do ano passado, a China divulgou um esboço para a proteção e o desenvolvimento da bacia do Rio Amarelo até 2030, que serve como um guia para a elaboração de políticas e para o planejamento de projetos de engenharia na bacia, com o objetivo de resolver os desafios.

Desde o 18º Congresso Nacional do Partido Comunista da China (PCC), o presidente chinês visitou todas as províncias e regiões autônomas da bacia, compartilhando suas preocupações sobre o "rio-mãe" da China. Em menos de um ano, de agosto de 2019 a junho de 2020, ele inspecionou a bacia do Rio Amarelo quatro vezes.

"Na passagem do tempo, vimos e vivenciamos uma China resiliente e dinâmica, um país com seu povo amigável e respeitoso, um país que se desenvolve rapidamente a cada dia que passa e um país que faz progressos contínuos em todos os seus empreendimentos", disse Xi na sexta-feira em seu discurso de Ano Novo.

https://news.cgtn.com/news/2022-01-03/How-did-China-prepare-in-2021-for-building-a-modern-socialist-country--16uwrdXNaY8/index.html

 

 

FONTE CGTN

Você acabou de ler:

CGTN:2021 excepcionalmente significativo: Como a China se preparou para construir um país socialista moderno

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/cgtn2021-excepcionalmente-significativo-como-a-china-se-preparou-para-construir-um-pais-socialista-moderno/