Como atualizar o time de Comunicação para a transformação digital?

SÃO PAULO, 23 de setembro de 2019 /PRNewswire/ -- Texto escrito por Thais Antoniolli, Presidente da PR Newswire América Latina.

Recentemente, ouvi de um importante executivo que não devemos mais falar o termo 'transformação digital', mas, sim, 'transformação das pessoas'. Concordei. Afinal, se quisermos uma mudança profunda dos negócios é preciso começar pelas pessoas. Elas devem ser as protagonistas dessa revolução. A tecnologia é importante, mas é apenas parte do processo.

É exatamente isso que prega a Sociedade 5.0, uma visão do governo japonês, que se espalha globalmente, de uma sociedade que balanceia avanço econômico com resolução de problemas sociais, integrando de forma ampla e inteligente o ciberespaço e o mundo físico. Nessa toada, se não prepararmos as pessoas, a chance de a iniciativa não ser bem-sucedida é grande.

Na área de Comunicação, pavimentar o time com novas competências e visões é tão crucial quanto os demais setores. Não é porque a área já tem no DNA a capacidade de comunicar que a transformação já tem meio caminho andado. É de vital importância prover recursos efetivos para que o time também se prepare para essa nova era, que já está em curso.

Mas como fazer isso? Separei abaixo cinco passos importantes para você atualizar seu time de Comunicação, preparando-o para a transformação digital e para o que vem a seguir. Confira:

1.  Integração

Estudo recente da consultoria McKinsey revela que apenas 16% dos entrevistados acreditam que as transformações digitais de suas organizações melhoraram o desempenho dos negócios e as equiparam para sustentar mudanças no longo prazo. Outros 7% dizem que o desempenho melhorou, mas que essas melhorias não foram sustentadas. Por que isso acontece? Na maioria das vezes, o gargalo está ali: na falta de integração.

Nenhuma transformação funciona se não tiver o envolvimento de todas as áreas e de todas as empresas. Elas precisam vestir a camisa da mudança. Ainda que a transformação precise acontecer na área de Comunicação, é preciso integrá-la a outras áreas. É por isso que empresas têm lançado mão de squads com ambientes abertos, que promovem integração sem paredes, favorecendo o trabalho colaborativo. E é justamente a colaboração que detalho como segundo ponto crítico para o sucesso da transformação digital na Comunicação.

2.  Colaboração

O trabalho colaborativo não consegue se valer e gerar benefícios em ambientes que deixam seus talentos em silos. Prepare seu time para a construção de capacidades do futuro e estimule a troca genuína de ideias. Além disso, é crucial derrubar paredes e estabelecer fluxo de trabalhos dinâmicos, por meio de ferramentas, que estimulem a colaboração onde quer que as pessoas estejam. Afinal, estamos no século 21.

3.  Capacitação

O desenvolvimento de talentos e habilidades da nova era são chave no processo. Consultorias recomendam começar pela redefinição dos papéis e responsabilidades dos indivíduos para que eles se alinhem aos objetivos de uma transformação, o que pode ajudar a esclarecer os papéis e os recursos de que a organização precisa. Depois, é fundamental investir em capacitação, por meio de atividades que façam o time colocar a mão na massa. A prática é sempre a melhor forma de desenvolver capacidades digitais.

A pesquisa que citei da McKinsey também revela que o aprendizado contínuo ou ambientes de trabalho abertos são mais propensos do que outros a obter transformações bem-sucedidas. Outro elemento importante é empoderar colaboradores sobre onde e como a digitalização pode e deve ser adotada. Esse formato tende a garantir 1,4 vez mais probabilidade de sucesso do que outras práticas.

Outra abordagem para capacitar o time é garantir que as pessoas em papéis-chave, como os líderes, participem do fortalecimento da mudança. O sucesso depende tanto dos que estão no topo, quanto dos liderados.

Outro fator está relacionado ao risco. Isso mesmo! Arrisque e incentive que seu time também experimente novas ideias usando, por exemplo, prototipagem rápida permitindo o aprendizado com base erros, um modelo bastante usado por startups

4.  Transparência

Você sabe onde está e onde quer chegar na jornada de transformação? Se a resposta é não, corra. Você precisa saber o objetivo. Se a resposta é sim, então você precisa compartilhar essa trilha com todo o time. O escritor e matemático inglês Lewis Carroll já dizia: "Se você não sabe onde quer ir, qualquer caminho serve". Essa frase nunca foi tão atual e reflete exatamente a necessidades de comunicar o time sobre a meta.

5.  Tecnologia não é tudo. É parte da conversa

A tecnologia não é a salvadora de todos os desafios da mudança de mentalidade da área de Comunicação. Contudo, é parte importante da conversa. Por isso, dê as ferramentas para que seu time aprimore as capacidades digitais no dia a dia. Nessa nova era, métricas são importantes e entram como protagonistas no cenário. Assim, surgem no contexto ferramentas de Analytics. Recentemente, escrevi um artigo sobre o tema, que você pode conferir aqui: Métricas: vilãs ou aliadas da comunicação do século 21?.

Também é importante garantir que o time se comunique da forma adequada, por meio de ferramentas digitais, garantindo agilidade na troca de ideias. Outra recomendação é investir em tecnologias para automatizar processos, que se valem de inteligência artificial (AI) ou robotic process automation (RPA). A ideia não é substituir talentos, de forma alguma. É empoderar e liberar o time para tarefas mais estratégicas por meio da automação de atividades manuais.

Que tal começar essa jornada agora mesmo? Se você já está nesse processo, quais desafios têm enfrentado? Compartilhe comigo!

CONTATO: Thais Antoniolli, Presidente da PR Newswire América Latina, (11) 2504-5122

FONTE PR Newswire

SÃO PAULO, 23 de setembro de 2019 /PRNewswire/ -- Texto escrito por Thais Antoniolli, Presidente da PR Newswire América Latina.

Recentemente, ouvi de um importante executivo que não devemos mais falar o termo 'transformação digital', mas, sim, 'transformação das pessoas'. Concordei. Afinal, se quisermos uma mudança profunda dos negócios é preciso começar pelas pessoas. Elas devem ser as protagonistas dessa revolução. A tecnologia é importante, mas é apenas parte do processo.

É exatamente isso que prega a Sociedade 5.0, uma visão do governo japonês, que se espalha globalmente, de uma sociedade que balanceia avanço econômico com resolução de problemas sociais, integrando de forma ampla e inteligente o ciberespaço e o mundo físico. Nessa toada, se não prepararmos as pessoas, a chance de a iniciativa não ser bem-sucedida é grande.

Na área de Comunicação, pavimentar o time com novas competências e visões é tão crucial quanto os demais setores. Não é porque a área já tem no DNA a capacidade de comunicar que a transformação já tem meio caminho andado. É de vital importância prover recursos efetivos para que o time também se prepare para essa nova era, que já está em curso.

Mas como fazer isso? Separei abaixo cinco passos importantes para você atualizar seu time de Comunicação, preparando-o para a transformação digital e para o que vem a seguir. Confira:

1.  Integração

Estudo recente da consultoria McKinsey revela que apenas 16% dos entrevistados acreditam que as transformações digitais de suas organizações melhoraram o desempenho dos negócios e as equiparam para sustentar mudanças no longo prazo. Outros 7% dizem que o desempenho melhorou, mas que essas melhorias não foram sustentadas. Por que isso acontece? Na maioria das vezes, o gargalo está ali: na falta de integração.

Nenhuma transformação funciona se não tiver o envolvimento de todas as áreas e de todas as empresas. Elas precisam vestir a camisa da mudança. Ainda que a transformação precise acontecer na área de Comunicação, é preciso integrá-la a outras áreas. É por isso que empresas têm lançado mão de squads com ambientes abertos, que promovem integração sem paredes, favorecendo o trabalho colaborativo. E é justamente a colaboração que detalho como segundo ponto crítico para o sucesso da transformação digital na Comunicação.

2.  Colaboração

O trabalho colaborativo não consegue se valer e gerar benefícios em ambientes que deixam seus talentos em silos. Prepare seu time para a construção de capacidades do futuro e estimule a troca genuína de ideias. Além disso, é crucial derrubar paredes e estabelecer fluxo de trabalhos dinâmicos, por meio de ferramentas, que estimulem a colaboração onde quer que as pessoas estejam. Afinal, estamos no século 21.

3.  Capacitação

O desenvolvimento de talentos e habilidades da nova era são chave no processo. Consultorias recomendam começar pela redefinição dos papéis e responsabilidades dos indivíduos para que eles se alinhem aos objetivos de uma transformação, o que pode ajudar a esclarecer os papéis e os recursos de que a organização precisa. Depois, é fundamental investir em capacitação, por meio de atividades que façam o time colocar a mão na massa. A prática é sempre a melhor forma de desenvolver capacidades digitais.

A pesquisa que citei da McKinsey também revela que o aprendizado contínuo ou ambientes de trabalho abertos são mais propensos do que outros a obter transformações bem-sucedidas. Outro elemento importante é empoderar colaboradores sobre onde e como a digitalização pode e deve ser adotada. Esse formato tende a garantir 1,4 vez mais probabilidade de sucesso do que outras práticas.

Outra abordagem para capacitar o time é garantir que as pessoas em papéis-chave, como os líderes, participem do fortalecimento da mudança. O sucesso depende tanto dos que estão no topo, quanto dos liderados.

Outro fator está relacionado ao risco. Isso mesmo! Arrisque e incentive que seu time também experimente novas ideias usando, por exemplo, prototipagem rápida permitindo o aprendizado com base erros, um modelo bastante usado por startups

4.  Transparência

Você sabe onde está e onde quer chegar na jornada de transformação? Se a resposta é não, corra. Você precisa saber o objetivo. Se a resposta é sim, então você precisa compartilhar essa trilha com todo o time. O escritor e matemático inglês Lewis Carroll já dizia: "Se você não sabe onde quer ir, qualquer caminho serve". Essa frase nunca foi tão atual e reflete exatamente a necessidades de comunicar o time sobre a meta.

5.  Tecnologia não é tudo. É parte da conversa

A tecnologia não é a salvadora de todos os desafios da mudança de mentalidade da área de Comunicação. Contudo, é parte importante da conversa. Por isso, dê as ferramentas para que seu time aprimore as capacidades digitais no dia a dia. Nessa nova era, métricas são importantes e entram como protagonistas no cenário. Assim, surgem no contexto ferramentas de Analytics. Recentemente, escrevi um artigo sobre o tema, que você pode conferir aqui: Métricas: vilãs ou aliadas da comunicação do século 21?.

Também é importante garantir que o time se comunique da forma adequada, por meio de ferramentas digitais, garantindo agilidade na troca de ideias. Outra recomendação é investir em tecnologias para automatizar processos, que se valem de inteligência artificial (AI) ou robotic process automation (RPA). A ideia não é substituir talentos, de forma alguma. É empoderar e liberar o time para tarefas mais estratégicas por meio da automação de atividades manuais.

Que tal começar essa jornada agora mesmo? Se você já está nesse processo, quais desafios têm enfrentado? Compartilhe comigo!

CONTATO: Thais Antoniolli, Presidente da PR Newswire América Latina, (11) 2504-5122

FONTE PR Newswire

Você acabou de ler:

Como atualizar o time de Comunicação para a transformação digital?

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/como-atualizar-o-time-de-comunicacao-para-a-transformacao-digital/