Comviva Transfere sua Participação na TerraPay Para a Prime Ventures, Partech Partners e International Finance Corporation (IFC)

TerraPay levanta financiamento de US$ 9,6 milhões para expansão da empresa

NOVA DÉLHI, 4 de março de 2020 /PRNewswire/ -- Comviva, a líder global em soluções de mobilidade, anunciou – por um montante não revelado – a transferência de sua participação na TerraPay para um consórcio de investidores globais.

A Prime Ventures e a Partech Partners estão conjuntamente investindo na TerraPay – junto com a IFC, um membro do World Bank Group. Além de comprarem as ações da Comviva, os investidores colocaram mais US$ 9,6 milhões na TerraPay, para financiar a expansão da empresa. 

A TerraPay, uma empresa incubada pela Comviva em 2015, fornece serviços de infraestrutura de pagamentos que ajudam pessoas de todo o mundo a transferir dinheiro de modo rápido, seguro e acessível. A empresa faz isto permitindo que fornecedores de serviços de pagamento como bancos, operadores móveis de dinheiro, operadores de transferência de dinheiro ou outros provedores de pagamentos conectem-se instantaneamente uns com os outros, a um custo baixo. Desde a sua estreia, em 2015, a TerraPay adquiriu mais de 25 licenças para operar em mais de 60 países na África, Ásia e Europa – e está se expandindo globalmente.

Ambar Sur, fundador e CEO da TerraPay, disse: "Acreditamos em nossa missão de abordar a inclusão financeira, tornando pagamentos de tempo real nacionais, regionais e globais acessíveis para todos. Estamos animados com essa validação da parte de nossos emblemáticos investidores, e ansiosos para rapidamente crescer e chegar a mais partes necessitadas do mundo nos próximos anos".

O novo consórcio de investidores vai permitir que a TerraPay execute sua estratégia para ampliar operações como um polo permitindo transações interoperáveis, de tempo real e transfronteiras entre operadores de telecomunicações e móveis de dinheiro. Isto vai ajudar a TerraPay a ampliar seus serviços de infraestrutura de pagamentos para liberar e liquidar pagamentos internacionais mais rápido, permitir pagamentos instantâneos nas redes interoperáveis dos operadores, bem como remover uma barreira significativa para transferências para contas móveis de dinheiro. Ao permitir transferências eletrônicas de fundos a baixo custo, o projeto vai receber uma fatia maior dos pagamentos formais de remessa.

Manoranjan Mohapatra, CEO da Comviva comentou: "Nós nos dedicamos a incubar novos modelos de startup como uma parte essencial de nossa estratégia corporativa de negócios. Temos orgulho de ser parte do progresso que a TerraPay fez nos últimos cinco anos. A filosofia condutora de todas as nossas incubações é criar valor significativo para nossos clientes, comunidade, acionistas e empregados. Através da iniciativa TerraPay, nós demonstramos nossa capacidade de com êxito incubar e atrair investidores emblemáticos. As soluções em que investimos devem criar valor no âmbito da empresa Comviva ou crescer por conta própria para atingir sua visão de produto, ao mesmo tempo que geram valor de peso para os acionistas. O caminho da TerraPay à frente está alinhado com esta proposta subjacente".

"O mercado para transações monetárias internacionais mudou rapidamente nos últimos anos. A estrutura regulatória em evolução restringiu o crescimento da TerraPay e tornou imperativa sua retirada da abrangência da Comviva. Tomamos uma decisão estratégica de transferir os negócios com a TerraPay e estamos confiantes de que esta mudança é para o melhor dos interesses de todos os acionistas. Deveremos continuar a tomar tais iniciativas estratégicas e aproveitar nossa fábrica de startups para estimular crescimento futuro", acrescentou ainda Manoranjan Mohapatra.

Pieter Welten, um sócio da Prime Ventures, disse: "Identificamos a TerraPay como uma atrativa oportunidade de investimento. Dirigida por uma equipe administrativa forte e experiente, a TerraPay possui uma posição singular de mercado e um forte entorno econômico, constituído de licenças e aprovações regulatórias, uma plataforma de pagamentos digitais de categoria mundial e uma rede mundial de parceiros. Nosso investimento deverá permitir que a empresa se expanda ainda mais e amplie suas operações".

Paulo de Bolle, diretor global do grupo de instituições financeiras da IFC, disse: "Ao juntar a TerraPay ao crescente portfolio de investimentos em fintech da IFC, estamos apoiando o crescimento e a expansão da empresa, enquanto ajudamos a reduzir os custos e a simplificar o processo de mandar dinheiro para casa. Fintechs como a TerraPay desempenham um papel vital no aumento da inclusão financeira em mercados emergentes".

"Estamos animados para unir esforços com um grupo excepcional de investidores e com uma equipe fantástica, rumo à próxima parte da jornada da TerraPay", disse Cyril Collon, sócio geral da Partech Africa. "Estamos impressionados com a plataforma de ponta que a equipe da TerraPay desenvolveu. Esta plataforma vai desempenhar um papel fundamental no alcance das metas de interoperabilidade necessárias para verdadeira inclusão financeira. O impacto para usuários finais já é massivo em termos de qualidade de serviços, confiabilidade e velocidade".

A história da TerraPay é um reflexo da filosofia central da Comviva para as pessoas. A empresa constantemente incentiva seus empregados a incubarem novas e entusiasmantes ideias e a acenderem o espírito de liderança e empreendedorismo em si mesmos. Como uma líder mundial, é parte da grande visão da Comviva levar inovadoras experiências digitais para todo o mundo.

A TerraPay foi aconselhada pela equipe de fusão e aquisição de FinTech do especializado banco de investimentos Kempen & Co e pelo Van Doorne, um escritório legal com sede nos Países Baixos.  

Para outras consultas, contate:

Sundeep Mehta

RP e Comunicações Corporativas

Contato: +91-124-481-9000

E-mail: pr@comviva.com

 

FONTE Comviva

TerraPay levanta financiamento de US$ 9,6 milhões para expansão da empresa

NOVA DÉLHI, 4 de março de 2020 /PRNewswire/ -- Comviva, a líder global em soluções de mobilidade, anunciou – por um montante não revelado – a transferência de sua participação na TerraPay para um consórcio de investidores globais.

A Prime Ventures e a Partech Partners estão conjuntamente investindo na TerraPay – junto com a IFC, um membro do World Bank Group. Além de comprarem as ações da Comviva, os investidores colocaram mais US$ 9,6 milhões na TerraPay, para financiar a expansão da empresa. 

A TerraPay, uma empresa incubada pela Comviva em 2015, fornece serviços de infraestrutura de pagamentos que ajudam pessoas de todo o mundo a transferir dinheiro de modo rápido, seguro e acessível. A empresa faz isto permitindo que fornecedores de serviços de pagamento como bancos, operadores móveis de dinheiro, operadores de transferência de dinheiro ou outros provedores de pagamentos conectem-se instantaneamente uns com os outros, a um custo baixo. Desde a sua estreia, em 2015, a TerraPay adquiriu mais de 25 licenças para operar em mais de 60 países na África, Ásia e Europa – e está se expandindo globalmente.

Ambar Sur, fundador e CEO da TerraPay, disse: "Acreditamos em nossa missão de abordar a inclusão financeira, tornando pagamentos de tempo real nacionais, regionais e globais acessíveis para todos. Estamos animados com essa validação da parte de nossos emblemáticos investidores, e ansiosos para rapidamente crescer e chegar a mais partes necessitadas do mundo nos próximos anos".

O novo consórcio de investidores vai permitir que a TerraPay execute sua estratégia para ampliar operações como um polo permitindo transações interoperáveis, de tempo real e transfronteiras entre operadores de telecomunicações e móveis de dinheiro. Isto vai ajudar a TerraPay a ampliar seus serviços de infraestrutura de pagamentos para liberar e liquidar pagamentos internacionais mais rápido, permitir pagamentos instantâneos nas redes interoperáveis dos operadores, bem como remover uma barreira significativa para transferências para contas móveis de dinheiro. Ao permitir transferências eletrônicas de fundos a baixo custo, o projeto vai receber uma fatia maior dos pagamentos formais de remessa.

Manoranjan Mohapatra, CEO da Comviva comentou: "Nós nos dedicamos a incubar novos modelos de startup como uma parte essencial de nossa estratégia corporativa de negócios. Temos orgulho de ser parte do progresso que a TerraPay fez nos últimos cinco anos. A filosofia condutora de todas as nossas incubações é criar valor significativo para nossos clientes, comunidade, acionistas e empregados. Através da iniciativa TerraPay, nós demonstramos nossa capacidade de com êxito incubar e atrair investidores emblemáticos. As soluções em que investimos devem criar valor no âmbito da empresa Comviva ou crescer por conta própria para atingir sua visão de produto, ao mesmo tempo que geram valor de peso para os acionistas. O caminho da TerraPay à frente está alinhado com esta proposta subjacente".

"O mercado para transações monetárias internacionais mudou rapidamente nos últimos anos. A estrutura regulatória em evolução restringiu o crescimento da TerraPay e tornou imperativa sua retirada da abrangência da Comviva. Tomamos uma decisão estratégica de transferir os negócios com a TerraPay e estamos confiantes de que esta mudança é para o melhor dos interesses de todos os acionistas. Deveremos continuar a tomar tais iniciativas estratégicas e aproveitar nossa fábrica de startups para estimular crescimento futuro", acrescentou ainda Manoranjan Mohapatra.

Pieter Welten, um sócio da Prime Ventures, disse: "Identificamos a TerraPay como uma atrativa oportunidade de investimento. Dirigida por uma equipe administrativa forte e experiente, a TerraPay possui uma posição singular de mercado e um forte entorno econômico, constituído de licenças e aprovações regulatórias, uma plataforma de pagamentos digitais de categoria mundial e uma rede mundial de parceiros. Nosso investimento deverá permitir que a empresa se expanda ainda mais e amplie suas operações".

Paulo de Bolle, diretor global do grupo de instituições financeiras da IFC, disse: "Ao juntar a TerraPay ao crescente portfolio de investimentos em fintech da IFC, estamos apoiando o crescimento e a expansão da empresa, enquanto ajudamos a reduzir os custos e a simplificar o processo de mandar dinheiro para casa. Fintechs como a TerraPay desempenham um papel vital no aumento da inclusão financeira em mercados emergentes".

"Estamos animados para unir esforços com um grupo excepcional de investidores e com uma equipe fantástica, rumo à próxima parte da jornada da TerraPay", disse Cyril Collon, sócio geral da Partech Africa. "Estamos impressionados com a plataforma de ponta que a equipe da TerraPay desenvolveu. Esta plataforma vai desempenhar um papel fundamental no alcance das metas de interoperabilidade necessárias para verdadeira inclusão financeira. O impacto para usuários finais já é massivo em termos de qualidade de serviços, confiabilidade e velocidade".

A história da TerraPay é um reflexo da filosofia central da Comviva para as pessoas. A empresa constantemente incentiva seus empregados a incubarem novas e entusiasmantes ideias e a acenderem o espírito de liderança e empreendedorismo em si mesmos. Como uma líder mundial, é parte da grande visão da Comviva levar inovadoras experiências digitais para todo o mundo.

A TerraPay foi aconselhada pela equipe de fusão e aquisição de FinTech do especializado banco de investimentos Kempen & Co e pelo Van Doorne, um escritório legal com sede nos Países Baixos.  

Para outras consultas, contate:

Sundeep Mehta

RP e Comunicações Corporativas

Contato: +91-124-481-9000

E-mail: pr@comviva.com

 

FONTE Comviva

Você acabou de ler:

Comviva Transfere sua Participação na TerraPay Para a Prime Ventures, Partech Partners e International Finance Corporation (IFC)

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/comviva-transfere-sua-participacao-na-terrapay-para-a-prime-ventures-partech-partners-e-international-finance-corporation-ifc/