ConectarAGRO apresenta Simulador inédito de produtividade na Agrishow

Ferramenta mostra a economia promovida pela conectividade no campo

SÃO PAULO, 26 de abril de 2022 /PRNewswire/ -- A ConectarAGRO está de volta, com um estande na Agrishow em 2022. A agora associação visa fomentar a expansão do acesso à internet nas áreas remotas do Brasil e tem diversas novidades que serão apresentadas em primeira mão na feira, que será realizada em Ribeirão Preto, de 25 a 29 de abril.

Com o lema "O Agro conectado é mais produtivo", a ConectarAGRO lança um Simulador inédito, em versão beta, que tem como função quantificar o impacto na performance (redução de custo x aumento de produtividade) de uma fazenda conectada. Como por exemplo, com uma gestão eficiente da irrigação de uma fazenda é possível ter uma redução de até 30% no gasto mensal de energia.

A ferramenta é gratuita e tem como objetivo tangibilizar, de forma completa, a economia promovida pela conectividade ao produtor rural.

O Simulador ConectarAGRO está disponível em versão beta no site da ConectarAGRO.

A ConectarAGRO

Antes de se tornar uma associação formalizada, a ConectarAGRO auxiliou a promover a conectividade, via banda larga 4G, para mais de 7 milhões de hectares de áreas rurais e remotas no Brasil, beneficiando mais de 600 mil pessoas, 220 cidades, oito estados e mais de 25 mil quilômetros de estradas e rodovias. O objetivo é solução de conectividade aberta, simples e acessível - o 4G LTE, na frequência de 700 MHz.

A Associação também colaborou para a cobertura de mais de 15 milhões de hectares com o padrão Narrow Band IoT (NB-IoT) - habilitadora de soluções de Internet das Coisas. O NB-IoT é necessário para conectar máquinas e sensores, ferramentas importantes para o desenvolvimento do agronegócio, com a capacidade de consumir menos bateria.

Associados e novas metas

A ConectarAGRO é o resultado do esforço de várias empresas e com o objetivo de expandir sua atuação, a associação agora anuncia o apoio de 20 novas companhias, que se unem às oito fundadoras - AGCO, Bayer - Climate FieldView, CNH Industrial, Jacto, Nokia, Solinftec, TIM e Trimble - para promover a expansão do acesso à internet nas mais diversas regiões agrícolas e remotas de todo o Brasil.

Hoje, estão associadas 33 empresas, sendo 20 recém anunciadas. Além destas, outras estão em processo de admissão.

Os novos integrantes poderão contribuir positivamente para a conectividade e outras soluções importantes que irão compor o ecossistema no meio rural, trazendo novas alternativas para aumentar a eficiência, a produtividade, o controle de custos e a melhoria contínua da operação.

Nova gestão

Após dois anos de mandato de Gregory Riordan, a Associação agora tem uma nova presidente: Ana Helena de Andrade, que antes ocupava o posto de líder do Comitê Institucional. A gestão que toma posse tem como um dos principais objetivos intensificar a atuação junto ao Governos Federal e Estaduais em várias frentes, bem como demonstrar os benefícios da conectividade rural, por meio de fatos e dados.

"Foram dois anos aprendendo dia após dia que a conectividade muda a vida das pessoas. O agro estar conectado possibilita transformar a eficácia do setor, promovendo inclusão digital e integração logística nas vias de transporte. Assim, alavancando outros mercados cujas atividades estão em áreas remotas. Sigo participando ativamente da associação, como vice- presidente, e desejo uma ótima gestão para Ana Helena", diz Gregory Riordan.

"É uma honra ter sido eleita para assumir a presidência da ConectarAGRO. Um dos grandes diferenciais da Associação é a diversidade das empresas integrantes, que têm um objetivo em comum: conectar máquinas, coisas e pessoas. Para o ano de 2022 temos a meta de ajudar a levar conectividade para 13 milhões de hectares, incluindo projetos com cooperativas," comenta Ana Helena de Andrade.

Sobre a Associação ConectarAGRO

A ConectarAGRO é uma associação civil sem fins lucrativos que visa fomentar a expansão do acesso à internet nas áreas remotas do Brasil, para conectar pessoas, máquinas e instrumentos, viabilizando a Internet das Coisas (IoT) na agricultura. Para isso, propõe a adoção de uma tecnologia aberta, acessível e simples: 4G, com frequência de 700 MHz. Criada por conta do problema comum de falta de conectividade no campo, enfrentado pelo agronegócio, a iniciativa já levou internet para mais de 7 milhões de hectares. A Associação ConectarAGRO conta atualmente com 33 empresas associadas. Para mais informações, incluindo novos associados, acesse www.conectaragro.com.br.

Para fazer download de imagens relacionadas à ConectarAGRO, clique aqui.

FONTE ConectarAGRO

Ferramenta mostra a economia promovida pela conectividade no campo

SÃO PAULO, 26 de abril de 2022 /PRNewswire/ -- A ConectarAGRO está de volta, com um estande na Agrishow em 2022. A agora associação visa fomentar a expansão do acesso à internet nas áreas remotas do Brasil e tem diversas novidades que serão apresentadas em primeira mão na feira, que será realizada em Ribeirão Preto, de 25 a 29 de abril.

Com o lema "O Agro conectado é mais produtivo", a ConectarAGRO lança um Simulador inédito, em versão beta, que tem como função quantificar o impacto na performance (redução de custo x aumento de produtividade) de uma fazenda conectada. Como por exemplo, com uma gestão eficiente da irrigação de uma fazenda é possível ter uma redução de até 30% no gasto mensal de energia.

A ferramenta é gratuita e tem como objetivo tangibilizar, de forma completa, a economia promovida pela conectividade ao produtor rural.

O Simulador ConectarAGRO está disponível em versão beta no site da ConectarAGRO.

A ConectarAGRO

Antes de se tornar uma associação formalizada, a ConectarAGRO auxiliou a promover a conectividade, via banda larga 4G, para mais de 7 milhões de hectares de áreas rurais e remotas no Brasil, beneficiando mais de 600 mil pessoas, 220 cidades, oito estados e mais de 25 mil quilômetros de estradas e rodovias. O objetivo é solução de conectividade aberta, simples e acessível - o 4G LTE, na frequência de 700 MHz.

A Associação também colaborou para a cobertura de mais de 15 milhões de hectares com o padrão Narrow Band IoT (NB-IoT) - habilitadora de soluções de Internet das Coisas. O NB-IoT é necessário para conectar máquinas e sensores, ferramentas importantes para o desenvolvimento do agronegócio, com a capacidade de consumir menos bateria.

Associados e novas metas

A ConectarAGRO é o resultado do esforço de várias empresas e com o objetivo de expandir sua atuação, a associação agora anuncia o apoio de 20 novas companhias, que se unem às oito fundadoras - AGCO, Bayer - Climate FieldView, CNH Industrial, Jacto, Nokia, Solinftec, TIM e Trimble - para promover a expansão do acesso à internet nas mais diversas regiões agrícolas e remotas de todo o Brasil.

Hoje, estão associadas 33 empresas, sendo 20 recém anunciadas. Além destas, outras estão em processo de admissão.

Os novos integrantes poderão contribuir positivamente para a conectividade e outras soluções importantes que irão compor o ecossistema no meio rural, trazendo novas alternativas para aumentar a eficiência, a produtividade, o controle de custos e a melhoria contínua da operação.

Nova gestão

Após dois anos de mandato de Gregory Riordan, a Associação agora tem uma nova presidente: Ana Helena de Andrade, que antes ocupava o posto de líder do Comitê Institucional. A gestão que toma posse tem como um dos principais objetivos intensificar a atuação junto ao Governos Federal e Estaduais em várias frentes, bem como demonstrar os benefícios da conectividade rural, por meio de fatos e dados.

"Foram dois anos aprendendo dia após dia que a conectividade muda a vida das pessoas. O agro estar conectado possibilita transformar a eficácia do setor, promovendo inclusão digital e integração logística nas vias de transporte. Assim, alavancando outros mercados cujas atividades estão em áreas remotas. Sigo participando ativamente da associação, como vice- presidente, e desejo uma ótima gestão para Ana Helena", diz Gregory Riordan.

"É uma honra ter sido eleita para assumir a presidência da ConectarAGRO. Um dos grandes diferenciais da Associação é a diversidade das empresas integrantes, que têm um objetivo em comum: conectar máquinas, coisas e pessoas. Para o ano de 2022 temos a meta de ajudar a levar conectividade para 13 milhões de hectares, incluindo projetos com cooperativas," comenta Ana Helena de Andrade.

Sobre a Associação ConectarAGRO

A ConectarAGRO é uma associação civil sem fins lucrativos que visa fomentar a expansão do acesso à internet nas áreas remotas do Brasil, para conectar pessoas, máquinas e instrumentos, viabilizando a Internet das Coisas (IoT) na agricultura. Para isso, propõe a adoção de uma tecnologia aberta, acessível e simples: 4G, com frequência de 700 MHz. Criada por conta do problema comum de falta de conectividade no campo, enfrentado pelo agronegócio, a iniciativa já levou internet para mais de 7 milhões de hectares. A Associação ConectarAGRO conta atualmente com 33 empresas associadas. Para mais informações, incluindo novos associados, acesse www.conectaragro.com.br.

Para fazer download de imagens relacionadas à ConectarAGRO, clique aqui.

FONTE ConectarAGRO

Você acabou de ler:

ConectarAGRO apresenta Simulador inédito de produtividade na Agrishow

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/conectaragro-apresenta-simulador-inedito-de-produtividade-na-agrishow/