Economia do México na expectativa

Mecalor, empresa brasileira, acredita no potencial de crescimento do mercado mexicano e abre filial local

SÃO PAULO, 8 de maio de 2019 /PRNewswire/ -- A economia mexicana é a segunda maior da América Latina e está entre as quinze mais importantes do mundo. Embora ainda muito dependente dos EUA, destino de 80% das suas exportações, o novo governo do México promete diversificar e fomentar o desenvolvimento econômico com incentivos à produção industrial e o incremento da demanda. A expectativa é de que esse crescimento seja favorecido pelo aumento da oferta de emprego, forte consumo das famílias e por maiores investimentos em comparação com 2018.

A Mecalor é uma empresa brasileira que acredita na capacidade do mercado mexicano. Em maio ela vai inaugurar um escritório no distrito industrial de Querétaro, cidade localizada a 220 km da capital Cidade do México. "O mercado mexicano é o maior da América Latina e é o que está mais longe da gente, portanto merece uma atenção especial. Lá já temos representantes e equipamentos instalados, agora decidimos ir para valer. Com a possibilidade de no futuro montar uma fábrica", argumenta János Szegö, CEO da Mecalor Brasil.

LÍDER DE MERCADO

Há 60 anos no Brasil, a empresa fornece soluções de engenharia térmica para diversos segmentos da indústria. Ela produz e comercializa chillers e outros periféricos para resfriamento e controle de temperatura com precisão. A Mecalor atua em setores como: plástico, hospitalar, alimentício, farmacêutico, ar condicionado e automotivo. Neste último, destaca-se pela fabricação de câmaras climáticas para teste em automóveis. No México, as operações vão começar com foco na indústria de transformação do plástico. "A ideia é iniciar a operação no setor de plástico, mas com o tempo vender também produtos e soluções para os demais segmentos, principalmente o hospitalar, onde tempos grande expertise e somos líder de mercado no Brasil", explica Szegö.

Neste ano a estratégia da empresa é focar fortemente em exportação. Desde que iniciou, há dez anos, as vendas internacionais cresceram bastante, principalmente para a América Latina, mesmo em um ambiente de crise econômica no Brasil. As exportações da Mecalor representam hoje cerca de 20% do faturamento anual da empresa. A tendência com o início da operação do México é aumentar a representatividade desses negócios também nos países da América Central e para os Estados Unidos.

Segundo János Szegö, na primeira fase, a filial mexicana vai importar totalmente os equipamentos do Brasil. Com o crescimento da demanda, a intenção é iniciar uma segunda etapa com a montagem local dos produtos e após isso a evolução das vendas vai ser determinante para a produção total no México, com a abertura de uma fábrica.

Telefone: + 55  11.2188.1719

FONTE Mecalor

Mecalor, empresa brasileira, acredita no potencial de crescimento do mercado mexicano e abre filial local

SÃO PAULO, 8 de maio de 2019 /PRNewswire/ -- A economia mexicana é a segunda maior da América Latina e está entre as quinze mais importantes do mundo. Embora ainda muito dependente dos EUA, destino de 80% das suas exportações, o novo governo do México promete diversificar e fomentar o desenvolvimento econômico com incentivos à produção industrial e o incremento da demanda. A expectativa é de que esse crescimento seja favorecido pelo aumento da oferta de emprego, forte consumo das famílias e por maiores investimentos em comparação com 2018.

A Mecalor é uma empresa brasileira que acredita na capacidade do mercado mexicano. Em maio ela vai inaugurar um escritório no distrito industrial de Querétaro, cidade localizada a 220 km da capital Cidade do México. "O mercado mexicano é o maior da América Latina e é o que está mais longe da gente, portanto merece uma atenção especial. Lá já temos representantes e equipamentos instalados, agora decidimos ir para valer. Com a possibilidade de no futuro montar uma fábrica", argumenta János Szegö, CEO da Mecalor Brasil.

LÍDER DE MERCADO

Há 60 anos no Brasil, a empresa fornece soluções de engenharia térmica para diversos segmentos da indústria. Ela produz e comercializa chillers e outros periféricos para resfriamento e controle de temperatura com precisão. A Mecalor atua em setores como: plástico, hospitalar, alimentício, farmacêutico, ar condicionado e automotivo. Neste último, destaca-se pela fabricação de câmaras climáticas para teste em automóveis. No México, as operações vão começar com foco na indústria de transformação do plástico. "A ideia é iniciar a operação no setor de plástico, mas com o tempo vender também produtos e soluções para os demais segmentos, principalmente o hospitalar, onde tempos grande expertise e somos líder de mercado no Brasil", explica Szegö.

Neste ano a estratégia da empresa é focar fortemente em exportação. Desde que iniciou, há dez anos, as vendas internacionais cresceram bastante, principalmente para a América Latina, mesmo em um ambiente de crise econômica no Brasil. As exportações da Mecalor representam hoje cerca de 20% do faturamento anual da empresa. A tendência com o início da operação do México é aumentar a representatividade desses negócios também nos países da América Central e para os Estados Unidos.

Segundo János Szegö, na primeira fase, a filial mexicana vai importar totalmente os equipamentos do Brasil. Com o crescimento da demanda, a intenção é iniciar uma segunda etapa com a montagem local dos produtos e após isso a evolução das vendas vai ser determinante para a produção total no México, com a abertura de uma fábrica.

Telefone: + 55  11.2188.1719

FONTE Mecalor

Você acabou de ler:

Economia do México na expectativa

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/economia-do-mexico-na-expectativa/