Eglet Adams abre ação coletiva contra República Popular da China

LAS VEGAS, 24 de março de 2020 /PRNewswire/ -- O escritório de advocacia Eglet Adams, com sede em Las Vegas, no estado americano de Nevada, abriu ação coletiva contra a República Popular da China e outros órgãos governamentais chineses, em nome de "pequenas empresas" nos Estados Unidos, incluindo o Estado de Nevada, por danos monetários e correlatos sofridos como resultado da pandemia do coronavírus. Os reclamantes alegam que a China se envolveu em um encobrimento da pandemia do coronavírus depois de saber pela primeira vez da sua existência e contribuiu para a propagação do coronavírus em todo o mundo, causando assim centenas de bilhões de dólares em prejuízos econômicos a pequenas empresas em todos os Estados Unidos, incluindo o Estado de Nevada.

UMA COLETIVA DE IMPRENSA INTERNACIONAL ESTÁ MARCADA PARA TERÇA-FEIRA, 24 DE MARÇO, às 15h EST (horário do leste dos Estados Unidos). A coletiva de imprensa ocorrerá no escritório de advocacia Eglet Adams, no endereço 400 South 7th Street – 4th Floor, e será transmitida por meio de uma videoconferência na plataforma Highfive. Para participar pelo seu computador ou dispositivo móvel, clique aqui:

https://egletlaw.highfive.com/rte-press-conference-re-corona-virus-litigation-kh. Se preferir participar por telefone, ligue para:

+1 628-444-4348, 8449158026#

Se precisar de um número de discagem internacional, ou se quiser que telefonemos para você:

https://egletlaw.highfive.com/rte-press-conference-re-corona-virus-litigation-kh/phone?pin=8449158026 

O advogado-chefe Robert Eglet delineará os detalhes da ação durante a coletiva.

A ação foi aberta na tarde de segunda-feira no Tribunal Distrital dos Estados Unidos no Distrito de Nevada em nome dos reclamantes Bella Vista LLC (uma companhia limitada de Nevada), Greenfield & Company Inc. (uma corporação de Nevada), Life Real Estate LLC (uma companhia limitada de Nevada), Mobile Medic CPR LLC (uma companhia limitada de Nevada) e DT Group, LLC (uma companhia limitada de Illinois).

A ação alega que mais de um milhão de "pequenas empresas" americanas foram forçadas a fechar ou a reduzir substancialmente as operações. As perdas econômicas sofridas por tais empresas estão em centenas de bilhões de dólares. Espera-se que essas cifras aumentem substancialmente à medida que governadores, comissários de condados e prefeitos municipais em todos os Estados Unidos continuem ordenando o fechamento ou a redução de operações de pequenas empresas.

Para obter informações adicionais 

Contato: Tom Letizia 702-545-8777 - ou Tom@LetiziaPR.com 

Logo - https://mma.prnewswire.com/media/1005424/Eglet_Adams_Logo.jpg

FONTE Eglet Adams

LAS VEGAS, 24 de março de 2020 /PRNewswire/ -- O escritório de advocacia Eglet Adams, com sede em Las Vegas, no estado americano de Nevada, abriu ação coletiva contra a República Popular da China e outros órgãos governamentais chineses, em nome de "pequenas empresas" nos Estados Unidos, incluindo o Estado de Nevada, por danos monetários e correlatos sofridos como resultado da pandemia do coronavírus. Os reclamantes alegam que a China se envolveu em um encobrimento da pandemia do coronavírus depois de saber pela primeira vez da sua existência e contribuiu para a propagação do coronavírus em todo o mundo, causando assim centenas de bilhões de dólares em prejuízos econômicos a pequenas empresas em todos os Estados Unidos, incluindo o Estado de Nevada.

UMA COLETIVA DE IMPRENSA INTERNACIONAL ESTÁ MARCADA PARA TERÇA-FEIRA, 24 DE MARÇO, às 15h EST (horário do leste dos Estados Unidos). A coletiva de imprensa ocorrerá no escritório de advocacia Eglet Adams, no endereço 400 South 7th Street – 4th Floor, e será transmitida por meio de uma videoconferência na plataforma Highfive. Para participar pelo seu computador ou dispositivo móvel, clique aqui:

https://egletlaw.highfive.com/rte-press-conference-re-corona-virus-litigation-kh. Se preferir participar por telefone, ligue para:

+1 628-444-4348, 8449158026#

Se precisar de um número de discagem internacional, ou se quiser que telefonemos para você:

https://egletlaw.highfive.com/rte-press-conference-re-corona-virus-litigation-kh/phone?pin=8449158026 

O advogado-chefe Robert Eglet delineará os detalhes da ação durante a coletiva.

A ação foi aberta na tarde de segunda-feira no Tribunal Distrital dos Estados Unidos no Distrito de Nevada em nome dos reclamantes Bella Vista LLC (uma companhia limitada de Nevada), Greenfield & Company Inc. (uma corporação de Nevada), Life Real Estate LLC (uma companhia limitada de Nevada), Mobile Medic CPR LLC (uma companhia limitada de Nevada) e DT Group, LLC (uma companhia limitada de Illinois).

A ação alega que mais de um milhão de "pequenas empresas" americanas foram forçadas a fechar ou a reduzir substancialmente as operações. As perdas econômicas sofridas por tais empresas estão em centenas de bilhões de dólares. Espera-se que essas cifras aumentem substancialmente à medida que governadores, comissários de condados e prefeitos municipais em todos os Estados Unidos continuem ordenando o fechamento ou a redução de operações de pequenas empresas.

Para obter informações adicionais 

Contato: Tom Letizia 702-545-8777 - ou Tom@LetiziaPR.com 

Logo - https://mma.prnewswire.com/media/1005424/Eglet_Adams_Logo.jpg

FONTE Eglet Adams

Você acabou de ler:

Eglet Adams abre ação coletiva contra República Popular da China

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/eglet-adams-abre-acao-coletiva-contra-republica-popular-da-china/