Feira Internacional de Inverno de 22 anos atrai comerciantes de 32 países e regiões

HAIKOU, China, 20 de dezembro de 2019 /PRNewswire/ -- De 12 a 16 de dezembro, a Feira Comercial Internacional de Inverno de Produtos Agrícolas Tropicais da China (Hainan) 2019 (a partir daqui tratada como "a Feira de Inverno") foi realizada em Hainan, atraindo 5.300 comerciantes de 32 países e regiões buscando oportunidades de negócios e novas cooperações.

Nos pavilhões nacionais da "Cinturão e Estrada", milhares deslumbraram-se com a infinidade de belas exibições, a exemplo dos deliciosos cogumelos russos, do suave café brasileiro e da cubilose malaia delicadamente embalada. A Mongólia foi o primeiro país convidado de honra da Feira de Inverno, fazendo de apresentações exóticas e produtos de alta qualidade o foco da feira.

De acordo com o Comitê Organizador da Feira de Inverno, o evento ostentou três destaques: primeiro, a construção de uma plataforma especializada para compra e venda e a inauguração do primeiro site oficial tanto em chinês como em inglês (www.hntatf.com), através de operações de mercado; segundo, a feira mirou em mercados internacionais e ajudou a promover cooperação agrícola com países estrangeiros; terceiro, a construção de um pavilhão de alívio da pobreza para a indústria agrícola.

Com base na construção da zona franca de Hainan e do porto de livre comércio de Hainan com características chinesas, sua cooperação agrícola está se expandindo. Durante a Feira de Inverno, Hainan assinou memorandos de entendimento com o Ministério dos Alimentos, Agricultura, Criação de Animais e Indústria Leve da Mongólia e com o Estado de Shirak, da República da Armênia, sobre cooperação na agricultura e outras áreas. Além disso, a Kampong Speu do Camboja e o Haiken Group fecharam acordo para construção conjunta, em Hainan, de uma plantação de cocos de 200.000 mu.

A Feira de Inverno atraiu mais de 570.000 visitantes, com RMB 77,45 bilhões em valores de pedidos de produtos agrícolas no local e de cidades e municípios, RMB 180 milhões em volume de vendas no local e RMB 2,2 bilhões em volume de transações de pedidos de países da Cinturão e Estrada. Na Conferência de Promoção sobre Haikou, um dos principais eventos da Feira de Inverno, foi investido RMB 1,7 bilhão na cooperação agrícola Hainan-Taiwan, enquanto o valor dos pedidos para frutas de e vegetais de inverno passou dos RMB 900 milhões.

No futuro, Hainan vai integralmente aproveitar o papel da Feira de Inverno, melhorando as operações de mercado, aumentando a participação, para assim construir uma importante plataforma para exposição e vendas de produtos agrícolas de inverno no porto de livre comércio de Hainan, bem como para intercâmbios e cooperações agrícolas internacionais.

Links para os anexos das imagens:

http://asianetnews.net/view-attachment?attach-id=354309

FONTE 2019 Winter Fair Organizing Committee

HAIKOU, China, 20 de dezembro de 2019 /PRNewswire/ -- De 12 a 16 de dezembro, a Feira Comercial Internacional de Inverno de Produtos Agrícolas Tropicais da China (Hainan) 2019 (a partir daqui tratada como "a Feira de Inverno") foi realizada em Hainan, atraindo 5.300 comerciantes de 32 países e regiões buscando oportunidades de negócios e novas cooperações.

Nos pavilhões nacionais da "Cinturão e Estrada", milhares deslumbraram-se com a infinidade de belas exibições, a exemplo dos deliciosos cogumelos russos, do suave café brasileiro e da cubilose malaia delicadamente embalada. A Mongólia foi o primeiro país convidado de honra da Feira de Inverno, fazendo de apresentações exóticas e produtos de alta qualidade o foco da feira.

De acordo com o Comitê Organizador da Feira de Inverno, o evento ostentou três destaques: primeiro, a construção de uma plataforma especializada para compra e venda e a inauguração do primeiro site oficial tanto em chinês como em inglês (www.hntatf.com), através de operações de mercado; segundo, a feira mirou em mercados internacionais e ajudou a promover cooperação agrícola com países estrangeiros; terceiro, a construção de um pavilhão de alívio da pobreza para a indústria agrícola.

Com base na construção da zona franca de Hainan e do porto de livre comércio de Hainan com características chinesas, sua cooperação agrícola está se expandindo. Durante a Feira de Inverno, Hainan assinou memorandos de entendimento com o Ministério dos Alimentos, Agricultura, Criação de Animais e Indústria Leve da Mongólia e com o Estado de Shirak, da República da Armênia, sobre cooperação na agricultura e outras áreas. Além disso, a Kampong Speu do Camboja e o Haiken Group fecharam acordo para construção conjunta, em Hainan, de uma plantação de cocos de 200.000 mu.

A Feira de Inverno atraiu mais de 570.000 visitantes, com RMB 77,45 bilhões em valores de pedidos de produtos agrícolas no local e de cidades e municípios, RMB 180 milhões em volume de vendas no local e RMB 2,2 bilhões em volume de transações de pedidos de países da Cinturão e Estrada. Na Conferência de Promoção sobre Haikou, um dos principais eventos da Feira de Inverno, foi investido RMB 1,7 bilhão na cooperação agrícola Hainan-Taiwan, enquanto o valor dos pedidos para frutas de e vegetais de inverno passou dos RMB 900 milhões.

No futuro, Hainan vai integralmente aproveitar o papel da Feira de Inverno, melhorando as operações de mercado, aumentando a participação, para assim construir uma importante plataforma para exposição e vendas de produtos agrícolas de inverno no porto de livre comércio de Hainan, bem como para intercâmbios e cooperações agrícolas internacionais.

Links para os anexos das imagens:

http://asianetnews.net/view-attachment?attach-id=354309

FONTE 2019 Winter Fair Organizing Committee