Fórum de Desenvolvimento da Zona Experimental de Livre Comércio da China (Shaanxi) realizado para promover a abertura e desenvolvimento do país

XI'AN, China, 14 de maio de 2019 /PRNewswire/ -- O Fórum de Desenvolvimento da Zona Experimental de Livre Comércio da China (Shaanxi) foi realizado em 12 de maio em Xi'an, capital da Província de Shaanxi. O fórum foi sediado pelo Governo Popular da Província de Shaanxi e organizado por um grupo de firmas e empresas, incluindo o Departamento de Comércio da Província de Shaanxi (órgão provincial encarregado da promoção do livre comércio) e a Zona Experimental de Livre Comércio do Cinturão e Rota da Universidade de Jiaotong de Xi'an.

 

O evento foi composto por um fórum principal e duas conferências paralelas: Fórum da Zona Experimental de Livre Comércio da China (Shaanxi), Seminário sobre Desenvolvimento e Inovação da Zona Experimental de Livre Comércio e Seminário sobre Desenvolvimento Sinergético entre Cinco Províncias do Noroeste da China.

Com o tema "intensificação da reforma e abertura e promoção do desenvolvimento de alta qualidade na zona experimental de livre comércio", o fórum convidou funcionários dos órgãos governamentais envolvidos na defesa e promoção das zonas de livre comércio, especialistas no assunto da China e do exterior, representantes de algumas das mais conhecidas zonas internacionais de livre comércio, bem como de importantes fábricas de ideias para discutir o aumento da capacidade das zonas para atender aos objetivos de "abertura" do governo central, melhorando o ambiente empresarial nas zonas, criando mais oportunidades de cooperação e desenvolvimento entre as zonas de livre comércio participantes da iniciativa "Cinturão e Rota", além de promover a reforma e a abertura de zonas experimentais de livre comércio no interior do país e criar um consenso para o desenvolvimento de alta qualidade da Zona Experimental de Livre Comércio de Shaanxi.

Nos últimos dois anos, desde sua criação, a Zona Experimental de Livre Comércio da China (Shaanxi) se posicionou estrategicamente para oferecer soluções inovadoras em torno de modelos fundamentais que são replicáveis e ampliáveis e, trabalhando de forma independente, fez muitos progressos nesse sentido. A zona também desenvolveu intensamente um centro, portal e projeto para uma economia móvel que levará à criação de uma infraestrutura de apoio para a iniciativa Cinturão e Rota, bem como o desenvolvimento da China Ocidental. A zona explorou e experimentou diferentes modelos para simplificar a administração, fortalecer a regulamentação e melhorar os serviços, com a ideia de facilitar investimentos, comércio, intercâmbios culturais e a cooperação internacional na agricultura moderna, demonstrando a posição da zona experimental de livre comércio como uma área de teste para melhorar ainda mais a reforma e as políticas de abertura.

No final de março de 2019, a zona tinha 40.694 firmas e organizações, incluindo 347 empresas de investimento estrangeiro. A zona registrou uma diminuição significativa no tempo geral de liberação alfandegária. O comércio internacional dentro e fora da zona somou 264,9 bilhões de yuans (aproximadamente US$ 38,6 bilhões) em 2018, representando 75% do total das exportações e importações da Província de Shaanxi. Motivada pela zona experimental de livre comércio, a província registrou exportações e importações combinadas de 351,38 bilhões de yuans (aproximadamente US$ 51,3 bilhões) e um valor total de produção de 2,44 trilhões de yuans (aproximadamente US$ 356 bilhões) no ano, 29,3% e 8,3%, respectivamente, com o último 1,7 ponto percentual acima da taxa média de crescimento da China. Isto estabeleceu um novo ponto de partida para o desenvolvimento econômico e social da província, juntamente com o objetivo inicial de promover as iniciativas de abertura do país.

Zhao Gang, vice-governador da Provincial de Shaanxi, disse que o governo chinês confirmou a sua determinação em aprofundar a reforma e a abertura na nova era com medidas práticas durante o 2 o. Fórum do Cinturão e Rota para Cooperação Internacional. Shaanxi usará sua posição de zona experimental de livre comércio como um laboratório para desenvolver e testar políticas que apoiam a implementação das medidas com objetivo de proporcionar às empresas um acesso aberto, eficiente, justo e unificado a um ambiente fácil de negócios e jurídico que as ajude a expandir seus esforços de globalização, ao mesmo tempo em que eleva o nível e a oferta de acordo com o novo "padrão" que é esperado em termos de reforma e abertura do país. A província planeja trabalhar em conjunto com os países visados pela iniciativa Cinturão e Rota com o objetivo de criar um futuro mais produtivo, aproveitando a zona experimental de livre comércio como uma plataforma para fortalecer a comunicação, o intercâmbio e a colaboração pragmática em projetos que tragam vantagens para todos.

Para obter mais informações sobre o evento, acesse http://ftz.shaanxi.gov.cn/

Sobre a Zona Experimental de Livre Comércio da China (Shaanxi)  

A Zona Experimental de Livre Comércio da China (Shaanxi) é uma das zonas experimentais de livre comércio do país aprovada pelo governo chinês em 31 de agosto de 2016 como parte do terceiro grupo de zonas deste tipo a serem aprovadas, bem como a única zona experimental de livre comércio no noroeste da China. A zona está estrategicamente posicionada para fornecer soluções inovadoras a modelos fundamentais que são replicáveis e ampliáveis, para implementar os requisitos do Comitê Central do Partido Comunista e do Conselho de Estado da China para melhorar o papel da Iniciativa Cinturão e Rota no desenvolvimento da China Ocidental e apoiar o acesso das cidades da fronteira ocidental do país a mercados estrangeiros, a fim de transformar a zona experimental de livre comércio em uma área-teste para a aplicação das reformas em curso no país e para a abertura de políticas, com o objetivo de orientar outras cidades do interior da China a mudar e criar uma base fundamental de cooperação econômica e intercâmbios culturais com os países visados pela iniciativa "Cinturão e Rota".

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/886679/Shaanxi_trade_forum.jpg

 

FONTE China (Shaanxi) Pilot Free Trade Zone

XI'AN, China, 14 de maio de 2019 /PRNewswire/ -- O Fórum de Desenvolvimento da Zona Experimental de Livre Comércio da China (Shaanxi) foi realizado em 12 de maio em Xi'an, capital da Província de Shaanxi. O fórum foi sediado pelo Governo Popular da Província de Shaanxi e organizado por um grupo de firmas e empresas, incluindo o Departamento de Comércio da Província de Shaanxi (órgão provincial encarregado da promoção do livre comércio) e a Zona Experimental de Livre Comércio do Cinturão e Rota da Universidade de Jiaotong de Xi'an.

 

O evento foi composto por um fórum principal e duas conferências paralelas: Fórum da Zona Experimental de Livre Comércio da China (Shaanxi), Seminário sobre Desenvolvimento e Inovação da Zona Experimental de Livre Comércio e Seminário sobre Desenvolvimento Sinergético entre Cinco Províncias do Noroeste da China.

Com o tema "intensificação da reforma e abertura e promoção do desenvolvimento de alta qualidade na zona experimental de livre comércio", o fórum convidou funcionários dos órgãos governamentais envolvidos na defesa e promoção das zonas de livre comércio, especialistas no assunto da China e do exterior, representantes de algumas das mais conhecidas zonas internacionais de livre comércio, bem como de importantes fábricas de ideias para discutir o aumento da capacidade das zonas para atender aos objetivos de "abertura" do governo central, melhorando o ambiente empresarial nas zonas, criando mais oportunidades de cooperação e desenvolvimento entre as zonas de livre comércio participantes da iniciativa "Cinturão e Rota", além de promover a reforma e a abertura de zonas experimentais de livre comércio no interior do país e criar um consenso para o desenvolvimento de alta qualidade da Zona Experimental de Livre Comércio de Shaanxi.

Nos últimos dois anos, desde sua criação, a Zona Experimental de Livre Comércio da China (Shaanxi) se posicionou estrategicamente para oferecer soluções inovadoras em torno de modelos fundamentais que são replicáveis e ampliáveis e, trabalhando de forma independente, fez muitos progressos nesse sentido. A zona também desenvolveu intensamente um centro, portal e projeto para uma economia móvel que levará à criação de uma infraestrutura de apoio para a iniciativa Cinturão e Rota, bem como o desenvolvimento da China Ocidental. A zona explorou e experimentou diferentes modelos para simplificar a administração, fortalecer a regulamentação e melhorar os serviços, com a ideia de facilitar investimentos, comércio, intercâmbios culturais e a cooperação internacional na agricultura moderna, demonstrando a posição da zona experimental de livre comércio como uma área de teste para melhorar ainda mais a reforma e as políticas de abertura.

No final de março de 2019, a zona tinha 40.694 firmas e organizações, incluindo 347 empresas de investimento estrangeiro. A zona registrou uma diminuição significativa no tempo geral de liberação alfandegária. O comércio internacional dentro e fora da zona somou 264,9 bilhões de yuans (aproximadamente US$ 38,6 bilhões) em 2018, representando 75% do total das exportações e importações da Província de Shaanxi. Motivada pela zona experimental de livre comércio, a província registrou exportações e importações combinadas de 351,38 bilhões de yuans (aproximadamente US$ 51,3 bilhões) e um valor total de produção de 2,44 trilhões de yuans (aproximadamente US$ 356 bilhões) no ano, 29,3% e 8,3%, respectivamente, com o último 1,7 ponto percentual acima da taxa média de crescimento da China. Isto estabeleceu um novo ponto de partida para o desenvolvimento econômico e social da província, juntamente com o objetivo inicial de promover as iniciativas de abertura do país.

Zhao Gang, vice-governador da Provincial de Shaanxi, disse que o governo chinês confirmou a sua determinação em aprofundar a reforma e a abertura na nova era com medidas práticas durante o 2 o. Fórum do Cinturão e Rota para Cooperação Internacional. Shaanxi usará sua posição de zona experimental de livre comércio como um laboratório para desenvolver e testar políticas que apoiam a implementação das medidas com objetivo de proporcionar às empresas um acesso aberto, eficiente, justo e unificado a um ambiente fácil de negócios e jurídico que as ajude a expandir seus esforços de globalização, ao mesmo tempo em que eleva o nível e a oferta de acordo com o novo "padrão" que é esperado em termos de reforma e abertura do país. A província planeja trabalhar em conjunto com os países visados pela iniciativa Cinturão e Rota com o objetivo de criar um futuro mais produtivo, aproveitando a zona experimental de livre comércio como uma plataforma para fortalecer a comunicação, o intercâmbio e a colaboração pragmática em projetos que tragam vantagens para todos.

Para obter mais informações sobre o evento, acesse http://ftz.shaanxi.gov.cn/

Sobre a Zona Experimental de Livre Comércio da China (Shaanxi)  

A Zona Experimental de Livre Comércio da China (Shaanxi) é uma das zonas experimentais de livre comércio do país aprovada pelo governo chinês em 31 de agosto de 2016 como parte do terceiro grupo de zonas deste tipo a serem aprovadas, bem como a única zona experimental de livre comércio no noroeste da China. A zona está estrategicamente posicionada para fornecer soluções inovadoras a modelos fundamentais que são replicáveis e ampliáveis, para implementar os requisitos do Comitê Central do Partido Comunista e do Conselho de Estado da China para melhorar o papel da Iniciativa Cinturão e Rota no desenvolvimento da China Ocidental e apoiar o acesso das cidades da fronteira ocidental do país a mercados estrangeiros, a fim de transformar a zona experimental de livre comércio em uma área-teste para a aplicação das reformas em curso no país e para a abertura de políticas, com o objetivo de orientar outras cidades do interior da China a mudar e criar uma base fundamental de cooperação econômica e intercâmbios culturais com os países visados pela iniciativa "Cinturão e Rota".

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/886679/Shaanxi_trade_forum.jpg

 

FONTE China (Shaanxi) Pilot Free Trade Zone

Você acabou de ler:

Fórum de Desenvolvimento da Zona Experimental de Livre Comércio da China (Shaanxi) realizado para promover a abertura e desenvolvimento do país

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/forum-de-desenvolvimento-da-zona-experimental-de-livre-comercio-da-china-shaanxi-realizado-para-promover-a-abertura-e-desenvolvimento-do-pais/