Henley & Partners apresenta 100ª solicitação para o Programa de Cidadania por Investimento de Montenegro

LONDRES, 17 de agosto de 2021 /PRNewswire/ -- A Henley & Partners tem o prazer de anunciar seu envio marcante de cem solicitações para o Programa de Cidadania por Investimento de Montenegro. Dessas, 33 investidores internacionais e suas famílias já receberam tanto sua cidadania quanto seus passaportes, apesar das interrupções contínuas causadas pela pandemia do coronavírus. A empresa líder global de planejamento de residência e cidadania é um dos três agentes de marketing indicados pelo governo para o tão procurado programa de cidadania por investimento, que deverá ser encerrado no final deste ano.

Rade Ljumović, diretor da Henley & Partners em Montenegro, disse que o programa oferece aos investidores de alto patrimônio líquido uma oportunidade significativa em um mercado regional dinâmico, mas restam apenas alguns meses para fazer a solicitação. "Uma razão para o sucesso de Montenegro é que o país atende a investidores com uma gama diversificada de interesses e requisitos. Os investidores podem escolher entre resorts glamurosos à beira-mar, onde podem investir em novos hotéis que estão sendo abertos por empreendedores de renome, incluindo opções de ponta, como a marca SIRO da Kerzner International e InterContinental. Como alternativa, podem optar pelas regiões norte do país, onde há resorts exclusivos de esqui e de montanha em estágios avançados de construção, como o Swissôtel."

Montenegro está atualmente na "lista segura" da UE de países com taxas relativamente baixas de infecção por Covid-19, e seu passaporte está classificado em 45o lugar no Henley Passport Index, oferecendo a seus titulares acesso sem visto ou com visto na chegada a 124 destinos em todo o mundo, incluindo Hong Kong, Rússia, Singapura, Turquia, Emirados Árabes Unidos e países da região de Schengen na Europa. Além de ser membro da OTAN, Montenegro é um candidato reconhecido para futura adesão à UE, com o principal negociador do governo, Zorka Kordic, dando recentemente 2024 como a data-meta para a adesão montenegrina. No mês passado, o Centro de Informações da UE em Montenegro publicou os resultados de uma pesquisa mostrando que 73,8% da população apoiava a adesão à UE, e 86,9% votavam a favor do ingresso na UE mediante um plebiscito sobre a questão. A embaixadora da UE em Montenegro, Oana Cristina Popa, observou recentemente que a confiança dos cidadãos montenegrinos está motivando o ingresso na UE e incentivando a aceitação de Montenegro.

Os candidatos ao Programa de Cidadania por Investimento de Montenegro são obrigados a fazer uma contribuição econômica definida para o país. Em troca, e mediante um processo rigoroso de verificação e devida diligência, incluindo verificações completas de antecedentes feitas por empresas especializadas, os candidatos e suas famílias recebem a cidadania montenegrina. O principal candidato deve ter mais de 18 anos de idade, atender aos requisitos de solicitação e contribuir com 100 mil euros para o Governo de Montenegro, destinados ao avanço das unidades locais subdesenvolvidas de autogoverno. Além disso, os candidatos podem investir pelo menos 450 mil euros em um projeto de desenvolvimento aprovado na capital Podgorica ou na popular região costeira de Montenegro. Como alternativa, podem investir no mínimo 250 mil euros em um projeto de desenvolvimento aprovado nas regiões norte ou central de Montenegro (excluindo Podgorica). Taxas governamentais adicionais de processamento e outras taxas de solicitação se aplicam.

O CEO da Henley & Partners, Dr. Juerg Steffen, afirmou que o aumento resultante na atividade empresarial e em novas oportunidades de emprego geradas pelo programa beneficiará todos os montenegrinos. "A migração de investimentos permite que estados soberanos como Montenegro explorem uma nova fonte de receita sustentável sem serem excessivamente potencializados. No ambiente atual da pandemia, como após interrupções anteriores como a crise financeira de 2008, os programas de residência e cidadania geram valor significativo tanto para os investidores quanto para os estados soberanos que precisam de fluxos de receita alternativos."

 

 

FONTE Henley & Partners

LONDRES, 17 de agosto de 2021 /PRNewswire/ -- A Henley & Partners tem o prazer de anunciar seu envio marcante de cem solicitações para o Programa de Cidadania por Investimento de Montenegro. Dessas, 33 investidores internacionais e suas famílias já receberam tanto sua cidadania quanto seus passaportes, apesar das interrupções contínuas causadas pela pandemia do coronavírus. A empresa líder global de planejamento de residência e cidadania é um dos três agentes de marketing indicados pelo governo para o tão procurado programa de cidadania por investimento, que deverá ser encerrado no final deste ano.

Rade Ljumović, diretor da Henley & Partners em Montenegro, disse que o programa oferece aos investidores de alto patrimônio líquido uma oportunidade significativa em um mercado regional dinâmico, mas restam apenas alguns meses para fazer a solicitação. "Uma razão para o sucesso de Montenegro é que o país atende a investidores com uma gama diversificada de interesses e requisitos. Os investidores podem escolher entre resorts glamurosos à beira-mar, onde podem investir em novos hotéis que estão sendo abertos por empreendedores de renome, incluindo opções de ponta, como a marca SIRO da Kerzner International e InterContinental. Como alternativa, podem optar pelas regiões norte do país, onde há resorts exclusivos de esqui e de montanha em estágios avançados de construção, como o Swissôtel."

Montenegro está atualmente na "lista segura" da UE de países com taxas relativamente baixas de infecção por Covid-19, e seu passaporte está classificado em 45o lugar no Henley Passport Index, oferecendo a seus titulares acesso sem visto ou com visto na chegada a 124 destinos em todo o mundo, incluindo Hong Kong, Rússia, Singapura, Turquia, Emirados Árabes Unidos e países da região de Schengen na Europa. Além de ser membro da OTAN, Montenegro é um candidato reconhecido para futura adesão à UE, com o principal negociador do governo, Zorka Kordic, dando recentemente 2024 como a data-meta para a adesão montenegrina. No mês passado, o Centro de Informações da UE em Montenegro publicou os resultados de uma pesquisa mostrando que 73,8% da população apoiava a adesão à UE, e 86,9% votavam a favor do ingresso na UE mediante um plebiscito sobre a questão. A embaixadora da UE em Montenegro, Oana Cristina Popa, observou recentemente que a confiança dos cidadãos montenegrinos está motivando o ingresso na UE e incentivando a aceitação de Montenegro.

Os candidatos ao Programa de Cidadania por Investimento de Montenegro são obrigados a fazer uma contribuição econômica definida para o país. Em troca, e mediante um processo rigoroso de verificação e devida diligência, incluindo verificações completas de antecedentes feitas por empresas especializadas, os candidatos e suas famílias recebem a cidadania montenegrina. O principal candidato deve ter mais de 18 anos de idade, atender aos requisitos de solicitação e contribuir com 100 mil euros para o Governo de Montenegro, destinados ao avanço das unidades locais subdesenvolvidas de autogoverno. Além disso, os candidatos podem investir pelo menos 450 mil euros em um projeto de desenvolvimento aprovado na capital Podgorica ou na popular região costeira de Montenegro. Como alternativa, podem investir no mínimo 250 mil euros em um projeto de desenvolvimento aprovado nas regiões norte ou central de Montenegro (excluindo Podgorica). Taxas governamentais adicionais de processamento e outras taxas de solicitação se aplicam.

O CEO da Henley & Partners, Dr. Juerg Steffen, afirmou que o aumento resultante na atividade empresarial e em novas oportunidades de emprego geradas pelo programa beneficiará todos os montenegrinos. "A migração de investimentos permite que estados soberanos como Montenegro explorem uma nova fonte de receita sustentável sem serem excessivamente potencializados. No ambiente atual da pandemia, como após interrupções anteriores como a crise financeira de 2008, os programas de residência e cidadania geram valor significativo tanto para os investidores quanto para os estados soberanos que precisam de fluxos de receita alternativos."

 

 

FONTE Henley & Partners

Você acabou de ler:

Henley & Partners apresenta 100ª solicitação para o Programa de Cidadania por Investimento de Montenegro

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/henley-partners-apresenta-100a-solicitacao-para-o-programa-de-cidadania-por-investimento-de-montenegro/