Huawei constrói apresentação do iSuperSite em colaboração com a China Mobile Zhejiang e o China Mobile Design Institute

SHENZHEN, China, 15 de novembro de 2021 /PRNewswire/ -- A apresentação do iSuperSite da Huawei, uma joint venture com a China Mobile Zhejiang e o China Mobile Design Institute em Hangzhou, foi recentemente aprovado.

A unidade está sendo modernizada com a solução Huawei iSuperSite desde agosto deste ano. Os seis quadros de força originais foram substituídos por apenas um, minimizando o consumo de energia da rede. A unidade foi então selecionada como instalação piloto em termos de economia de energia e ecologicamente correta pelo China Mobile Zhejiang como parte de sua campanha de redução de emissões de carbono. A unidade modernizada não apenas reduz pela metade as taxas de eletricidade e diminui os custos de O&M em 75%, mas também reduz as emissões de carbono em oito toneladas por ano.

Economia de mais de 50%

Antes da reconstrução, a unidade tinha seis quadros de força e seis sistemas de resfriamento separados com espaços de instalação individuais e sistemas de fornecimento de energia. No entanto, isso resultou em uma grande pegada, baixa eficiência do sistema de energia e consumo de energia significativo.

Após a implementação da solução Huawei iSuperSite, as fontes de alimentação, dispositivos e baterias dos seis quadros de força existentes foram integrados em apenas um. Desta maneira, 80% do espaço físico pode ser reaproveitado, permitindo a instalação de um sistema de geração de energia iPV da Huawei para fornecer energia solar. Em comparação com o sistema de geração de energia fotovoltaica tradicional, o iPV da Huawei apresenta 20% a mais de rendimento energético e economia de custos de eletricidade de dois mil dólares por ano, equivalente a uma redução de emissões de carbono de oito toneladas. Antes da modernização, o custo anual de eletricidade da unidade era de aproximadamente 3.500 dólares.

A modernização da unidade reflete a campanha de pico de carbono e neutralidade de carbono lançada pela China Mobile em 15 de julho deste ano em termos de economia de energia, redução de consumo e de emissões de carbono. Em relação à campanha, a China Mobile resumiu seus objetivos de desenvolvimento futuro como economia de energia, energia limpa e capacitação, e determinou os seis caminhos a seguir: construir uma rede verde, promover a energia verde, construir uma cadeia de suprimentos verde, promover escritórios verdes, melhorar a capacitação verde e criar uma cultura verde.

Uma bateria de lítio, duas funções

Para garantir que não haja interrupção de transmissão na rede em caso de incidentes como raios e interrupções de energia, uma estação base de comunicação utiliza uma série de baterias de reserva de diferentes tamanhos.

Huawei iSuperSite substitui as baterias de chumbo-ácido por baterias de lítio inteligentes CloudLi, dobrando a densidade de energia e atualizando a unidade de reserva de energia tradicional por um sistema inteligente de armazenamento de energia. Mais importante, o recurso de escalonamento automático inteligente de IA pode armazenar energia durante os períodos em que não ocorre picos e descarregar energia durante os horários de pico. A economia no custo da eletricidade ao longo de um ano pode ultrapassar 1,5 bilhão de dólares se todos as unidades de comunicação em Hangzhou utilizarem esse recurso (calculado com base no preço de eletricidade residencial com a menor diferença entre períodos de pico e fora de pico).

Além disso, a Huawei inova no gerenciamento inteligente de energia por meio de quatro funções: medição inteligente, fatiamento de energia de reserva, auditoria de software definida e de energia para melhorar a eficiência do gerenciamento, acelerar a realização das metas de redução de emissões de carbono e reduzir os custos de manutenção.

O sistema de energia inteligente também suporta O&M remoto e inteligente, reduzindo os custos de O&M em 75%, implementando o 5G sem aumentar a OPEX e ajudando as operadoras a empreender um caminho de desenvolvimento sustentável que envolva economia de energia, redução de consumo e de carbono.

A convergência das tecnologias 5G, computação em nuvem, computação de ponta e IA no contexto da "nova infraestrutura" apresentou inúmeras possibilidades para a transformação digital. A energia, como pedra angular de uma sociedade digital, contribuirá para o desenvolvimento da economia digital. No contexto dos objetivos nacionais da China, que envolvem atingir o pico de carbono até 2030 e alcançar a neutralidade de carbono até 2060, vários setores estão prestes a passar por uma transformação sistemática ampla e profunda. A conservação de energia, a redução do consumo e a redução das emissões de carbono são essenciais para garantir o desenvolvimento sustentável do setor de comunicações.

A solução Huawei iSuperSite integra tecnologias digitais, de eletrônica de potência e de TIC, ajudando as operadoras a atualizar e reconstruir locais existentes, ao mesmo tempo em que economiza energia e espaço. Esta solução não só atende aos requisitos de cobertura rápida de redes de comunicação na era 5G, mas também minimiza o consumo de energia, permitindo que as operadoras atinjam suas metas de emissão de carbono e construam juntas um futuro ecológico.

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/1688291/image.jpg

  

FONTE Huawei

SHENZHEN, China, 15 de novembro de 2021 /PRNewswire/ -- A apresentação do iSuperSite da Huawei, uma joint venture com a China Mobile Zhejiang e o China Mobile Design Institute em Hangzhou, foi recentemente aprovado.

A unidade está sendo modernizada com a solução Huawei iSuperSite desde agosto deste ano. Os seis quadros de força originais foram substituídos por apenas um, minimizando o consumo de energia da rede. A unidade foi então selecionada como instalação piloto em termos de economia de energia e ecologicamente correta pelo China Mobile Zhejiang como parte de sua campanha de redução de emissões de carbono. A unidade modernizada não apenas reduz pela metade as taxas de eletricidade e diminui os custos de O&M em 75%, mas também reduz as emissões de carbono em oito toneladas por ano.

Economia de mais de 50%

Antes da reconstrução, a unidade tinha seis quadros de força e seis sistemas de resfriamento separados com espaços de instalação individuais e sistemas de fornecimento de energia. No entanto, isso resultou em uma grande pegada, baixa eficiência do sistema de energia e consumo de energia significativo.

Após a implementação da solução Huawei iSuperSite, as fontes de alimentação, dispositivos e baterias dos seis quadros de força existentes foram integrados em apenas um. Desta maneira, 80% do espaço físico pode ser reaproveitado, permitindo a instalação de um sistema de geração de energia iPV da Huawei para fornecer energia solar. Em comparação com o sistema de geração de energia fotovoltaica tradicional, o iPV da Huawei apresenta 20% a mais de rendimento energético e economia de custos de eletricidade de dois mil dólares por ano, equivalente a uma redução de emissões de carbono de oito toneladas. Antes da modernização, o custo anual de eletricidade da unidade era de aproximadamente 3.500 dólares.

A modernização da unidade reflete a campanha de pico de carbono e neutralidade de carbono lançada pela China Mobile em 15 de julho deste ano em termos de economia de energia, redução de consumo e de emissões de carbono. Em relação à campanha, a China Mobile resumiu seus objetivos de desenvolvimento futuro como economia de energia, energia limpa e capacitação, e determinou os seis caminhos a seguir: construir uma rede verde, promover a energia verde, construir uma cadeia de suprimentos verde, promover escritórios verdes, melhorar a capacitação verde e criar uma cultura verde.

Uma bateria de lítio, duas funções

Para garantir que não haja interrupção de transmissão na rede em caso de incidentes como raios e interrupções de energia, uma estação base de comunicação utiliza uma série de baterias de reserva de diferentes tamanhos.

Huawei iSuperSite substitui as baterias de chumbo-ácido por baterias de lítio inteligentes CloudLi, dobrando a densidade de energia e atualizando a unidade de reserva de energia tradicional por um sistema inteligente de armazenamento de energia. Mais importante, o recurso de escalonamento automático inteligente de IA pode armazenar energia durante os períodos em que não ocorre picos e descarregar energia durante os horários de pico. A economia no custo da eletricidade ao longo de um ano pode ultrapassar 1,5 bilhão de dólares se todos as unidades de comunicação em Hangzhou utilizarem esse recurso (calculado com base no preço de eletricidade residencial com a menor diferença entre períodos de pico e fora de pico).

Além disso, a Huawei inova no gerenciamento inteligente de energia por meio de quatro funções: medição inteligente, fatiamento de energia de reserva, auditoria de software definida e de energia para melhorar a eficiência do gerenciamento, acelerar a realização das metas de redução de emissões de carbono e reduzir os custos de manutenção.

O sistema de energia inteligente também suporta O&M remoto e inteligente, reduzindo os custos de O&M em 75%, implementando o 5G sem aumentar a OPEX e ajudando as operadoras a empreender um caminho de desenvolvimento sustentável que envolva economia de energia, redução de consumo e de carbono.

A convergência das tecnologias 5G, computação em nuvem, computação de ponta e IA no contexto da "nova infraestrutura" apresentou inúmeras possibilidades para a transformação digital. A energia, como pedra angular de uma sociedade digital, contribuirá para o desenvolvimento da economia digital. No contexto dos objetivos nacionais da China, que envolvem atingir o pico de carbono até 2030 e alcançar a neutralidade de carbono até 2060, vários setores estão prestes a passar por uma transformação sistemática ampla e profunda. A conservação de energia, a redução do consumo e a redução das emissões de carbono são essenciais para garantir o desenvolvimento sustentável do setor de comunicações.

A solução Huawei iSuperSite integra tecnologias digitais, de eletrônica de potência e de TIC, ajudando as operadoras a atualizar e reconstruir locais existentes, ao mesmo tempo em que economiza energia e espaço. Esta solução não só atende aos requisitos de cobertura rápida de redes de comunicação na era 5G, mas também minimiza o consumo de energia, permitindo que as operadoras atinjam suas metas de emissão de carbono e construam juntas um futuro ecológico.

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/1688291/image.jpg

  

FONTE Huawei

Você acabou de ler:

Huawei constrói apresentação do iSuperSite em colaboração com a China Mobile Zhejiang e o China Mobile Design Institute

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/huawei-constroi-apresentacao-do-isupersite-em-colaboracao-com-a-china-mobile-zhejiang-e-o-china-mobile-design-institute/