Início da produção da fábrica da Great Wall Motors na cidade russa de Tula leva marcas automotivas chinesas a nova jornada rumo a mercados globais

TULA, Rússia, 6 de junho de 2019 /PRNewswire/ -- A fábrica da Great Wall Motors em Tula, na Rússia, primeira instalação de processo completo de propriedade integral da montadora chinesa fora do seu mercado local, entrou formalmente em operação em 5 de junho de 2019. Com custo de US$ 500 milhões, a fábrica de Tula foi concluída após quatro anos de construção e tem uma capacidade anual designada de 150 mil unidades, 65% das quais serão produzidas localmente. Ao mesmo tempo, o primeiro modelo da montadora chinesa a ser vendido internacionalmente, o Haval F7, saiu das linhas de produção e já está disponível em mercados fora da China. Isso significa que a empresa entrou em um novo patamar da sua estratégia global, mas o mais importante é que as marcas automotivas chinesas iniciaram uma nova jornada rumo aos mercados mundiais.

O início da produção em Tula é de grande importância para a Great Wall Motors, que acelera a implementação da sua estratégia global. Com o estabelecimento da fábrica, a montadora está bem posicionada para produzir automóveis mais adequados às necessidades do mercado local. Espera-se que a planta em Tula tenha um impacto duradouro e de longo alcance na globalização da indústria automobilística chinesa, pois pode servir como um perfeito modelo para a expansão global de outras montadoras nacionais que buscam chegar a mercados internacionais.

O maior projeto de investimento da indústria transformadora chinesa na Rússia deverá gerar mais de 18 bilhões de yuans (cerca de US$ 2,6 bilhões) em valor total de produção e mais de 3 bilhões de yuans (cerca de US$ 430 milhões) em lucros antes de impostos, criando simultaneamente cerca de 3 mil postos de trabalho. A fábrica é um passo importante nos esforços da empresa para responder à iniciativa do governo chinês conhecida como "Cinturão e Rota". Construída com base na excelência da montadora em tecnologia de fabricação, gestão de qualidade e medidas de proteção ambiental, a fábrica de Tula está no caminho certo para acelerar a formação do cluster automotivo local e do downstream da cadeia industrial, promovendo a transformação da estrutura manufatureira da região. A fábrica representa um novo marco nas relações econômicas e comerciais entre a China e a Rússia, além de uma nova era para as marcas automotivas chinesas com operações no país vizinho.

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/899232/Great_Wall_Motors.jpg

FONTE Great Wall Motors

TULA, Rússia, 6 de junho de 2019 /PRNewswire/ -- A fábrica da Great Wall Motors em Tula, na Rússia, primeira instalação de processo completo de propriedade integral da montadora chinesa fora do seu mercado local, entrou formalmente em operação em 5 de junho de 2019. Com custo de US$ 500 milhões, a fábrica de Tula foi concluída após quatro anos de construção e tem uma capacidade anual designada de 150 mil unidades, 65% das quais serão produzidas localmente. Ao mesmo tempo, o primeiro modelo da montadora chinesa a ser vendido internacionalmente, o Haval F7, saiu das linhas de produção e já está disponível em mercados fora da China. Isso significa que a empresa entrou em um novo patamar da sua estratégia global, mas o mais importante é que as marcas automotivas chinesas iniciaram uma nova jornada rumo aos mercados mundiais.

O início da produção em Tula é de grande importância para a Great Wall Motors, que acelera a implementação da sua estratégia global. Com o estabelecimento da fábrica, a montadora está bem posicionada para produzir automóveis mais adequados às necessidades do mercado local. Espera-se que a planta em Tula tenha um impacto duradouro e de longo alcance na globalização da indústria automobilística chinesa, pois pode servir como um perfeito modelo para a expansão global de outras montadoras nacionais que buscam chegar a mercados internacionais.

O maior projeto de investimento da indústria transformadora chinesa na Rússia deverá gerar mais de 18 bilhões de yuans (cerca de US$ 2,6 bilhões) em valor total de produção e mais de 3 bilhões de yuans (cerca de US$ 430 milhões) em lucros antes de impostos, criando simultaneamente cerca de 3 mil postos de trabalho. A fábrica é um passo importante nos esforços da empresa para responder à iniciativa do governo chinês conhecida como "Cinturão e Rota". Construída com base na excelência da montadora em tecnologia de fabricação, gestão de qualidade e medidas de proteção ambiental, a fábrica de Tula está no caminho certo para acelerar a formação do cluster automotivo local e do downstream da cadeia industrial, promovendo a transformação da estrutura manufatureira da região. A fábrica representa um novo marco nas relações econômicas e comerciais entre a China e a Rússia, além de uma nova era para as marcas automotivas chinesas com operações no país vizinho.

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/899232/Great_Wall_Motors.jpg

FONTE Great Wall Motors

Você acabou de ler:

Início da produção da fábrica da Great Wall Motors na cidade russa de Tula leva marcas automotivas chinesas a nova jornada rumo a mercados globais

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/inicio-da-producao-da-fabrica-da-great-wall-motors-na-cidade-russa-de-tula-leva-marcas-automotivas-chinesas-a-nova-jornada-rumo-a-mercados-globais/