Inversor Solis alimenta o primeiro posto de combustível neutro em carbono BIPV da Sinopec

NINGBO, China, 18 de junho de 2021 /PRNewswire/-- O primeiro posto de combustível fotovoltaico integrado em edifícios (BIPV) neutro em carbono da importante empresa energética Sinopec a nível mundial, iniciou suas operações no posto de combustível de Liuhua, Baise, Guangxi, China. A Solis havia realizado uma ampla pesquisa com a Sinopec em julho de 2020 para transformar o inversor de 255 kW de alta potência em uma parte integrante do projeto. O projeto é considerado um avanço para a Sinopec na implementação da geração de energia solar distribuída, assim como o primeiro posto de combustível neutro em carbono construído e operado pela Sinopec em Guangxi.

Oferecida pela LONGi, a solução BIPV é parte integrante dos planos antes do início da construção. Ao oferecer vantagens como design e construção integrados, peso estrutural leve e uso reduzido de materiais, a solução também estende a vida útil da cobertura do posto de combustível de 5 a 10 anos para 25 anos, o mesmo período de vida útil do módulo de geração de energia solar.

Estima-se que a geração anual de energia deste projeto atinja 91.000 quilowatts por hora. Mais de 10.000 quilowatts de energia excedente serão fornecidos à rede elétrica, o suficiente para atender às demandas anuais de energia de 12,5 residências.

O projeto reduzirá 81,5 toneladas de emissões de carbono por ano, o suficiente para compensar cerca de 76 toneladas de emissões de carbono do posto de combustível por ano, tornando o próprio posto de combustível neutro em carbono.

Para a Solis, o inversor de 110V, como principal produto de baixa tensão de 380V (que se adapta à rede elétrica da China) para C&I, suportará "edifícios ecológicos" em todos os lugares.

Além da eficiência máxima de até 98,7%, o inversor tem uma densidade de rastreamento de alta potência de 100MPPT/MW. As receitas procedentes da geração de energia por MW são aproximadamente 3,5% maiores. A configuração pelo lado de CD suporta um sobredimensionamento de até 150% e o design econômico e flexível do sistema explica a popularidade do inversor entre os clientes.

As funções como proteção contra raios CA tipo I (opcional) e AFCI (opcional) também reduzem os riscos de incêndio no lado de CD. A redução da carga de sobretensão e a tecnologia de supressão de corrente de fuga reduzem os problemas de desconexão sob condições de sobretensão e desarme sob condições de fuga que melhoram a segurança.

A Sinopec está construindo 160 usinas fotovoltaicas em toda a China e planeja construir 7000 estações de energia solar distribuídas como parte de seu "Plano quinquenal". Ao desenvolver modos distintos de neutralização de carbono, como bosques e postos de combustíveis neutros em carbono, a Solis apoiará a Sinopec na missão de fabricar postos de combustíveis "verdes e limpos".

Clique aqui para obter mais informações.

 

FONTE Ginlong Solis

NINGBO, China, 18 de junho de 2021 /PRNewswire/-- O primeiro posto de combustível fotovoltaico integrado em edifícios (BIPV) neutro em carbono da importante empresa energética Sinopec a nível mundial, iniciou suas operações no posto de combustível de Liuhua, Baise, Guangxi, China. A Solis havia realizado uma ampla pesquisa com a Sinopec em julho de 2020 para transformar o inversor de 255 kW de alta potência em uma parte integrante do projeto. O projeto é considerado um avanço para a Sinopec na implementação da geração de energia solar distribuída, assim como o primeiro posto de combustível neutro em carbono construído e operado pela Sinopec em Guangxi.

Oferecida pela LONGi, a solução BIPV é parte integrante dos planos antes do início da construção. Ao oferecer vantagens como design e construção integrados, peso estrutural leve e uso reduzido de materiais, a solução também estende a vida útil da cobertura do posto de combustível de 5 a 10 anos para 25 anos, o mesmo período de vida útil do módulo de geração de energia solar.

Estima-se que a geração anual de energia deste projeto atinja 91.000 quilowatts por hora. Mais de 10.000 quilowatts de energia excedente serão fornecidos à rede elétrica, o suficiente para atender às demandas anuais de energia de 12,5 residências.

O projeto reduzirá 81,5 toneladas de emissões de carbono por ano, o suficiente para compensar cerca de 76 toneladas de emissões de carbono do posto de combustível por ano, tornando o próprio posto de combustível neutro em carbono.

Para a Solis, o inversor de 110V, como principal produto de baixa tensão de 380V (que se adapta à rede elétrica da China) para C&I, suportará "edifícios ecológicos" em todos os lugares.

Além da eficiência máxima de até 98,7%, o inversor tem uma densidade de rastreamento de alta potência de 100MPPT/MW. As receitas procedentes da geração de energia por MW são aproximadamente 3,5% maiores. A configuração pelo lado de CD suporta um sobredimensionamento de até 150% e o design econômico e flexível do sistema explica a popularidade do inversor entre os clientes.

As funções como proteção contra raios CA tipo I (opcional) e AFCI (opcional) também reduzem os riscos de incêndio no lado de CD. A redução da carga de sobretensão e a tecnologia de supressão de corrente de fuga reduzem os problemas de desconexão sob condições de sobretensão e desarme sob condições de fuga que melhoram a segurança.

A Sinopec está construindo 160 usinas fotovoltaicas em toda a China e planeja construir 7000 estações de energia solar distribuídas como parte de seu "Plano quinquenal". Ao desenvolver modos distintos de neutralização de carbono, como bosques e postos de combustíveis neutros em carbono, a Solis apoiará a Sinopec na missão de fabricar postos de combustíveis "verdes e limpos".

Clique aqui para obter mais informações.

 

FONTE Ginlong Solis

Você acabou de ler:

Inversor Solis alimenta o primeiro posto de combustível neutro em carbono BIPV da Sinopec

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/inversor-solis-alimenta-o-primeiro-posto-de-combustivel-neutro-em-carbono-bipv-da-sinopec/