Jovens cearenses planejam utilizar aprendizado em SP para projetos sociais de Fortaleza

SAO PAULO, 12 de maio de 2022 /PRNewswire/ -- Seis jovens cearenses, entre 18 e 29 anos, preparam-se para aplicar conceitos como economia circular e consumo consciente em projetos sociais, na periferia de Fortaleza. Esses conhecimentos foram adquiridos no intercâmbio realizado na Liga Solidária, organização da sociedade civil sem fins lucrativos, encerrado no último dia 9 de maio.

Na Liga, onde realizaram o intercâmbio desde o final de abril, os voluntários atuaram, na maior parte do tempo, no bazar da instituição. Os seis integraram o Liderança Jovem, programa realizado pela Prefeitura de Fortaleza juntamente com o Instituto Juventude Inovação e Instituto Global Attitude para fortalecer o protagonismo juvenil e reafirmar e demonstrar a importância do trabalho voluntário. Todos são egressos do sistema público de ensino ou do Programa Academia ENEM. Em São Paulo, as parcerias para a execução do Programa reúnem diversas organizações da sociedade civil, entre elas a Liga Solidária.

Maria Mariana Silva, 20 anos, uma das voluntárias, atua em uma ONG voltada para a garantia dos direitos sexuais e reprodutivos. Ela planeja que, com a prática do bazar, a ONG possa adquirir recursos para possibilitar doações de produtos, como kits de higiene e absorventes descartáveis.

Para Lemuel Santos, 19 anos, que atua em uma ONG na área de proteção animal e ambiental, "tem sido muito enriquecedor toda essa experiência na Liga Solidária. Pretendo aplicar a captação de recursos para ajudar o projeto em que trabalho, e também fiquei encantado com o projeto Ecoliga, que reaproveita lixo orgânico".

Além do bazar, os voluntários puderam conhecer outros programas da Liga Solidária em áreas de atendimento de seu interesse, como Crianças e Adolescentes, Idosos e Esportes.

"Certamente, este projeto, por meio da parceria com o Instituto Global Attitude e com a prefeitura de Fortaleza, é um dos mais importantes da Liga Solidária em 2022. Mostrar nossa expertise para os jovens cearenses e saber que esse aprendizado será colocado em prática em outra capital é muito gratificante. Amplia nossa missão", afirma Rosalu Queiroz, presidente voluntária da Liga Solidária.

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/1816228/1.jpg

FONTE Liga Solidária

SAO PAULO, 12 de maio de 2022 /PRNewswire/ -- Seis jovens cearenses, entre 18 e 29 anos, preparam-se para aplicar conceitos como economia circular e consumo consciente em projetos sociais, na periferia de Fortaleza. Esses conhecimentos foram adquiridos no intercâmbio realizado na Liga Solidária, organização da sociedade civil sem fins lucrativos, encerrado no último dia 9 de maio.

Na Liga, onde realizaram o intercâmbio desde o final de abril, os voluntários atuaram, na maior parte do tempo, no bazar da instituição. Os seis integraram o Liderança Jovem, programa realizado pela Prefeitura de Fortaleza juntamente com o Instituto Juventude Inovação e Instituto Global Attitude para fortalecer o protagonismo juvenil e reafirmar e demonstrar a importância do trabalho voluntário. Todos são egressos do sistema público de ensino ou do Programa Academia ENEM. Em São Paulo, as parcerias para a execução do Programa reúnem diversas organizações da sociedade civil, entre elas a Liga Solidária.

Maria Mariana Silva, 20 anos, uma das voluntárias, atua em uma ONG voltada para a garantia dos direitos sexuais e reprodutivos. Ela planeja que, com a prática do bazar, a ONG possa adquirir recursos para possibilitar doações de produtos, como kits de higiene e absorventes descartáveis.

Para Lemuel Santos, 19 anos, que atua em uma ONG na área de proteção animal e ambiental, "tem sido muito enriquecedor toda essa experiência na Liga Solidária. Pretendo aplicar a captação de recursos para ajudar o projeto em que trabalho, e também fiquei encantado com o projeto Ecoliga, que reaproveita lixo orgânico".

Além do bazar, os voluntários puderam conhecer outros programas da Liga Solidária em áreas de atendimento de seu interesse, como Crianças e Adolescentes, Idosos e Esportes.

"Certamente, este projeto, por meio da parceria com o Instituto Global Attitude e com a prefeitura de Fortaleza, é um dos mais importantes da Liga Solidária em 2022. Mostrar nossa expertise para os jovens cearenses e saber que esse aprendizado será colocado em prática em outra capital é muito gratificante. Amplia nossa missão", afirma Rosalu Queiroz, presidente voluntária da Liga Solidária.

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/1816228/1.jpg

FONTE Liga Solidária

Você acabou de ler:

Jovens cearenses planejam utilizar aprendizado em SP para projetos sociais de Fortaleza

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/jovens-cearenses-planejam-utilizar-aprendizado-em-sp-para-projetos-sociais-de-fortaleza/