KnowBe4: Ataques de phishing sobre COVID-19 aumentam em 600%

Relatório de Phishing da KnowBe4 destaca informações sobre o primeiro trimestre de 2020

TAMPA, Flórida, 23 de abril de 2020 /PRNewswire/ -- A KnowBe4, responsável pela maior plataforma de treinamentos e conscientização em segurança da informação, anuncia resultados do Relatório de Phishing para o primeiro trimestre de 2020.

Entre janeiro e março deste ano, ataques de phishing relacionados a COVID-19 aumentaram em 600%. Quanto às simulações de phishing realizadas na plataforma KMSAT (Kevin Mitnick Security Awareness Training), mensagens urgentes para verificar senhas foi o assunto mais populares, com 45% de sucesso no primeiro trimestre de 2020. Alertas sobre redes sociais são outra área de preocupação quando se trata de segurança. No mesmo relatório, simulações de phishing com muitos cliques falam sobre novos alertas de login, redefinições de senha e a possibilidade de alguém acessar as mensagens de uma conta pessoal.   

"Os atacantes observam as oportunidades e se beneficiam de todos os momentos que podem lidar com as emoções intensas das pessoas, principalmente durante situações de crise como esta. Assim eles tentarão te convencer a clicar em um link malicioso ou baixar um anexo com malware", disse Stu Sjouwerman, CEO da KnowBe4. "Não é surpresa que estamos vendo uma explosão de ataques de phishing relacionados ao coronavírus, porque as pessoas estão buscando ativamente mais informações sobre ele. Os usuários finais – seus colaboradores – devem ter cuidado especial com qualquer e-mail que receberem relacionado ao COVID-19 e denunciar imediatamente as mensagens suspeitas para o departamento de TI."

No primeiro trimestre de 2020, a KnowBe4 examinou milhares de assuntos de e-mail a partir das simulações de phishing realizadas na plataforma KMSAT. Também foram analisados os assuntos de mensagens 'in-the-wild', que mostram os e-mails reais que os colaboradores receberam e relataram aos seus departamentos de TI como suspeitos. Abaixo listamos os 10 assuntos que mais fisgaram os usuários finais:

  • Verificação imediata de senha é necessária
  • Rede de alerta de saúde: casos de surto do coronavírus
  • Mudança na política de pagamentos
  • Manutenção agendada do servidor – sem acesso à internet
  • Teste do sistema de notificação de emergência da [[nome_empresa]]
  • Atualização da política de férias e folgas
  • Desativação do [[email]] em andamento
  • Por favor leia! Importante aviso de Recursos Humanos
  • Alguém especial enviou um cartão eletrônico de dia dos namorados para você
  • Você foi adicionado a uma equipe do Microsoft Teams

*Os assunto do e-mail são uma combinação das simulações de phishing criadas pela KnowBe4 para clientes e testes personalizados criados por clientes da KnowBe4.

Ao investigar as mensagens 'in-the-wild', os assuntos mais comuns analisados pela KnowBe4 durante o primeiro trimestre de 2020 foram:

  • Lista de reuniões remarcadas devido a COVID-19
  • SharePoint: Documento de redução de impostos devido ao Coronavirus (COVID-19)
  • Informação confidencial sobre a COVID-19
  • TI: Trabalho remoto – conexão pela VPN
  • Comcast: notificações de Carl Vargas
  • Microsoft: sua reunião começará logo
  • RH: plano de compra de ações para novos funcionários
  • Vodafone: Alerta de chamada: mensagem recebida hoje
  • Amazon Chime: Vonage convida para participar de vonage_303136
  • Detran: Multa de estacionamento: Pagamento

*Assuntos de mensagens 'in-the-wild' representam os e-mails reais que os usuários receberam e relataram aos departamentos de TI como suspeitos. Eles não são simulações de phishing.

Para mais informações sobre a KnowBe4, acesse www.knowbe4.com.

Sobre a KnowBe4

A KnowBe4 é responsável pela maior plataforma de treinamento e conscientização em segurança e simulações de phishing do mundo. O KMSAT (Kevin Mitnick Security Awareness Training) é usado por mais de 31.000 organizações em todos os continentes. A empresa foi fundada pelo especialista em TI e segurança de dados Stu Sjouwerman e sua missão é ajudar outras organizações a abordar o elemento humano da segurança através de uma nova visão pedagógica para a proteção de dados. Kevin Mitnick, o hacker mais famoso nos anos 1990, é Chief Hacking Officer da KnowBe4. O especialista em segurança cibernética ajudou a projetar a plataforma e os principais treinamentos da KnowBe4 com base em suas táticas de engenharia social bem documentadas. Milhares de organizações confiam na KnowBe4 para mobilizar seus colaboradores como a principal linha de defesa.

Contato

Alessandra Olinda Martins

Content Producer – Courseware

KnowBe4

alessandrao@knowbe4.com

Logo - https://mma.prnewswire.com/media/588691/KB4_Logo.jpg

FONTE KnowBe4

Relatório de Phishing da KnowBe4 destaca informações sobre o primeiro trimestre de 2020

TAMPA, Flórida, 23 de abril de 2020 /PRNewswire/ -- A KnowBe4, responsável pela maior plataforma de treinamentos e conscientização em segurança da informação, anuncia resultados do Relatório de Phishing para o primeiro trimestre de 2020.

Entre janeiro e março deste ano, ataques de phishing relacionados a COVID-19 aumentaram em 600%. Quanto às simulações de phishing realizadas na plataforma KMSAT (Kevin Mitnick Security Awareness Training), mensagens urgentes para verificar senhas foi o assunto mais populares, com 45% de sucesso no primeiro trimestre de 2020. Alertas sobre redes sociais são outra área de preocupação quando se trata de segurança. No mesmo relatório, simulações de phishing com muitos cliques falam sobre novos alertas de login, redefinições de senha e a possibilidade de alguém acessar as mensagens de uma conta pessoal.   

"Os atacantes observam as oportunidades e se beneficiam de todos os momentos que podem lidar com as emoções intensas das pessoas, principalmente durante situações de crise como esta. Assim eles tentarão te convencer a clicar em um link malicioso ou baixar um anexo com malware", disse Stu Sjouwerman, CEO da KnowBe4. "Não é surpresa que estamos vendo uma explosão de ataques de phishing relacionados ao coronavírus, porque as pessoas estão buscando ativamente mais informações sobre ele. Os usuários finais – seus colaboradores – devem ter cuidado especial com qualquer e-mail que receberem relacionado ao COVID-19 e denunciar imediatamente as mensagens suspeitas para o departamento de TI."

No primeiro trimestre de 2020, a KnowBe4 examinou milhares de assuntos de e-mail a partir das simulações de phishing realizadas na plataforma KMSAT. Também foram analisados os assuntos de mensagens 'in-the-wild', que mostram os e-mails reais que os colaboradores receberam e relataram aos seus departamentos de TI como suspeitos. Abaixo listamos os 10 assuntos que mais fisgaram os usuários finais:

  • Verificação imediata de senha é necessária
  • Rede de alerta de saúde: casos de surto do coronavírus
  • Mudança na política de pagamentos
  • Manutenção agendada do servidor – sem acesso à internet
  • Teste do sistema de notificação de emergência da [[nome_empresa]]
  • Atualização da política de férias e folgas
  • Desativação do [[email]] em andamento
  • Por favor leia! Importante aviso de Recursos Humanos
  • Alguém especial enviou um cartão eletrônico de dia dos namorados para você
  • Você foi adicionado a uma equipe do Microsoft Teams

*Os assunto do e-mail são uma combinação das simulações de phishing criadas pela KnowBe4 para clientes e testes personalizados criados por clientes da KnowBe4.

Ao investigar as mensagens 'in-the-wild', os assuntos mais comuns analisados pela KnowBe4 durante o primeiro trimestre de 2020 foram:

  • Lista de reuniões remarcadas devido a COVID-19
  • SharePoint: Documento de redução de impostos devido ao Coronavirus (COVID-19)
  • Informação confidencial sobre a COVID-19
  • TI: Trabalho remoto – conexão pela VPN
  • Comcast: notificações de Carl Vargas
  • Microsoft: sua reunião começará logo
  • RH: plano de compra de ações para novos funcionários
  • Vodafone: Alerta de chamada: mensagem recebida hoje
  • Amazon Chime: Vonage convida para participar de vonage_303136
  • Detran: Multa de estacionamento: Pagamento

*Assuntos de mensagens 'in-the-wild' representam os e-mails reais que os usuários receberam e relataram aos departamentos de TI como suspeitos. Eles não são simulações de phishing.

Para mais informações sobre a KnowBe4, acesse www.knowbe4.com.

Sobre a KnowBe4

A KnowBe4 é responsável pela maior plataforma de treinamento e conscientização em segurança e simulações de phishing do mundo. O KMSAT (Kevin Mitnick Security Awareness Training) é usado por mais de 31.000 organizações em todos os continentes. A empresa foi fundada pelo especialista em TI e segurança de dados Stu Sjouwerman e sua missão é ajudar outras organizações a abordar o elemento humano da segurança através de uma nova visão pedagógica para a proteção de dados. Kevin Mitnick, o hacker mais famoso nos anos 1990, é Chief Hacking Officer da KnowBe4. O especialista em segurança cibernética ajudou a projetar a plataforma e os principais treinamentos da KnowBe4 com base em suas táticas de engenharia social bem documentadas. Milhares de organizações confiam na KnowBe4 para mobilizar seus colaboradores como a principal linha de defesa.

Contato

Alessandra Olinda Martins

Content Producer – Courseware

KnowBe4

alessandrao@knowbe4.com

Logo - https://mma.prnewswire.com/media/588691/KB4_Logo.jpg

FONTE KnowBe4

Você acabou de ler:

KnowBe4: Ataques de phishing sobre COVID-19 aumentam em 600%

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/knowbe4-ataques-de-phishing-sobre-covid-19-aumentam-em-600/