Líder budista enfatiza a dignidade humana e o desarmamento nuclear em Proposta de Paz anual

TÓQUIO, 27 de janeiro de 2022 /PRNewswire/ -- Em 26 de janeiro de 2022, o filósofo budista e pacifista Dr. Daisaku Ikeda, presidente da Soka Gakkai Internacional (SGI), emitiu sua 40a Proposta de Paz anual. Intitulada Transformar a História Humana: A luz da Paz e da Dignidade, apresenta ideias concretas para o combate à crise climática e para a conquista da educação inclusiva e do desarmamento nuclear.

O embaixador Anwarul K. Chowdhury, ex-subsecretário-geral e Alto Representante da Organização das Nações Unidas (ONU), fundador do Movimento Global pela Cultura da Paz (GMCoP), comenta: "Desconheço alguém que tenha salientado o papel e a responsabilidade das Nações Unidas tão consistente, incansável e concretamente por um período tão extenso quanto o presidente Ikeda. Pelos últimos quarenta anos, suas propostas de paz anuais têm enunciado ideias brilhantes e sugestões para o bem da humanidade. Eu me sinto encorajado por ele ter destacado o empoderamento das pessoas como elemento fundamental da construção da cultura de paz".

Em relação à resposta da humanidade à pandemia, o Dr. Ikeda clama por uma solidariedade que seja desenvolvida a partir da consciência de nossa interconectividade e afirma: "Acredito firmemente que o fator-chave a determinar a direção da história provará ser não o vírus, mas nós, seres humanos".

Ele enfatiza a necessidade de endereçar as desigualdades que a pandemia expôs, bem como a importância da igualdade de gênero e do empoderamento feminino, para a superação da crise e a construção de uma sociedade global que preserve a dignidade humana.

Referindo-se às questões ambientais, o Dr. Ikeda faz um apelo por mais esforços coordenados da ONU na implementação da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre a Mudança do Clima, Convenção sobre Diversidade Biológica e Convenção das Nações Unidas para o Combate à Desertificação, declarando: "As mudanças climáticas, a biodiversidade e a desertificação estão profundamente interligadas, e as soluções estão igualmente interconectadas".

O líder também propõe a criação de um conselho jovem para assessorar a ONU na proteção abrangente dos "bens comuns globais", recursos ambientais essenciais para toda a humanidade.

Preocupado com o impacto dos distúrbios na educação, o Dr. Ikeda sugere que a Cúpula das Nações Unidas para Transformar a Educação (UN Transforming Education Summit, em inglês), planejada para setembro, foque na educação em emergências, na educação inclusiva e no aprendizado para a cidadania global.

Visando à primeira reunião dos Estados-membros do Tratado sobre a Proibição de Armas Nucleares (TPAN), previsto para março, o Dr. Ikeda frisa a urgência de nos "desintoxicarmos" das doutrinas de segurança dependentes de tecnologia nuclear e clama fortemente para que o Japão, outros Estados dependentes de energia nuclear e os Estados que possuem armamentos nucleares participem como observadores: "Se mais países que, no presente momento, sentem não poder assinar ou ratificar o TPAN começarem a se conscientizar positivamente sobre o verdadeiro valor e significado do tratado, estou confiante de que isso catalisará a energia e a vontade política necessárias para pôr fim à era das armas nucleares".

A Soka Gakkai é uma organização global comunitária que promove a paz, a cultura e a educação fundamentadas no respeito pela dignidade da vida. A Soka Gakkai Internacional (SGI) é uma ONG em status consultivo na ONU Ecosoc. A cada ano, no dia 26 de janeiro, o presidente da SGI, Dr. Daisaku Ikeda, emite uma proposta de paz para comemorar a fundação da SGI, ocorrida em 1975.

Contact:

Joan Anderson

International Office of Public Information

Soka Gakkai

+81-80-5957-4733

anderson[at]soka.jp

 

FONTE Soka Gakkai

TÓQUIO, 27 de janeiro de 2022 /PRNewswire/ -- Em 26 de janeiro de 2022, o filósofo budista e pacifista Dr. Daisaku Ikeda, presidente da Soka Gakkai Internacional (SGI), emitiu sua 40a Proposta de Paz anual. Intitulada Transformar a História Humana: A luz da Paz e da Dignidade, apresenta ideias concretas para o combate à crise climática e para a conquista da educação inclusiva e do desarmamento nuclear.

O embaixador Anwarul K. Chowdhury, ex-subsecretário-geral e Alto Representante da Organização das Nações Unidas (ONU), fundador do Movimento Global pela Cultura da Paz (GMCoP), comenta: "Desconheço alguém que tenha salientado o papel e a responsabilidade das Nações Unidas tão consistente, incansável e concretamente por um período tão extenso quanto o presidente Ikeda. Pelos últimos quarenta anos, suas propostas de paz anuais têm enunciado ideias brilhantes e sugestões para o bem da humanidade. Eu me sinto encorajado por ele ter destacado o empoderamento das pessoas como elemento fundamental da construção da cultura de paz".

Em relação à resposta da humanidade à pandemia, o Dr. Ikeda clama por uma solidariedade que seja desenvolvida a partir da consciência de nossa interconectividade e afirma: "Acredito firmemente que o fator-chave a determinar a direção da história provará ser não o vírus, mas nós, seres humanos".

Ele enfatiza a necessidade de endereçar as desigualdades que a pandemia expôs, bem como a importância da igualdade de gênero e do empoderamento feminino, para a superação da crise e a construção de uma sociedade global que preserve a dignidade humana.

Referindo-se às questões ambientais, o Dr. Ikeda faz um apelo por mais esforços coordenados da ONU na implementação da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre a Mudança do Clima, Convenção sobre Diversidade Biológica e Convenção das Nações Unidas para o Combate à Desertificação, declarando: "As mudanças climáticas, a biodiversidade e a desertificação estão profundamente interligadas, e as soluções estão igualmente interconectadas".

O líder também propõe a criação de um conselho jovem para assessorar a ONU na proteção abrangente dos "bens comuns globais", recursos ambientais essenciais para toda a humanidade.

Preocupado com o impacto dos distúrbios na educação, o Dr. Ikeda sugere que a Cúpula das Nações Unidas para Transformar a Educação (UN Transforming Education Summit, em inglês), planejada para setembro, foque na educação em emergências, na educação inclusiva e no aprendizado para a cidadania global.

Visando à primeira reunião dos Estados-membros do Tratado sobre a Proibição de Armas Nucleares (TPAN), previsto para março, o Dr. Ikeda frisa a urgência de nos "desintoxicarmos" das doutrinas de segurança dependentes de tecnologia nuclear e clama fortemente para que o Japão, outros Estados dependentes de energia nuclear e os Estados que possuem armamentos nucleares participem como observadores: "Se mais países que, no presente momento, sentem não poder assinar ou ratificar o TPAN começarem a se conscientizar positivamente sobre o verdadeiro valor e significado do tratado, estou confiante de que isso catalisará a energia e a vontade política necessárias para pôr fim à era das armas nucleares".

A Soka Gakkai é uma organização global comunitária que promove a paz, a cultura e a educação fundamentadas no respeito pela dignidade da vida. A Soka Gakkai Internacional (SGI) é uma ONG em status consultivo na ONU Ecosoc. A cada ano, no dia 26 de janeiro, o presidente da SGI, Dr. Daisaku Ikeda, emite uma proposta de paz para comemorar a fundação da SGI, ocorrida em 1975.

Contact:

Joan Anderson

International Office of Public Information

Soka Gakkai

+81-80-5957-4733

anderson[at]soka.jp

 

FONTE Soka Gakkai

Você acabou de ler:

Líder budista enfatiza a dignidade humana e o desarmamento nuclear em Proposta de Paz anual

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/lider-budista-enfatiza-a-dignidade-humana-e-o-desarmamento-nuclear-em-proposta-de-paz-anual/