Liga Mundial Muçulmana fortalece a coalizão para implementar a Declaração de Meca

MECA, Arábia Saudita, 25 de março de 2022 /PRNewswire/ -- Líderes muçulmanos dos Estados Unidos, Canadá e América Latina endossaram a histórica Declaração de Meca no fórum Promoting Unity and Global Coexistence (Promoção da unidade e da coexistência global) em Washington, D.C., prometendo expandir a cooperação e incutir os princípios do Islã moderado em suas congregações e comunidades.

Sua Excelência, o Dr. Mohammad bin Abdulkarim Al-Issa, secretário-geral da Liga Mundial Muçulmana, liderou a reunião com mais de duzentos eminentes imãs, acadêmicos e líderes comunitários de todos os ramos da fé islâmica em colaboração com a International Interfaith Peace Corps.

O Dr. Al-Issa, no discurso de abertura, enfatizou que a estrutura abrangente da Declaração de Meca atua como uma força poderosa para que comunidades de todo o mundo atinjam a harmonia, a tolerância e a paz entre diferentes religiões.

"A Declaração de Meca adverte contra conflitos e confrontos de civilizações, discursos de ódio e racismo, e pede cidadania inclusiva", disse o Dr. Al-Issa.

A Declaração de Meca extrai sua força da incrível diversidade dos líderes islâmicos que chegaram a um consenso sobre como melhor enfrentar os desafios mais urgentes e as oportunidades do nosso tempo, incluindo a promoção da educação dos jovens, o desenvolvimento sustentável, o empoderamento das mulheres, e combater as forças malignas do preconceito, do extremismo e da violência em todo o mundo.

Os líderes islâmicos realizaram painéis de discussão com enfoque na análise sobre como os princípios do documento podem ser aplicados em diferentes contextos em todas as Américas. O imã Mohamed Magid, presidente da IIPC e representante executivo do ADAMS Center, enfatizou que a implementação da Declaração já está produzindo laços comunitários mais profundos e impulsionando os esforços de desenvolvimento locais.

O representante dos EUA, Andre Carson, de Indiana, falou sobre a importância de proteger os direitos dos muçulmanos em todo o mundo e enfatizou o foco do congresso na proteção de famílias afegãs vulneráveis.

Rahmah Abdulaleem, diretora executiva da KARAMAH Humera Khan, destacou que a Declaração de Meca reconhece a importância da liderança das mulheres em instituições islâmicas e em todas as áreas da sociedade, enquanto o imã Talib Shareef, presidente da Masjid Muhammad, falou sobre a motivação central de todas as pessoas presentes de engrandecer a humanidade e promover um mundo à imagem de Deus. Amb. Arslan Suleman enfatizou a importância da liderança dos religiosos na criação e concretização da paz.

Os líderes muçulmanos criaram um plano de ação e uma nova infraestrutura de comunicações por meio da qual líderes islâmicos em todas as Américas compartilharão informações e as melhores práticas conforme suas comunidades trabalharem para concretizar os princípios da Declaração de Meca.

Comunicado das sociedades islâmicas das Américas do Norte, Central e do Sul sobre a implementação da Declaração de Meca

Nós, os líderes das sociedades islâmicas das Américas do Norte, Central e do Sul, reunindo-se aqui em Washington DC neste dia, acompanhados por alguns de nossos eminentes e importantes amigos não muçulmanos e líderes de outras religiões, da comunidade, da sociedade civil, do governo e do congresso, resolvemos adotar medidas concretas para implementar a Declaração de Meca, cujos artigos e princípios exigem ações colaborativas para enfrentar os desafios históricos de hoje, como fome, pobreza, pessoas em situação de rua, doença, analfabetismo, marginalização, insegurança, liberdade, e oportunidades econômicas para todos. Esta conferência, sobre a Declaração de Meca, foi recebida com grande apreço por todo o mundo. A conferência enfatizou a promoção da unidade muçulmana, a afirmação dos laços de sororidade e irmandade, o amor entre toda a humanidade, bem como a compreensão de que a diversidade e o pluralismo estão entre as bênçãos de Alá, que Ele seja exaltado. A identidade religiosa nunca contradiz a identidade nacional—um princípio integrado ao ensino islâmico.

  • Nós, os participantes desta conferência, tomamos a decisão nesta primeira reunião das sociedades islâmicas das Américas do Norte, Central e do Sul com o objetivo de encontrar as melhores maneiras de nos beneficiarmos mais amplamente dos princípios da Declaração de Meca e de seus workshops que se concentraram em uma série de tópicos importantes, incluindo capacitação para líderes religiosos, engajamento dos jovens, empoderamento feminino e diplomacia religiosa; levando em consideração que a conferência sobre a Declaração de Meca contou com a participação de todas as seitas e escolas de pensamento islâmicas como uma semente de bondade para fortalecer seus laços fraternos.
  • Após analisar as discussões ocorridas nos workshops do fórum, os participantes sugeriram estabelecer um órgão para as comunidades muçulmanas na América do Norte e do Sul com todas as suas seitas e escolas de pensamento como um órgão independente no qual todos participariam igualmente, e a partir do qual um fórum internacional seria originado da Declaração de Meca, e este órgão e fórum teriam amigos não muçulmanos, de líderes religiosos a outras comunidades de fé, órgãos governamentais e parlamentares nas Américas, para:         
  •  
  • colaborar em metas e problemas comuns, especialmente promovendo os valores de irmandade e de coexistência.
  • construir pontes de entendimento e alianças entre seguidores de religiões e culturas nas Américas para atingir interesses nacionais e humanos comuns.
  • enfatizar o fortalecimento do conceito de soberania nacional e alertar sobre o perigo dos conceitos de classificação e exclusão – um valor defendido pela Declaração de Meca, pelo qual a declaração recebeu grande aclamação global.
  • Os organizadores da conferência criarão um comitê de sete a nove membros, levando em consideração toda a diversidade necessária, para trabalhar na preparação do estatuto e da governança do órgão e fórum acima mencionados e para operacionalizar as recomendações dos workshops do fórum internacional. Os membros do comitê também organizarão reuniões anuais, semelhantes à nossa reunião de hoje, com a participação dos amigos do fórum de outras crenças religiosas.
  • Também estamos satisfeitos com o lançamento do site multilíngue da Declaração de Meca. Este site interativo receberá informações e contribuições de todos vocês para a estratégia de implementação da Declaração de Meca.
  • Que Alá abençoe esse esforço, materialize todas as nossas aspirações e traga benefícios para todos os continentes. Que Alá recompense os acadêmicos que escreveram a Declaração de Meca, e os participantes que a corroboraram. Que Alá faça com que esta conferência seja o início de muitas iniciativas que exercerão impacto positivo em nossas comunidades e nossas nações.

    Nossos agradecimentos a todos os participantes e que a bênção de Alá esteja sobre todos vocês!

    Divulgado pelos organizadores da conferência em nome de todos os seus participantes

    Este comunicado foi distribuído pela Qorvis Communications em nome da Liga Mundial Muçulmana. Informações adicionais estão disponíveis no Departamento de Justiça, Washington, D.C.

     

    FONTE Muslim World League

    MECA, Arábia Saudita, 25 de março de 2022 /PRNewswire/ -- Líderes muçulmanos dos Estados Unidos, Canadá e América Latina endossaram a histórica Declaração de Meca no fórum Promoting Unity and Global Coexistence (Promoção da unidade e da coexistência global) em Washington, D.C., prometendo expandir a cooperação e incutir os princípios do Islã moderado em suas congregações e comunidades.

    Sua Excelência, o Dr. Mohammad bin Abdulkarim Al-Issa, secretário-geral da Liga Mundial Muçulmana, liderou a reunião com mais de duzentos eminentes imãs, acadêmicos e líderes comunitários de todos os ramos da fé islâmica em colaboração com a International Interfaith Peace Corps.

    O Dr. Al-Issa, no discurso de abertura, enfatizou que a estrutura abrangente da Declaração de Meca atua como uma força poderosa para que comunidades de todo o mundo atinjam a harmonia, a tolerância e a paz entre diferentes religiões.

    "A Declaração de Meca adverte contra conflitos e confrontos de civilizações, discursos de ódio e racismo, e pede cidadania inclusiva", disse o Dr. Al-Issa.

    A Declaração de Meca extrai sua força da incrível diversidade dos líderes islâmicos que chegaram a um consenso sobre como melhor enfrentar os desafios mais urgentes e as oportunidades do nosso tempo, incluindo a promoção da educação dos jovens, o desenvolvimento sustentável, o empoderamento das mulheres, e combater as forças malignas do preconceito, do extremismo e da violência em todo o mundo.

    Os líderes islâmicos realizaram painéis de discussão com enfoque na análise sobre como os princípios do documento podem ser aplicados em diferentes contextos em todas as Américas. O imã Mohamed Magid, presidente da IIPC e representante executivo do ADAMS Center, enfatizou que a implementação da Declaração já está produzindo laços comunitários mais profundos e impulsionando os esforços de desenvolvimento locais.

    O representante dos EUA, Andre Carson, de Indiana, falou sobre a importância de proteger os direitos dos muçulmanos em todo o mundo e enfatizou o foco do congresso na proteção de famílias afegãs vulneráveis.

    Rahmah Abdulaleem, diretora executiva da KARAMAH Humera Khan, destacou que a Declaração de Meca reconhece a importância da liderança das mulheres em instituições islâmicas e em todas as áreas da sociedade, enquanto o imã Talib Shareef, presidente da Masjid Muhammad, falou sobre a motivação central de todas as pessoas presentes de engrandecer a humanidade e promover um mundo à imagem de Deus. Amb. Arslan Suleman enfatizou a importância da liderança dos religiosos na criação e concretização da paz.

    Os líderes muçulmanos criaram um plano de ação e uma nova infraestrutura de comunicações por meio da qual líderes islâmicos em todas as Américas compartilharão informações e as melhores práticas conforme suas comunidades trabalharem para concretizar os princípios da Declaração de Meca.

    Comunicado das sociedades islâmicas das Américas do Norte, Central e do Sul sobre a implementação da Declaração de Meca

    Nós, os líderes das sociedades islâmicas das Américas do Norte, Central e do Sul, reunindo-se aqui em Washington DC neste dia, acompanhados por alguns de nossos eminentes e importantes amigos não muçulmanos e líderes de outras religiões, da comunidade, da sociedade civil, do governo e do congresso, resolvemos adotar medidas concretas para implementar a Declaração de Meca, cujos artigos e princípios exigem ações colaborativas para enfrentar os desafios históricos de hoje, como fome, pobreza, pessoas em situação de rua, doença, analfabetismo, marginalização, insegurança, liberdade, e oportunidades econômicas para todos. Esta conferência, sobre a Declaração de Meca, foi recebida com grande apreço por todo o mundo. A conferência enfatizou a promoção da unidade muçulmana, a afirmação dos laços de sororidade e irmandade, o amor entre toda a humanidade, bem como a compreensão de que a diversidade e o pluralismo estão entre as bênçãos de Alá, que Ele seja exaltado. A identidade religiosa nunca contradiz a identidade nacional—um princípio integrado ao ensino islâmico.

  • Nós, os participantes desta conferência, tomamos a decisão nesta primeira reunião das sociedades islâmicas das Américas do Norte, Central e do Sul com o objetivo de encontrar as melhores maneiras de nos beneficiarmos mais amplamente dos princípios da Declaração de Meca e de seus workshops que se concentraram em uma série de tópicos importantes, incluindo capacitação para líderes religiosos, engajamento dos jovens, empoderamento feminino e diplomacia religiosa; levando em consideração que a conferência sobre a Declaração de Meca contou com a participação de todas as seitas e escolas de pensamento islâmicas como uma semente de bondade para fortalecer seus laços fraternos.
  • Após analisar as discussões ocorridas nos workshops do fórum, os participantes sugeriram estabelecer um órgão para as comunidades muçulmanas na América do Norte e do Sul com todas as suas seitas e escolas de pensamento como um órgão independente no qual todos participariam igualmente, e a partir do qual um fórum internacional seria originado da Declaração de Meca, e este órgão e fórum teriam amigos não muçulmanos, de líderes religiosos a outras comunidades de fé, órgãos governamentais e parlamentares nas Américas, para:         
  •  
  • colaborar em metas e problemas comuns, especialmente promovendo os valores de irmandade e de coexistência.
  • construir pontes de entendimento e alianças entre seguidores de religiões e culturas nas Américas para atingir interesses nacionais e humanos comuns.
  • enfatizar o fortalecimento do conceito de soberania nacional e alertar sobre o perigo dos conceitos de classificação e exclusão – um valor defendido pela Declaração de Meca, pelo qual a declaração recebeu grande aclamação global.
  • Os organizadores da conferência criarão um comitê de sete a nove membros, levando em consideração toda a diversidade necessária, para trabalhar na preparação do estatuto e da governança do órgão e fórum acima mencionados e para operacionalizar as recomendações dos workshops do fórum internacional. Os membros do comitê também organizarão reuniões anuais, semelhantes à nossa reunião de hoje, com a participação dos amigos do fórum de outras crenças religiosas.
  • Também estamos satisfeitos com o lançamento do site multilíngue da Declaração de Meca. Este site interativo receberá informações e contribuições de todos vocês para a estratégia de implementação da Declaração de Meca.
  • Que Alá abençoe esse esforço, materialize todas as nossas aspirações e traga benefícios para todos os continentes. Que Alá recompense os acadêmicos que escreveram a Declaração de Meca, e os participantes que a corroboraram. Que Alá faça com que esta conferência seja o início de muitas iniciativas que exercerão impacto positivo em nossas comunidades e nossas nações.

    Nossos agradecimentos a todos os participantes e que a bênção de Alá esteja sobre todos vocês!

    Divulgado pelos organizadores da conferência em nome de todos os seus participantes

    Este comunicado foi distribuído pela Qorvis Communications em nome da Liga Mundial Muçulmana. Informações adicionais estão disponíveis no Departamento de Justiça, Washington, D.C.

     

    FONTE Muslim World League

    Você acabou de ler:

    Liga Mundial Muçulmana fortalece a coalizão para implementar a Declaração de Meca

    Compartilhe

    https://prnewswire.com.br/releases/liga-mundial-muculmana-fortalece-a-coalizao-para-implementar-a-declaracao-de-meca/