NDB capta US$ 1,5 bilhão no mercado internacional de capitais em emissão de Bond de 3 anos do programa de combate à COVID

SHANGHAI, 19 de junho de 2020 /PRNewswire/ -- No dia 16 de Junho de 2020, o Novo Banco de Desenvolvimento (NDB) ofertou no mercado internacional o seu primeiro Bond em dólares com vencimento de 3 anos no programa de ações para a o combate à COVID. Foram ao todo captados US$ 1,5 bilhão na venda do título. 

Os recursos líquidos da emissão do bond serão usados para financiar ações de desenvolvimento sustentável nos países membros, incluindo empréstimos de assistência emergêncial. Nessa modalidade, os recursos disponibilizados podem ser utilizados no financiamento não só das despesas diretamete relacionadas ao combate do surto da COVID-19 mas também das medidas tomadas pelos governos para a recuperação econômica dos países membros do NDB.

A emissão foi bem recebida pelo mercado o que se traduziu em participação superior a 75% de investidores qualificados, como bancos centrais e instituições oficiais, nas ordens de compra. A distribuição geográfica dos investidores foi a seguinte: 56% - Ásia, 29% - EMEA, 15% - Américas.

A forte demanda por parte dos investidores permitiu ainda ao NDB atingir uma taxa de cupom de 0,625% na emissão, uma redução de 7 pontos base na comparação com as estimativas iniciais de preço.

"Estamos extremamente satisfeitos com a recepção positiva por parte dos mercados e com o nivel de excelencia dos nossos investidores na emissão de nosso Bond em resposta à COVID. Essa emissão é estrategicamente importante para o  enfrentamento dos desafios econômicos e sociais que os nossos países membros estão enfrentando na luta contra o surto de COVID-19", disse Leslie Maasdorp, vice-presidente e diretor financeiro do NDB. "Gostaria de agradecer aos nossos investidores pela confiança no nosso crédito e aos nossos parceiros que atuaram como coordenadores dessa emissão e contribuíram para o sucesso dessa transação".

Citibank, o Crédito de Agricole CIB, Goldman Sachs International, HSBC e J.P. Morgan atuaram como bancos coordenadores da emissão ao passo que Bank of China, Barclays, DBS Bank Ltd., Banco Industrial e Comercial da China Limited, Mizuho Securities, Standard Chartered Bank e TD Securities atuaram como os co-coordenadores.

Características do Título

Emissor

Novo Banco de Desenvolvimento (NDB)

Rating do emissor

AA+ (S&P) / AA+ (Fitch) / AAA (JCR) / AAA (ACRA)

Valor de Face

USD 1,500,000,000

Data de liquidação

23 de Junho de 2020

Data de vencimento

23 de Junho de 2023

Preço de emissão

99.896%

Yield da emissão

0.660%

Cupom

0.625% anual

Denominação

USD 200k+1k

Lista

Mercado Regulado de Euronext Dublin - Troca dos Títulos da Irlanda

Coordenador da emissão

O Citi, o Crédito de Agricole de CIB, o Goldman Sachs International, o HSBC e o J.P. Morgan

Co-coordenador da emissão

Banco da China, Barclays, DBS Bank Ltd., Banco Industrial e Comercial da China Limited, Mizuho Valores Mobiliários, Fretado Padrão Banco e TD Valores Mobiliários

Informações do Fundo

Em Dezembro de 2019, o NDB registrou o seu programa inaugural da emissões de bonds de prazo médio num total de US$ 50 bilhões a serem ofertados no mercado internacional de capitais. O programa foi classificado como "AA +" pela Fitch e recebeu as classificações "AA +" no longo prazo e "A-1 +" no curto prazo pela S&P. O prospecto do programa, e qualquer informação suplementar aos termos do programa relativos a qualquer nova emissão estarão disponíveis para visualização aqui.

O NDB estabelece um Mecanismo da Assistência Emergencial para atender às necessidades mais urgentes dos seus países membros. Tais empréstimos emergenciais podem ser usados para financiar as despesas diretas relacionadas à luta contra o surto de COVID-19 ou suportar as medidas governamentais que contribuem para a recuperação econômica nos países membros. O NDB tem o objetivo de fornecer até US$ 10 bilhões na assistência relacionada aos crises. No dia 17 de Junho de 2020, o Banco  desembolsou RMB 7 bilhões para programas de assistência emergencial ao governo da China e US$ 1 bilhão no programas de assistência emergencial ao governo da Índia.

O NDB foi estabelecido por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul com intuito de mobilizar recursos para o financiamento de projetos de infraestrutura e o desenvolvimento sustentável nos BRICS e em outras economias emergentes e países em desenvolvimento, complementando os esforços existentes de outras instituições financeiras multilaterais e regionais para o crescimento e o desenvolvimento global. Para cumprir o seu objetivo, o NDB vai investir em projetos públicos ou privados por meio dos empréstimos, garantias, participação acionária e os outros instrumentos financeiros. O NDB recebeu o rating AA + de longo prazo pela S&P e pela Fitch e a classificação AAA em moeda estrangeira pela Japan Credit Rating Agency (JCR).

FONTE NDB

SHANGHAI, 19 de junho de 2020 /PRNewswire/ -- No dia 16 de Junho de 2020, o Novo Banco de Desenvolvimento (NDB) ofertou no mercado internacional o seu primeiro Bond em dólares com vencimento de 3 anos no programa de ações para a o combate à COVID. Foram ao todo captados US$ 1,5 bilhão na venda do título. 

Os recursos líquidos da emissão do bond serão usados para financiar ações de desenvolvimento sustentável nos países membros, incluindo empréstimos de assistência emergêncial. Nessa modalidade, os recursos disponibilizados podem ser utilizados no financiamento não só das despesas diretamete relacionadas ao combate do surto da COVID-19 mas também das medidas tomadas pelos governos para a recuperação econômica dos países membros do NDB.

A emissão foi bem recebida pelo mercado o que se traduziu em participação superior a 75% de investidores qualificados, como bancos centrais e instituições oficiais, nas ordens de compra. A distribuição geográfica dos investidores foi a seguinte: 56% - Ásia, 29% - EMEA, 15% - Américas.

A forte demanda por parte dos investidores permitiu ainda ao NDB atingir uma taxa de cupom de 0,625% na emissão, uma redução de 7 pontos base na comparação com as estimativas iniciais de preço.

"Estamos extremamente satisfeitos com a recepção positiva por parte dos mercados e com o nivel de excelencia dos nossos investidores na emissão de nosso Bond em resposta à COVID. Essa emissão é estrategicamente importante para o  enfrentamento dos desafios econômicos e sociais que os nossos países membros estão enfrentando na luta contra o surto de COVID-19", disse Leslie Maasdorp, vice-presidente e diretor financeiro do NDB. "Gostaria de agradecer aos nossos investidores pela confiança no nosso crédito e aos nossos parceiros que atuaram como coordenadores dessa emissão e contribuíram para o sucesso dessa transação".

Citibank, o Crédito de Agricole CIB, Goldman Sachs International, HSBC e J.P. Morgan atuaram como bancos coordenadores da emissão ao passo que Bank of China, Barclays, DBS Bank Ltd., Banco Industrial e Comercial da China Limited, Mizuho Securities, Standard Chartered Bank e TD Securities atuaram como os co-coordenadores.

Características do Título

Emissor

Novo Banco de Desenvolvimento (NDB)

Rating do emissor

AA+ (S&P) / AA+ (Fitch) / AAA (JCR) / AAA (ACRA)

Valor de Face

USD 1,500,000,000

Data de liquidação

23 de Junho de 2020

Data de vencimento

23 de Junho de 2023

Preço de emissão

99.896%

Yield da emissão

0.660%

Cupom

0.625% anual

Denominação

USD 200k+1k

Lista

Mercado Regulado de Euronext Dublin - Troca dos Títulos da Irlanda

Coordenador da emissão

O Citi, o Crédito de Agricole de CIB, o Goldman Sachs International, o HSBC e o J.P. Morgan

Co-coordenador da emissão

Banco da China, Barclays, DBS Bank Ltd., Banco Industrial e Comercial da China Limited, Mizuho Valores Mobiliários, Fretado Padrão Banco e TD Valores Mobiliários

Informações do Fundo

Em Dezembro de 2019, o NDB registrou o seu programa inaugural da emissões de bonds de prazo médio num total de US$ 50 bilhões a serem ofertados no mercado internacional de capitais. O programa foi classificado como "AA +" pela Fitch e recebeu as classificações "AA +" no longo prazo e "A-1 +" no curto prazo pela S&P. O prospecto do programa, e qualquer informação suplementar aos termos do programa relativos a qualquer nova emissão estarão disponíveis para visualização aqui.

O NDB estabelece um Mecanismo da Assistência Emergencial para atender às necessidades mais urgentes dos seus países membros. Tais empréstimos emergenciais podem ser usados para financiar as despesas diretas relacionadas à luta contra o surto de COVID-19 ou suportar as medidas governamentais que contribuem para a recuperação econômica nos países membros. O NDB tem o objetivo de fornecer até US$ 10 bilhões na assistência relacionada aos crises. No dia 17 de Junho de 2020, o Banco  desembolsou RMB 7 bilhões para programas de assistência emergencial ao governo da China e US$ 1 bilhão no programas de assistência emergencial ao governo da Índia.

O NDB foi estabelecido por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul com intuito de mobilizar recursos para o financiamento de projetos de infraestrutura e o desenvolvimento sustentável nos BRICS e em outras economias emergentes e países em desenvolvimento, complementando os esforços existentes de outras instituições financeiras multilaterais e regionais para o crescimento e o desenvolvimento global. Para cumprir o seu objetivo, o NDB vai investir em projetos públicos ou privados por meio dos empréstimos, garantias, participação acionária e os outros instrumentos financeiros. O NDB recebeu o rating AA + de longo prazo pela S&P e pela Fitch e a classificação AAA em moeda estrangeira pela Japan Credit Rating Agency (JCR).

FONTE NDB

Você acabou de ler:

NDB capta US$ 1,5 bilhão no mercado internacional de capitais em emissão de Bond de 3 anos do programa de combate à COVID

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/ndb-capta-us-15-bilhao-no-mercado-internacional-de-capitais-em-emissao-de-bond-de-3-anos-do-programa-de-combate-a-covid/