Polyplastics apresenta tecnologia inovadora de ligação para unir diferentes materiais de resina

TÓQUIO, 21 de janeiro de 2022 /PRNewswire/ -- A Polyplastics Co. Ltd., fornecedora líder global de termoplásticos de engenharia, introduziu uma tecnologia inovadora de ligação que é diferente dos métodos tradicionais de união, como soldagem ou adesão de plásticos. A AKI-Lock (R) tem poucas restrições sobre os materiais que podem ser usados e forma ligações fortes e estáveis com combinações de diferentes materiais, para os quais a ligação era difícil anteriormente.

Imagem:

https://kyodonewsprwire.jp/prwfile/release/M100475/202201055733/_prw_PI1fl_mVEqPtui.jpg

A AKI-Lock (R) abre o leque para uma ampla variedade de possibilidades para o desenvolvimento de novos produtos. Esta tecnologia de ligação atende à crescente demanda do mercado por redução de peso para abordar os ODSs (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável) da ONU, reduz o número de peças e oferece resistência e longevidade adesivas estáveis.

A tecnologia AKI-Lock (R) utiliza as fibras de vidro em resinas reforçadas por fibra de vidro como uma âncora física para a ligação. Fibra de vidro é fabricada por irradiação a laser que é concluída em um padrão de malha. As ligações fortes podem então ser alcançadas despejando a resina para ser ligada a essas âncoras. Como a ligação é formada por âncoras físicas, não há limitação de tempo do tratamento a laser até a ligação. O mascaramento é desnecessário, uma vez que as áreas de tratamento específicas podem ser identificadas. Não há necessidade de solução decapante para tornar a superfície áspera e não são produzidos resíduos líquidos ou materiais.

A estanqueidade é grandemente aumentada devido a três fatores: o efeito da resina entrando e preenchendo as lacunas entre as fibras de vidro; a deformação nas ranhuras do material primário devido à força de fluxo de cisalhamento do material secundário; e a fricção por retração do molde do material secundário.

A AKI-Lock (R) ajuda a reduzir o trabalho de montagem e o número de componentes, reduzindo assim o custo geral. O sistema de ligação também ajuda a reduzir o impacto ambiental por meio do uso de processos secos, incluindo a eliminação de adesivos.

Para mais informações, acesse: https://www.polyplastics-global.com/en/approach/9.html

Sobre a Polyplastics: https://kyodonewsprwire.jp/attach/202201055733-O1-4OD3syDS.pdf

*A AKI-Lock (R) é marca registrada da Polyplastics Co., Ltd. no Japão e em outros países.

 

 

FONTE Polyplastics Co., Ltd.

TÓQUIO, 21 de janeiro de 2022 /PRNewswire/ -- A Polyplastics Co. Ltd., fornecedora líder global de termoplásticos de engenharia, introduziu uma tecnologia inovadora de ligação que é diferente dos métodos tradicionais de união, como soldagem ou adesão de plásticos. A AKI-Lock (R) tem poucas restrições sobre os materiais que podem ser usados e forma ligações fortes e estáveis com combinações de diferentes materiais, para os quais a ligação era difícil anteriormente.

Imagem:

https://kyodonewsprwire.jp/prwfile/release/M100475/202201055733/_prw_PI1fl_mVEqPtui.jpg

A AKI-Lock (R) abre o leque para uma ampla variedade de possibilidades para o desenvolvimento de novos produtos. Esta tecnologia de ligação atende à crescente demanda do mercado por redução de peso para abordar os ODSs (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável) da ONU, reduz o número de peças e oferece resistência e longevidade adesivas estáveis.

A tecnologia AKI-Lock (R) utiliza as fibras de vidro em resinas reforçadas por fibra de vidro como uma âncora física para a ligação. Fibra de vidro é fabricada por irradiação a laser que é concluída em um padrão de malha. As ligações fortes podem então ser alcançadas despejando a resina para ser ligada a essas âncoras. Como a ligação é formada por âncoras físicas, não há limitação de tempo do tratamento a laser até a ligação. O mascaramento é desnecessário, uma vez que as áreas de tratamento específicas podem ser identificadas. Não há necessidade de solução decapante para tornar a superfície áspera e não são produzidos resíduos líquidos ou materiais.

A estanqueidade é grandemente aumentada devido a três fatores: o efeito da resina entrando e preenchendo as lacunas entre as fibras de vidro; a deformação nas ranhuras do material primário devido à força de fluxo de cisalhamento do material secundário; e a fricção por retração do molde do material secundário.

A AKI-Lock (R) ajuda a reduzir o trabalho de montagem e o número de componentes, reduzindo assim o custo geral. O sistema de ligação também ajuda a reduzir o impacto ambiental por meio do uso de processos secos, incluindo a eliminação de adesivos.

Para mais informações, acesse: https://www.polyplastics-global.com/en/approach/9.html

Sobre a Polyplastics: https://kyodonewsprwire.jp/attach/202201055733-O1-4OD3syDS.pdf

*A AKI-Lock (R) é marca registrada da Polyplastics Co., Ltd. no Japão e em outros países.

 

 

FONTE Polyplastics Co., Ltd.

Você acabou de ler:

Polyplastics apresenta tecnologia inovadora de ligação para unir diferentes materiais de resina

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/polyplastics-apresenta-tecnologia-inovadora-de-ligacao-para-unir-diferentes-materiais-de-resina/