Polyplastics lança novo PLASTRON (R) LFT (termoplástico reforçado com fibra longa) feito de celulose regenerada com peso mais leve e maior resistência

TÓQUIO, 10 de março de 2022 /PRNewswire/ -- O Polyplastics Group anunciou o lançamento do PLASTRON (R) LFT (resina termoplástica reforçada com fibra longa), composto por fibras de celulose regeneradas especialmente formuladas. O PLASTRON (R) LFT ecológico oferece redução de peso e resistência mecânica, permitindo que os fabricantes reduzam suas pegadas de carbono e atendam às necessidades de sustentabilidade atuais.

Foto:

https://kyodonewsprwire.jp/prwfile/release/M100475/202203018021/_prw_PI1fl_6S5bs2Es.png

O uso de resinas ecológicas que incorporam fibras naturais, amido, pó de madeira e outros materiais de enchimento à base de plantas e minerais naturais está sendo considerado para uma gama mais ampla de aplicações. A celulose é um material promissor para ajudar a reduzir as emissões de CO2, mas sua resistência insuficiente é um fator limitante. A Polyplastics resolveu esse problema utilizando celulose regenerada no desenvolvimento de resinas LFT com um excelente equilíbrio de propriedades físicas. A celulose regenerada é a celulose natural que se transforma em fibras contínuas por meio de fiação úmida.

Como a celulose é altamente insolúvel em solventes, grande parte das fibras de celulose regeneradas é fabricada por meio de processos longos e trabalhosos. Simplificar esses processos provavelmente resultaria em uma maior redução nas emissões de CO2. A Polyplastics desenvolveu materiais de celulose regenerada de fibra longa por meio de um método solvente, um processo de fabricação simples que emite muito pouco CO2. Como esse método envolve um processo fechado que recupera praticamente 100% do solvente, ele gera muito pouco resíduo e produz materiais ainda mais ecológicos. A empresa obteve várias patentes dessa tecnologia no Japão e no mundo.

Uma comparação entre a resina PP de fibra longa reforçada com celulose e a resina PP de fibra longa reforçada com vidro, com o mesmo módulo de flexão, mostra que a resina reforçada com celulose tem densidade mais baixa do que a resina reforçada com vidro. Embora a resina PP de fibra longa reforçada com celulose tenha um módulo de flexão aproximadamente 3% maior do que o de 30% da resina PP reforçada com vidro, ela apresenta valores mais altos de resistência no Ensaio de Impacto Charpy, resistência à tração e resistência de flexão, indicando, portanto, potencial de maior resistência.

Acesse também https://www.polyplastics-global.com/en/approach/10.html

Sobre a Polyplastics

https://kyodonewsprwire.jp/attach/202203018021-O1-t4z6l5aD.pdf

*PLASTRON (R) é uma marca registrada da Polyplastics Co., Ltd. no Japão e em outros países.

FONTE Polyplastics Co., Ltd.

TÓQUIO, 10 de março de 2022 /PRNewswire/ -- O Polyplastics Group anunciou o lançamento do PLASTRON (R) LFT (resina termoplástica reforçada com fibra longa), composto por fibras de celulose regeneradas especialmente formuladas. O PLASTRON (R) LFT ecológico oferece redução de peso e resistência mecânica, permitindo que os fabricantes reduzam suas pegadas de carbono e atendam às necessidades de sustentabilidade atuais.

Foto:

https://kyodonewsprwire.jp/prwfile/release/M100475/202203018021/_prw_PI1fl_6S5bs2Es.png

O uso de resinas ecológicas que incorporam fibras naturais, amido, pó de madeira e outros materiais de enchimento à base de plantas e minerais naturais está sendo considerado para uma gama mais ampla de aplicações. A celulose é um material promissor para ajudar a reduzir as emissões de CO2, mas sua resistência insuficiente é um fator limitante. A Polyplastics resolveu esse problema utilizando celulose regenerada no desenvolvimento de resinas LFT com um excelente equilíbrio de propriedades físicas. A celulose regenerada é a celulose natural que se transforma em fibras contínuas por meio de fiação úmida.

Como a celulose é altamente insolúvel em solventes, grande parte das fibras de celulose regeneradas é fabricada por meio de processos longos e trabalhosos. Simplificar esses processos provavelmente resultaria em uma maior redução nas emissões de CO2. A Polyplastics desenvolveu materiais de celulose regenerada de fibra longa por meio de um método solvente, um processo de fabricação simples que emite muito pouco CO2. Como esse método envolve um processo fechado que recupera praticamente 100% do solvente, ele gera muito pouco resíduo e produz materiais ainda mais ecológicos. A empresa obteve várias patentes dessa tecnologia no Japão e no mundo.

Uma comparação entre a resina PP de fibra longa reforçada com celulose e a resina PP de fibra longa reforçada com vidro, com o mesmo módulo de flexão, mostra que a resina reforçada com celulose tem densidade mais baixa do que a resina reforçada com vidro. Embora a resina PP de fibra longa reforçada com celulose tenha um módulo de flexão aproximadamente 3% maior do que o de 30% da resina PP reforçada com vidro, ela apresenta valores mais altos de resistência no Ensaio de Impacto Charpy, resistência à tração e resistência de flexão, indicando, portanto, potencial de maior resistência.

Acesse também https://www.polyplastics-global.com/en/approach/10.html

Sobre a Polyplastics

https://kyodonewsprwire.jp/attach/202203018021-O1-t4z6l5aD.pdf

*PLASTRON (R) é uma marca registrada da Polyplastics Co., Ltd. no Japão e em outros países.

FONTE Polyplastics Co., Ltd.

Você acabou de ler:

Polyplastics lança novo PLASTRON (R) LFT (termoplástico reforçado com fibra longa) feito de celulose regenerada com peso mais leve e maior resistência

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/polyplastics-lanca-novo-plastron-r-lft-termoplastico-reforcado-com-fibra-longa-feito-de-celulose-regenerada-com-peso-mais-leve-e-maior-resistencia/