Prêmio da Paz Sunhak 2019 concedido em Seul a Akinwumi Ayodeji Adesina e Waris Dirie

SEUL, Coreia do Sul, 9 de fevereiro de 2019 /PRNewswire/ -- O Comitê do Prêmio da Paz Sunhak realizou a sua cerimônia de premiação de 2019 no dia 9 de fevereiro às 10h no Jamsil Lotte Hotel World.

O Prêmio da Paz Sunhak 2019 foi concedido ao Dr. Akinwumi Adesina, presidente do African Development Bank Group, e a Waris Dirie, ativista de direitos humanos contra a mutilação genital feminina.

 

 

O comitê reconhece as realizações do Dr. Adesina na melhoria da economia da África por meio da promoção da boa governança e na liderança da inovação agrícola. As suas conquistas contribuíram para a segurança alimentar na África, com o objetivo de melhorar a vida de milhões em situação de pobreza no continente.

O comitê premiou Waris Dirie em reconhecimento à sua incansável defesa dos direitos das mulheres de todas as idades e à sua campanha por uma resolução global para a erradicação da mutilação genital feminina, protegendo assim as meninas que correm esse risco.

Na cerimônia, cada ganhador recebeu um prêmio de US$ 500 mil, juntamente com uma medalha e uma placa, apresentadas pelo fundador, o Dr. Hak Ja Han Moon, e o presidente do comitê, o Dr. Il Sik Hong.

A cerimônia contou com a presença de mais de 1 mil pessoas, incluindo atuais e antigos presidentes, vice-presidentes, líderes e empreendedores da África, além de outros representantes de vários governos, do setor acadêmico, de empresas, da imprensa e de religiões.

O embaixador Kenneth M. Quinn, presidente da World Food Prize Foundation, fez o discurso de premiação e destacou que os dois agraciados realmente proporcionarão um foco especial sobre a promoção dos direitos humanos e do desenvolvimento humano na África.

Ao fazer o discurso de aceitação, o Dr. Adesina afirmou que não pode haver paz em um mundo com fome, e que o prêmio é uma campanha para fazer mais pelos menos privilegiados em todo o mundo e especialmente na África.

Waris asseverou que a mutilação genital feminina deve ser erradicada na atualidade e que ela vai continuar lutando pelos direitos de mulheres de todas as idades até que construamos uma sociedade onde tais direitos possam ser respeitados.

O presidente Hong enfatizou a importância da visão intitulada Uma Família Sob Deus, além dos temas dos direitos humanos e do desenvolvimento humano na África. O seu discurso de boas-vindas enfatizou que a paz só pode ser alcançada quando todos os direitos humanos são protegidos. Também destacou que a devoção dos laureados pode levar a humanidade um passo à frente para abrir um novo capítulo da paz mundial.

O prêmio homenageia indivíduos e organizações que deram contribuições importantes para a paz e o desenvolvimento humano das gerações futuras.

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/819898/Dr__Akinwumi_Adesina.jpg  

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/819899/Waris_Dirie.jpg  

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/819900/The_Sunhak_Peace_Prize_Committee.jpg

FONTE The Sunhak Peace Prize Committee

SEUL, Coreia do Sul, 9 de fevereiro de 2019 /PRNewswire/ -- O Comitê do Prêmio da Paz Sunhak realizou a sua cerimônia de premiação de 2019 no dia 9 de fevereiro às 10h no Jamsil Lotte Hotel World.

O Prêmio da Paz Sunhak 2019 foi concedido ao Dr. Akinwumi Adesina, presidente do African Development Bank Group, e a Waris Dirie, ativista de direitos humanos contra a mutilação genital feminina.

 

 

O comitê reconhece as realizações do Dr. Adesina na melhoria da economia da África por meio da promoção da boa governança e na liderança da inovação agrícola. As suas conquistas contribuíram para a segurança alimentar na África, com o objetivo de melhorar a vida de milhões em situação de pobreza no continente.

O comitê premiou Waris Dirie em reconhecimento à sua incansável defesa dos direitos das mulheres de todas as idades e à sua campanha por uma resolução global para a erradicação da mutilação genital feminina, protegendo assim as meninas que correm esse risco.

Na cerimônia, cada ganhador recebeu um prêmio de US$ 500 mil, juntamente com uma medalha e uma placa, apresentadas pelo fundador, o Dr. Hak Ja Han Moon, e o presidente do comitê, o Dr. Il Sik Hong.

A cerimônia contou com a presença de mais de 1 mil pessoas, incluindo atuais e antigos presidentes, vice-presidentes, líderes e empreendedores da África, além de outros representantes de vários governos, do setor acadêmico, de empresas, da imprensa e de religiões.

O embaixador Kenneth M. Quinn, presidente da World Food Prize Foundation, fez o discurso de premiação e destacou que os dois agraciados realmente proporcionarão um foco especial sobre a promoção dos direitos humanos e do desenvolvimento humano na África.

Ao fazer o discurso de aceitação, o Dr. Adesina afirmou que não pode haver paz em um mundo com fome, e que o prêmio é uma campanha para fazer mais pelos menos privilegiados em todo o mundo e especialmente na África.

Waris asseverou que a mutilação genital feminina deve ser erradicada na atualidade e que ela vai continuar lutando pelos direitos de mulheres de todas as idades até que construamos uma sociedade onde tais direitos possam ser respeitados.

O presidente Hong enfatizou a importância da visão intitulada Uma Família Sob Deus, além dos temas dos direitos humanos e do desenvolvimento humano na África. O seu discurso de boas-vindas enfatizou que a paz só pode ser alcançada quando todos os direitos humanos são protegidos. Também destacou que a devoção dos laureados pode levar a humanidade um passo à frente para abrir um novo capítulo da paz mundial.

O prêmio homenageia indivíduos e organizações que deram contribuições importantes para a paz e o desenvolvimento humano das gerações futuras.

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/819898/Dr__Akinwumi_Adesina.jpg  

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/819899/Waris_Dirie.jpg  

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/819900/The_Sunhak_Peace_Prize_Committee.jpg

FONTE The Sunhak Peace Prize Committee

Você acabou de ler:

Prêmio da Paz Sunhak 2019 concedido em Seul a Akinwumi Ayodeji Adesina e Waris Dirie

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/premio-da-paz-sunhak-2019-concedido-em-seul-a-akinwumi-ayodeji-adesina-e-waris-dirie/