RDIF anuncia principais dados de eficácia da Sputnik V em San Marino, o registro da vacina Sputnik M em breve e reitera que os combos de vacinas são a chave para combater a pandemia

MOSCOU, 24 de novembro de 2021 /PRNewswire/ -- O Fundo Russo de Investimento Direto (RDIF, o fundo da riqueza soberana da Rússia) anunciou hoje novos dados positivos do mundo real do Ministério da Saúde da República de San Marino sobre a eficácia da vacina russa Sputnik V, bem como os planos de novos produtos de vacina contra o COVID durante a coletiva de imprensa conjunta com o Gamaleya Centro Nacional de Pesquisa em Epidemiologia e Microbiologia.

O CEO do RDIF, Kirill Dmitriev, o diretor do Centro Gamaleya Alexander Gintsburg e o vice-diretor Denis Logunov participaram de uma coletiva de imprensa global fazendo vários anúncios importantes e respondendo perguntas da mídia.

O RDIF anunciou os dados do mundo real do Ministério da Saúde da República de San Marino sobre a vacina russa Sputnik V demonstrando que é 80% eficaz contra a infecção pelo coronavírus do 6º ao 8º mês após a administração da segunda dose.  A eficácia da Sputnik V em 6-8 meses é muito maior do que a eficácia publicada oficialmente pelas vacinas mRNA. A equipe da Sputnik acredita que as vacinas adenovirais proporcionam maior eficácia do que as vacinas mRNA devido a mais tempo de anticorpos e resposta de células T.

Durante a coletiva, os palestrantes compartilharam a notícia sobre a vacina contra o coronavírus para adolescentes Sputnik M, bem como uma vacina intranasal.

O Ministério da Saúde da Rússia deve registrar  a vacina Sputnik M  para  adolescentes  de 12 a 17 anos hoje. Ela se tornará um novo membro da família de vacinas Sputnik e será oferecida aos mercados internacionais que se juntarão à Sputnik V e à Sputnik Light.

Como existe atualmente uma onda de novos casos de COVID na Europa, o RDIF ressalta a importância de encontrar uma solução científica eficaz a longo prazo.  Com as vacinas mRNA demonstrando eficácia em declínio, é importante olhar para a eficácia da vacina em 5-6 meses, e não 2-3 meses como foi feito anteriormente, e explorar o reforço heterólogo com outras vacinas para aumentar a imunidade criada pelas vacinas mRNA.

A equipe RDIF e Sputnik assumiu a liderança ao oferecer uma abordagem de combinação de vacinas para outros produtores e a vacina de dose única Sputnik Light como um impulsionador universal. Vários estudos de combinação (Argentina, Azerbaijão) demonstraram que a resposta imune da dose de reforço com a Sputnik Light é muito maior em relação a duas doses da mesma vacina.

Em dezembro de 2021, dados adicionais do mundo real sobre a efetividade da Sputnik V no longo prazo serão disponibilizados em outros países.

O teste de anticorpos também foi o foco da conferência de imprensa. Como permite medir a efetividade da vacina, os palestrantes recomendaram que outros países o usassem mais. Esta ferramenta pode se tornar mais importante do que os certificados de vacinação com base em uma vacina específica.

A equipe RDIF e Sputnik está defendendo uma abordagem mais aberta, transparente e parceira entre os produtores de vacinas e confirma a disposição de unir esforços na luta global contra o coronavírus.

 

FONTE The Russian Direct Invest Fund (RDIF)

MOSCOU, 24 de novembro de 2021 /PRNewswire/ -- O Fundo Russo de Investimento Direto (RDIF, o fundo da riqueza soberana da Rússia) anunciou hoje novos dados positivos do mundo real do Ministério da Saúde da República de San Marino sobre a eficácia da vacina russa Sputnik V, bem como os planos de novos produtos de vacina contra o COVID durante a coletiva de imprensa conjunta com o Gamaleya Centro Nacional de Pesquisa em Epidemiologia e Microbiologia.

O CEO do RDIF, Kirill Dmitriev, o diretor do Centro Gamaleya Alexander Gintsburg e o vice-diretor Denis Logunov participaram de uma coletiva de imprensa global fazendo vários anúncios importantes e respondendo perguntas da mídia.

O RDIF anunciou os dados do mundo real do Ministério da Saúde da República de San Marino sobre a vacina russa Sputnik V demonstrando que é 80% eficaz contra a infecção pelo coronavírus do 6º ao 8º mês após a administração da segunda dose.  A eficácia da Sputnik V em 6-8 meses é muito maior do que a eficácia publicada oficialmente pelas vacinas mRNA. A equipe da Sputnik acredita que as vacinas adenovirais proporcionam maior eficácia do que as vacinas mRNA devido a mais tempo de anticorpos e resposta de células T.

Durante a coletiva, os palestrantes compartilharam a notícia sobre a vacina contra o coronavírus para adolescentes Sputnik M, bem como uma vacina intranasal.

O Ministério da Saúde da Rússia deve registrar  a vacina Sputnik M  para  adolescentes  de 12 a 17 anos hoje. Ela se tornará um novo membro da família de vacinas Sputnik e será oferecida aos mercados internacionais que se juntarão à Sputnik V e à Sputnik Light.

Como existe atualmente uma onda de novos casos de COVID na Europa, o RDIF ressalta a importância de encontrar uma solução científica eficaz a longo prazo.  Com as vacinas mRNA demonstrando eficácia em declínio, é importante olhar para a eficácia da vacina em 5-6 meses, e não 2-3 meses como foi feito anteriormente, e explorar o reforço heterólogo com outras vacinas para aumentar a imunidade criada pelas vacinas mRNA.

A equipe RDIF e Sputnik assumiu a liderança ao oferecer uma abordagem de combinação de vacinas para outros produtores e a vacina de dose única Sputnik Light como um impulsionador universal. Vários estudos de combinação (Argentina, Azerbaijão) demonstraram que a resposta imune da dose de reforço com a Sputnik Light é muito maior em relação a duas doses da mesma vacina.

Em dezembro de 2021, dados adicionais do mundo real sobre a efetividade da Sputnik V no longo prazo serão disponibilizados em outros países.

O teste de anticorpos também foi o foco da conferência de imprensa. Como permite medir a efetividade da vacina, os palestrantes recomendaram que outros países o usassem mais. Esta ferramenta pode se tornar mais importante do que os certificados de vacinação com base em uma vacina específica.

A equipe RDIF e Sputnik está defendendo uma abordagem mais aberta, transparente e parceira entre os produtores de vacinas e confirma a disposição de unir esforços na luta global contra o coronavírus.

 

FONTE The Russian Direct Invest Fund (RDIF)

Você acabou de ler:

RDIF anuncia principais dados de eficácia da Sputnik V em San Marino, o registro da vacina Sputnik M em breve e reitera que os combos de vacinas são a chave para combater a pandemia

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/rdif-anuncia-principais-dados-de-eficacia-da-sputnik-v-em-san-marino-o-registro-da-vacina-sputnik-m-em-breve-e-reitera-que-os-combos-de-vacinas-sao-a-chave-para-combater-a-pandemia/