Renegociação de contratos de Telecom ganha impulso com a crise gerada pela COVID-19, aponta VIAW

Consultoria registrou aumento de 30% na demanda por projetos que visam reduzir custos ou recuperar valores pagos por cobrança indevida

SÃO PAULO, 1 de julho de 2020 /PRNewswire/ -- A renegociação de contratos de Telecom, que envolve a reavaliação das condições estabelecidas em termos de tarifas e serviços e seu respectivo impacto tributário, bem como a revisão dos valores já pagos, está ganhando ainda mais impulso em função da recessão econômica gerada pela COVID-19 e da urgência das empresas em reduzirem seus custos.

"Assim como ocorreu na renegociação de salários, aluguéis e outros serviços, a área de Telecom também passou a requerer atenção ainda maior dos departamentos financeiros das empresas, chegando a envolver diretamente executivos C-Level", conta Sergio Wainer, sócio e CEO da VIAW, consultoria que já atuou em mais de 2 mil contratos para grandes e médias empresas. "Desde o início da pandemia, registramos um aumento de 30% na demanda por projetos".

Com 12 anos de atuação, a consultoria dirigida por Sergio Wainer e por seu sócio e também CEO Nelson Reis já desenvolveu cerca de 250 projetos que resultaram em uma economia de mais de R$ 2,25 bilhões com gastos em telecomunicações, incluindo serviços de voz fixa e móvel, data center, internet e call center, e ressarcimento decorrente da revisão de pagamentos indevidos já efetuados.

O grande diferencial que tem chamado a atenção das empresas, principalmente no momento de verbas escassas, é o modelo de remuneração da VIAW, baseado 100% em success fee, ou seja, condicionado aos ganhos obtidos com os projetos

"Quando os investimentos estão contidos e é preciso reduzir custos para garantir o equilíbrio financeiro, torna-se muito interessante a possibilidade de cortar despesas sem afetar as atividades essenciais ao negócio", explica Wainer, ao destacar que o menor índice de redução de custos nos projetos já realizados situa-se em 30%, mas existem casos de mais de 70% de corte das despesas com serviços contratados.

Orientado a empresas que têm gastos a partir de R$ 30 mil mensais com serviços de telecomunicações, os serviços da VIAW incluem renegociação de contratos existentes e auditoria para recuperação de valores já pagos. A VIAW também avalia indicadores de performance, analisa a topologia da infraestrutura da rede de comunicação atual e das demandas futuras, propõe melhorias operacionais, faz avaliação técnica sobre os aspectos de contingência ou redundância, além da governança dos contratos, com consultoria jurídica.

www.viaw.com.br  

Contacto: Nando Rodrigues, nando@gpcom.com.br, +55 11 98765-0736

FONTE VIAW

Consultoria registrou aumento de 30% na demanda por projetos que visam reduzir custos ou recuperar valores pagos por cobrança indevida

SÃO PAULO, 1 de julho de 2020 /PRNewswire/ -- A renegociação de contratos de Telecom, que envolve a reavaliação das condições estabelecidas em termos de tarifas e serviços e seu respectivo impacto tributário, bem como a revisão dos valores já pagos, está ganhando ainda mais impulso em função da recessão econômica gerada pela COVID-19 e da urgência das empresas em reduzirem seus custos.

"Assim como ocorreu na renegociação de salários, aluguéis e outros serviços, a área de Telecom também passou a requerer atenção ainda maior dos departamentos financeiros das empresas, chegando a envolver diretamente executivos C-Level", conta Sergio Wainer, sócio e CEO da VIAW, consultoria que já atuou em mais de 2 mil contratos para grandes e médias empresas. "Desde o início da pandemia, registramos um aumento de 30% na demanda por projetos".

Com 12 anos de atuação, a consultoria dirigida por Sergio Wainer e por seu sócio e também CEO Nelson Reis já desenvolveu cerca de 250 projetos que resultaram em uma economia de mais de R$ 2,25 bilhões com gastos em telecomunicações, incluindo serviços de voz fixa e móvel, data center, internet e call center, e ressarcimento decorrente da revisão de pagamentos indevidos já efetuados.

O grande diferencial que tem chamado a atenção das empresas, principalmente no momento de verbas escassas, é o modelo de remuneração da VIAW, baseado 100% em success fee, ou seja, condicionado aos ganhos obtidos com os projetos

"Quando os investimentos estão contidos e é preciso reduzir custos para garantir o equilíbrio financeiro, torna-se muito interessante a possibilidade de cortar despesas sem afetar as atividades essenciais ao negócio", explica Wainer, ao destacar que o menor índice de redução de custos nos projetos já realizados situa-se em 30%, mas existem casos de mais de 70% de corte das despesas com serviços contratados.

Orientado a empresas que têm gastos a partir de R$ 30 mil mensais com serviços de telecomunicações, os serviços da VIAW incluem renegociação de contratos existentes e auditoria para recuperação de valores já pagos. A VIAW também avalia indicadores de performance, analisa a topologia da infraestrutura da rede de comunicação atual e das demandas futuras, propõe melhorias operacionais, faz avaliação técnica sobre os aspectos de contingência ou redundância, além da governança dos contratos, com consultoria jurídica.

www.viaw.com.br  

Contacto: Nando Rodrigues, nando@gpcom.com.br, +55 11 98765-0736

FONTE VIAW

Você acabou de ler:

Renegociação de contratos de Telecom ganha impulso com a crise gerada pela COVID-19, aponta VIAW

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/renegociacao-de-contratos-de-telecom-ganha-impulso-com-a-crise-gerada-pela-covid-19-aponta-viaw/