Resultados do Bradesco no 2º Trimestre de 2018

SÃO PAULO, 26 de julho de 2018 /PRNewswire/ -- Apresentamos os principais números obtidos pelo Bradesco (B3: BBDC3, BBDC4; NYSE: BBD and Latibex: XBBDC):

1. O Lucro Líquido Recorrente no 2º trimestre foi de R$5,161 bilhões (aumento de 1,2% em relação ao trimestre anterior e 9,7% em relação ao mesmo período do ano anterior), correspondendo a R$ 2,98 por ação com rentabilidade acumulada no ano sobre o Patrimônio Líquido de 18,5%.

2. O Resultado Operacional no 2º trimestre foi de R$8,144 bilhões (aumento de 6,2% em relação ao trimestre anterior e 25,7% em relação ao mesmo período do ano anterior)

3. Quanto à origem, o Lucro Líquido Recorrente do trimestre é composto por R$ 3,58 bilhões provenientes das atividades financeiras, correspondendo a 69,3% do total, e por R$ 1,58 bilhão gerados pelas atividades de seguros, previdência e capitalização, representando 30,7% do total.

4. Ao final de junho de 2018, o valor de mercado do Bradesco era de R$ 171,604 bilhões, apresentando evolução de 1,2% em relação ao mesmo período no ano anterior.

5. Os Ativos Totais, em junho de 2018, registraram saldo de R$ 1,306 trilhão, crescimento de 0,2% em relação ao saldo do trimestre anterior. O retorno sobre os Ativos Totais Médios foi de 1,6%.

6. A Carteira de Crédito Expandida, em junho de 2018, atingiu R$ 515,635 bilhões, com crescimento de 6% em relação ao trimestre anterior, ressaltando que todos os segmentos apresentaram performance positiva no período.

7. A inadimplência acima de 90 dias no 2º trimestre foi de 3,9%, uma melhora significativa com relação ao trimestre anterior de 0,5 p.p. e de 1,0 p.p. com relação ao mesmo período do ano anterior, permitindo redução relevante nas Despesas com Provisão para Perdas de Crédito: 11,7% no comparativo trimestral e 36,1% comparando-se com o mesmo período do ano anterior

8. As Receitas de Prestação de Serviços evoluíram 3,7% quando comparadas ao 1º trimestre e 8,3% quando comparadas com o 2º trimestre de 2017, destacando o desempenho positivo em praticamente todas as linhas.

9. As Despesas de Pessoal totalizaram no semestre R$9,756 bilhões, uma queda de 0,3% com relação ao mesmo período do ano anterior, e as Despesas Administrativas totalizaram R$9,803 bilhões, um crescimento de apenas 0,5% com relação ao primeiro semestre de 2017.

10. Os Recursos Captados e Administrados somaram R$ 2,014 trilhões, um crescimento de 5% em relação a junho de 2017.

11. O Patrimônio Líquido, em junho de 2018, somou R$ 113,039 bilhões, um crescimento de 5,8% em relação a junho de 2017.

As Demonstrações Contábeis completas estão disponíveis no Site de Relações com Investidores - bradesco.com.br/ri.

CONTATO:

Área de Relações com Investidores

Tel.: 11-2194-0922

e-mail: investidores@bradesco.com.br

FONTE Banco Bradesco S.A.

SÃO PAULO, 26 de julho de 2018 /PRNewswire/ -- Apresentamos os principais números obtidos pelo Bradesco (B3: BBDC3, BBDC4; NYSE: BBD and Latibex: XBBDC):

1. O Lucro Líquido Recorrente no 2º trimestre foi de R$5,161 bilhões (aumento de 1,2% em relação ao trimestre anterior e 9,7% em relação ao mesmo período do ano anterior), correspondendo a R$ 2,98 por ação com rentabilidade acumulada no ano sobre o Patrimônio Líquido de 18,5%.

2. O Resultado Operacional no 2º trimestre foi de R$8,144 bilhões (aumento de 6,2% em relação ao trimestre anterior e 25,7% em relação ao mesmo período do ano anterior)

3. Quanto à origem, o Lucro Líquido Recorrente do trimestre é composto por R$ 3,58 bilhões provenientes das atividades financeiras, correspondendo a 69,3% do total, e por R$ 1,58 bilhão gerados pelas atividades de seguros, previdência e capitalização, representando 30,7% do total.

4. Ao final de junho de 2018, o valor de mercado do Bradesco era de R$ 171,604 bilhões, apresentando evolução de 1,2% em relação ao mesmo período no ano anterior.

5. Os Ativos Totais, em junho de 2018, registraram saldo de R$ 1,306 trilhão, crescimento de 0,2% em relação ao saldo do trimestre anterior. O retorno sobre os Ativos Totais Médios foi de 1,6%.

6. A Carteira de Crédito Expandida, em junho de 2018, atingiu R$ 515,635 bilhões, com crescimento de 6% em relação ao trimestre anterior, ressaltando que todos os segmentos apresentaram performance positiva no período.

7. A inadimplência acima de 90 dias no 2º trimestre foi de 3,9%, uma melhora significativa com relação ao trimestre anterior de 0,5 p.p. e de 1,0 p.p. com relação ao mesmo período do ano anterior, permitindo redução relevante nas Despesas com Provisão para Perdas de Crédito: 11,7% no comparativo trimestral e 36,1% comparando-se com o mesmo período do ano anterior

8. As Receitas de Prestação de Serviços evoluíram 3,7% quando comparadas ao 1º trimestre e 8,3% quando comparadas com o 2º trimestre de 2017, destacando o desempenho positivo em praticamente todas as linhas.

9. As Despesas de Pessoal totalizaram no semestre R$9,756 bilhões, uma queda de 0,3% com relação ao mesmo período do ano anterior, e as Despesas Administrativas totalizaram R$9,803 bilhões, um crescimento de apenas 0,5% com relação ao primeiro semestre de 2017.

10. Os Recursos Captados e Administrados somaram R$ 2,014 trilhões, um crescimento de 5% em relação a junho de 2017.

11. O Patrimônio Líquido, em junho de 2018, somou R$ 113,039 bilhões, um crescimento de 5,8% em relação a junho de 2017.

As Demonstrações Contábeis completas estão disponíveis no Site de Relações com Investidores - bradesco.com.br/ri.

CONTATO:

Área de Relações com Investidores

Tel.: 11-2194-0922

e-mail: investidores@bradesco.com.br

FONTE Banco Bradesco S.A.

Você acabou de ler:

Resultados do Bradesco no 2º Trimestre de 2018

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/resultados-do-bradesco-no-2o-trimestre-de-2018/