Rogério Penna fala sobre os ''desgastes'' para lentes de contato dental

SÃO PAULO, 9 de dezembro de 2019 /PRNewswire/ -- A procura pelas lentes de contato dentais não para de crescer. Na era das selfies, a preocupação com a estética facial e do sorriso ocasionou uma alta demanda pelo procedimento. Tudo começou com as celebridades, sorrisos perfeitos, alinhados e sem manchas se tornaram frequentes na TV e nas redes sociais, isso fez com que o procedimento nos dentes ultrapassasse as cirurgias plásticas que, até então, eram as favoritas dos brasileiros.

Porém, nas ultimas semanas, uma imagem chocou a web, os dentes de Carlinhos Maia sem as lentes de contato dental. O humorista se divertiu com seus seguidores ao mostrar os dentes naturais após realizar a troca das lentes de contato. O humorista explicou que seus dentes são naturalmente pequenos e que ficaram ainda menores após serem lixados para encaixar as lentes.

Fomos atrás de um dos mais renomados especialista na área, Dr. Rogério Penna, para explicar um pouco mais sobre como funciona o procedimento.

Dr., o que são as lentes de contato dentais e como funcionam?

São finas lâminas de porcelana que revestem toda a superfície do dente, alteram forma, comprimento e cor, deixam o sorriso alinhado e mais branco. São coladas sobre o dente através de um sistema adesivo muito forte que acaba criando um corpo único com durabilidade de no mínimo 10 anos.

Como é feito a preparação dos dentes para receber as lentes, é necessário desgastar os dentes?

Em todos os casos são necessários ajustes nos dentes para receber as lentes, como, por exemplo, arredondar bordas, aparar arestas e criar linhas de término, porém, esses desgastes geralmente são mínimos ou quase imperceptíveis ao olho nu, desde que o dentista trabalhe com microscopia ou lupas de aumento, tenha em mãos excelentes materiais, seja especialista na área e com vasta experiência.

No caso do Carlinhos Maia, tem situações que o dente precisa ficar daquele jeito para receber as lentes?

Os dentes precisam de desgastes maiores apenas em casos extremos de reabilitação, ou seja, na maioria dos casos, dentes com restaurações extensas ou já muito destruídos. Infelizmente, existem muitos profissionais que não dominam a técnica e se aventuram a fazer, não são especialistas, não possuem tecnologias ideais e bons materiais, por isso acabam fazendo desgastes agressivos desnecessários sem nenhum estudo e planejamento, ciência ou técnica.

Qual o conselho que você dá para quem quiser colocar as lentes?

Sempre busque um profissional que seja especialista, trabalhe com tecnologias de ponta, materiais de primeira linha e que tenha know-how, e nunca pelo preço mais barato. Hoje, estamos vivendo uma era do retrabalho, que é quando o paciente coloca lentes e por motivo estético (fora do padrão ideal) ou funcional (má adaptações/infiltrações) temos que remover tudo e fazer de novo. Em meu consultório recebo pelo menos 3 pacientes por semana nessa situação, e que na maioria das vezes, foram colocadas há poucas semanas por outro profissional, isso além de causar um grande prejuízo financeiro ao paciente, ainda causa graves sequelas ao dente e psicológicas ao paciente.

Foto: https://mma.prnewswire.com/media/1042201/Rogerio_penna.jpg?p=original

FONTE Rogério Penna

SÃO PAULO, 9 de dezembro de 2019 /PRNewswire/ -- A procura pelas lentes de contato dentais não para de crescer. Na era das selfies, a preocupação com a estética facial e do sorriso ocasionou uma alta demanda pelo procedimento. Tudo começou com as celebridades, sorrisos perfeitos, alinhados e sem manchas se tornaram frequentes na TV e nas redes sociais, isso fez com que o procedimento nos dentes ultrapassasse as cirurgias plásticas que, até então, eram as favoritas dos brasileiros.

Porém, nas ultimas semanas, uma imagem chocou a web, os dentes de Carlinhos Maia sem as lentes de contato dental. O humorista se divertiu com seus seguidores ao mostrar os dentes naturais após realizar a troca das lentes de contato. O humorista explicou que seus dentes são naturalmente pequenos e que ficaram ainda menores após serem lixados para encaixar as lentes.

Fomos atrás de um dos mais renomados especialista na área, Dr. Rogério Penna, para explicar um pouco mais sobre como funciona o procedimento.

Dr., o que são as lentes de contato dentais e como funcionam?

São finas lâminas de porcelana que revestem toda a superfície do dente, alteram forma, comprimento e cor, deixam o sorriso alinhado e mais branco. São coladas sobre o dente através de um sistema adesivo muito forte que acaba criando um corpo único com durabilidade de no mínimo 10 anos.

Como é feito a preparação dos dentes para receber as lentes, é necessário desgastar os dentes?

Em todos os casos são necessários ajustes nos dentes para receber as lentes, como, por exemplo, arredondar bordas, aparar arestas e criar linhas de término, porém, esses desgastes geralmente são mínimos ou quase imperceptíveis ao olho nu, desde que o dentista trabalhe com microscopia ou lupas de aumento, tenha em mãos excelentes materiais, seja especialista na área e com vasta experiência.

No caso do Carlinhos Maia, tem situações que o dente precisa ficar daquele jeito para receber as lentes?

Os dentes precisam de desgastes maiores apenas em casos extremos de reabilitação, ou seja, na maioria dos casos, dentes com restaurações extensas ou já muito destruídos. Infelizmente, existem muitos profissionais que não dominam a técnica e se aventuram a fazer, não são especialistas, não possuem tecnologias ideais e bons materiais, por isso acabam fazendo desgastes agressivos desnecessários sem nenhum estudo e planejamento, ciência ou técnica.

Qual o conselho que você dá para quem quiser colocar as lentes?

Sempre busque um profissional que seja especialista, trabalhe com tecnologias de ponta, materiais de primeira linha e que tenha know-how, e nunca pelo preço mais barato. Hoje, estamos vivendo uma era do retrabalho, que é quando o paciente coloca lentes e por motivo estético (fora do padrão ideal) ou funcional (má adaptações/infiltrações) temos que remover tudo e fazer de novo. Em meu consultório recebo pelo menos 3 pacientes por semana nessa situação, e que na maioria das vezes, foram colocadas há poucas semanas por outro profissional, isso além de causar um grande prejuízo financeiro ao paciente, ainda causa graves sequelas ao dente e psicológicas ao paciente.

Foto: https://mma.prnewswire.com/media/1042201/Rogerio_penna.jpg?p=original

FONTE Rogério Penna

Você acabou de ler:

Rogério Penna fala sobre os ''desgastes'' para lentes de contato dental

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/rogerio-penna-fala-sobre-os-desgastes-para-lentes-de-contato-dental/