Shanghai Electric Dubai MSR conclui receptor no topo da torre mais alta do mundo em tempo recorde

XANGAI, 24 de junho de 2020 /PRNewswire/ -- A Shanghai Electric (SHA:601727) anunciou hoje que concluiu a instalação do receptor no topo da torre Molten Salt Receiver (MSR) na VI fase do Projeto de Energia Solar Concentrada de 700MW e Híbrida Fotovoltaica de 250MW da DEWA em Dubai. A empresa construiu com segurança a torre – a mais alta estrutura desse tipo no mundo – em um tempo recorde de 240 dias, apesar de tomar amplas precauções por causa da pandemia de coronavírus. O projeto da usina de energia fototérmica e fotovoltaica integrada é, atualmente, o maior do mundo, cobrindo uma área de 44 quilômetros quadrados.

"Esse foi um projeto muito desafiador, especialmente com as importantes tarefas extras de manter as pessoas saudáveis e seguras", disse o diretor de administração executiva do projeto da NE1, Abdulhameed Al Muhaidib. "Nesse projeto notável, mais de 4.000 trabalhadores de construção de todo o mundo, como uma equipe diversificada, trabalharam arduamente, junto conosco, para cumprir as metas".

A Shanghai Electric, que é a empreiteira de engenharia, procurement e construção (EPC – engineering, procurement and construction) da Noor Energy 1 (proprietária do projeto), forneceu equipamentos de proteção pessoal (PPE – personal protective equipment) a todos os trabalhadores e implementou procedimentos para prevenção e controle do vírus. As medidas de segurança garantiram que os contratempos com mão-de-obra, cronograma e orçamento ficassem reduzidos a um mínimo.

A MSR tem cerca e 40 metros de altura e foi montada no topo da estrutura da torre de aquecimento, que tem cerca de 222 metros de altura. A altura aproximada resultante de 262 metros da torre a torna a mais alta estação de energia solar do mundo, hoje. O projeto usa uma combinação de "um plano para a energia solar concentrada da torre, três planos para energia solar concentrada através de parabólica e o restante para energia solar fotovoltaica", com o total de geração de energia atingindo 950MW. Quando concluído, irá fornecer energia verde para 320.000 habitações, reduzindo as emissões de carbono em 1,6 milhão de toneladas por ano. O projeto já exerceu uma parte significativa na estratégia de energia para 2050 de Dubai. A estratégia, que prevê a realização de 7% até 2020, está com o cronograma adiantado, com 9% das necessidades de eletricidade de 11.700MW da região já alimentadas por energia solar e outras fontes renováveis.

O princípio de geração de energia da estação se baseia no processo de conversão de energia "luz-aquecimento-eletricidade", em que o sal fundido absorve a energia solar refletida pelo helióstato, através de mais de mil tubos do receptor, aquecendo o sal fundido que flui no MSR. O sal fundido resultante passa através de um sistema de geração de vapor para produzir vapor em alta pressão e alta temperatura que, por sua vez, impulsiona o gerador da turbina.

Filamentos de aço hidráulico são içados e distribuídos como unidades de controle para o controle preciso da elevação em cada ponto de içamento. O dispositivo de operação é checado e comissionado em detalhes antes do içamento, um processo que envolve o uso abrangente de tecnologia de segurança. Monitores de nível interno, dispositivos anticolisão na base e equipamentos de monitoramento ao redor asseguram a segurança geral do MSR. O vice-gerente executivo geral da Shanghai Electric Power Generation Engineering Co.,Ltd, Liu Minghua, disse: "A execução bem-sucedida do MSR habilitou a Shanghai Electric a acumular experiências valiosas e estabelecer uma fundação sólida no campo e energia solar concentrada".

www.shanghai-electric.com 

Vídeo - https://mma.prnewswire.com/media/1195954/MSR.mp4

Logo - https://mma.prnewswire.com/media/1190744/Logo.jpg

 

FONTE Shanghai Electric

XANGAI, 24 de junho de 2020 /PRNewswire/ -- A Shanghai Electric (SHA:601727) anunciou hoje que concluiu a instalação do receptor no topo da torre Molten Salt Receiver (MSR) na VI fase do Projeto de Energia Solar Concentrada de 700MW e Híbrida Fotovoltaica de 250MW da DEWA em Dubai. A empresa construiu com segurança a torre – a mais alta estrutura desse tipo no mundo – em um tempo recorde de 240 dias, apesar de tomar amplas precauções por causa da pandemia de coronavírus. O projeto da usina de energia fototérmica e fotovoltaica integrada é, atualmente, o maior do mundo, cobrindo uma área de 44 quilômetros quadrados.

"Esse foi um projeto muito desafiador, especialmente com as importantes tarefas extras de manter as pessoas saudáveis e seguras", disse o diretor de administração executiva do projeto da NE1, Abdulhameed Al Muhaidib. "Nesse projeto notável, mais de 4.000 trabalhadores de construção de todo o mundo, como uma equipe diversificada, trabalharam arduamente, junto conosco, para cumprir as metas".

A Shanghai Electric, que é a empreiteira de engenharia, procurement e construção (EPC – engineering, procurement and construction) da Noor Energy 1 (proprietária do projeto), forneceu equipamentos de proteção pessoal (PPE – personal protective equipment) a todos os trabalhadores e implementou procedimentos para prevenção e controle do vírus. As medidas de segurança garantiram que os contratempos com mão-de-obra, cronograma e orçamento ficassem reduzidos a um mínimo.

A MSR tem cerca e 40 metros de altura e foi montada no topo da estrutura da torre de aquecimento, que tem cerca de 222 metros de altura. A altura aproximada resultante de 262 metros da torre a torna a mais alta estação de energia solar do mundo, hoje. O projeto usa uma combinação de "um plano para a energia solar concentrada da torre, três planos para energia solar concentrada através de parabólica e o restante para energia solar fotovoltaica", com o total de geração de energia atingindo 950MW. Quando concluído, irá fornecer energia verde para 320.000 habitações, reduzindo as emissões de carbono em 1,6 milhão de toneladas por ano. O projeto já exerceu uma parte significativa na estratégia de energia para 2050 de Dubai. A estratégia, que prevê a realização de 7% até 2020, está com o cronograma adiantado, com 9% das necessidades de eletricidade de 11.700MW da região já alimentadas por energia solar e outras fontes renováveis.

O princípio de geração de energia da estação se baseia no processo de conversão de energia "luz-aquecimento-eletricidade", em que o sal fundido absorve a energia solar refletida pelo helióstato, através de mais de mil tubos do receptor, aquecendo o sal fundido que flui no MSR. O sal fundido resultante passa através de um sistema de geração de vapor para produzir vapor em alta pressão e alta temperatura que, por sua vez, impulsiona o gerador da turbina.

Filamentos de aço hidráulico são içados e distribuídos como unidades de controle para o controle preciso da elevação em cada ponto de içamento. O dispositivo de operação é checado e comissionado em detalhes antes do içamento, um processo que envolve o uso abrangente de tecnologia de segurança. Monitores de nível interno, dispositivos anticolisão na base e equipamentos de monitoramento ao redor asseguram a segurança geral do MSR. O vice-gerente executivo geral da Shanghai Electric Power Generation Engineering Co.,Ltd, Liu Minghua, disse: "A execução bem-sucedida do MSR habilitou a Shanghai Electric a acumular experiências valiosas e estabelecer uma fundação sólida no campo e energia solar concentrada".

www.shanghai-electric.com 

Vídeo - https://mma.prnewswire.com/media/1195954/MSR.mp4

Logo - https://mma.prnewswire.com/media/1190744/Logo.jpg

 

FONTE Shanghai Electric

Você acabou de ler:

Shanghai Electric Dubai MSR conclui receptor no topo da torre mais alta do mundo em tempo recorde

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/shanghai-electric-dubai-msr-conclui-receptor-no-topo-da-torre-mais-alta-do-mundo-em-tempo-recorde/