Shanghai Electric faz progressos significativos na usina de torre CSP e de calha parabólica no parque solar Mohammed bin Rashid Al Maktoum

XANGAI, 14 de Junho, 2021 /PRNewswire/ -- A Shanghai Electric ("Shanghai Electric" ou "a Empresa") (601727.SS e 02727.HK) anunciou que o primeiro teste hidrostático de tanque de sal fundido para o Parabolic Trough Plant-II (PT2) da quarta fase do parque solar Mohammed bin Rashid Al Maktoum foi realizado em 9 de maio, cujos resultados positivos estabeleceram uma base crucial para a próxima fase da comissão do sistema de sal fundido. O teste foi seguido pela instalação finalizada da tubulação de sal fundido dentro da torre de Energia Solar Térmica Concentrada (CSP), sinalizando outro marco fundamental no progresso da construção.

A quarta fase do parque solar Mohammed bin Rashid Al Maktoum é o maior projeto de usina de energia solar térmica concentrada (CSP) de local único do mundo, que utiliza tecnologias de energia solar híbrida líderes mundiais para gerar 950 MW de energia limpa, incluindo uma usina torre CSP de 100 MW, três usinas de calhas parabólicas CSP de 200 MW e 250 MW de capacidade fotovoltaica (PV).

A torre solar, com 260 metros de altura no centro da usina de torre CSP, também será a estrutura mais alta do mundo desse tipo. Após a conclusão, o armazenamento combinado de energia térmica da torre solar e das usinas de calha parabólica permitirá uma disponibilidade de energia 24 horas por dia, 7 dias por semana, na qual cada usina de calha parabólica CSP terá uma capacidade de armazenamento de energia de 13,5 horas e a torre até 15 horas.

O nitrato, o meio de armazenamento de calor para a Parabolic Trough Plant-II, é armazenado em oito tanques, cada um medindo 45 metros de diâmetro e capacidade de 25 mil metros cúbicos. O ambiente hostil do deserto representou um enorme desafio para o teste, e a escassez de mão de obra durante o Ramadã acrescentou mais um nível de incerteza ao progresso geral. O teste foi concluído a tempo com a ajuda de caminhões-pipa que transportaram e despejaram a água em tanques provisórios, por meio dos quais a água foi bombeada para os tanques de sal fundido.

"Estendo meu agradecimento a todos os trabalhadores da obra por sua dedicação e trabalho árduo para garantir que o teste fosse concluído com rapidez e no prazo, apesar das enormes dificuldades causadas pela falta de mão de obra e das elevadas temperaturas locais", disse Zhao Hui, gerente de projeto do Dubai CSP Project da Shanghai Electric Power Generation Engineering Co.

"Seu excelente desempenho também garantiu o bom andamento da instalação da tubulação da torre central CSP, que é o núcleo e uma das partes mais importantes da estrutura. O espaço da torre é extremamente pequeno, considerando que o comprimento total dos tubos internos da torre central é superior a 500 metros. Para garantir que o trabalho pudesse ser feito no prazo, a equipe do projeto formulou planos de instalação bem planejados e superou todos os problemas inéditos sem causar atrasos", acrescentou.

O sistema de tanque de sal fundido é a resposta para os desafios do armazenamento de energia térmica. O armazenamento de energia térmica permite a geração de energia por sistemas de sal fundido em dias nublados ou longas noites após o pôr do sol, com alta eficiência operacional e baixo custo de capital por quilowatt-hora. Durante o dia, o sal fundido circula para um trocador de calor de um tanque frio para absorver o calor do óleo em alta temperatura. O sal fundido aquecido pode então ser armazenado em um tanque quente isolado que, posteriormente, pode enviar o líquido para alimentar turbinas a vapor à noite ou em condições climáticas desfavoráveis.

Em 2018, a Shanghai Electric foi nomeada a empreiteira para serviços de Engenharia, Aquisição e Construção (EPC) para a quarta fase do parque solar Mohammed bin Rashid Al Maktoum em Dubai, após assinar o acordo com a DEWA (Autoridade de Eletricidade e Água de Dubai) e a ACWA Power para empreender ambos os projetos CSP de 700 MW e PV de 250 MW. Financiado pelo Silk Fund da China e pela ACWA, o parque solar é um projeto marcante da iniciativa Cinturão e Rota da China, bem como um marco significativo da Shanghai Electric pela sua participação na construção de serviços públicos de energia renovável no Oriente Médio e sua mudança de foco, migrando da energia alimentada a carvão para as renováveis.

Em 2021, a Shanghai Electric ocupa a 17ª posição na lista das cem maiores empreiteiras internacionais e a 5ª no campo de engenharia de energia elétrica, de acordo com a última avaliação divulgada pela China International Contractors Association. Além disso, a empresa também recebeu o prêmio de "Empreiteira internacional de nível A", a classificação mais alta, pela associação.

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/1531852/image.jpg

Logotipo - https://mma.prnewswire.com/media/1159638/LOGO_Logo.jpg

 

 

FONTE Shanghai Electric

XANGAI, 14 de Junho, 2021 /PRNewswire/ -- A Shanghai Electric ("Shanghai Electric" ou "a Empresa") (601727.SS e 02727.HK) anunciou que o primeiro teste hidrostático de tanque de sal fundido para o Parabolic Trough Plant-II (PT2) da quarta fase do parque solar Mohammed bin Rashid Al Maktoum foi realizado em 9 de maio, cujos resultados positivos estabeleceram uma base crucial para a próxima fase da comissão do sistema de sal fundido. O teste foi seguido pela instalação finalizada da tubulação de sal fundido dentro da torre de Energia Solar Térmica Concentrada (CSP), sinalizando outro marco fundamental no progresso da construção.

A quarta fase do parque solar Mohammed bin Rashid Al Maktoum é o maior projeto de usina de energia solar térmica concentrada (CSP) de local único do mundo, que utiliza tecnologias de energia solar híbrida líderes mundiais para gerar 950 MW de energia limpa, incluindo uma usina torre CSP de 100 MW, três usinas de calhas parabólicas CSP de 200 MW e 250 MW de capacidade fotovoltaica (PV).

A torre solar, com 260 metros de altura no centro da usina de torre CSP, também será a estrutura mais alta do mundo desse tipo. Após a conclusão, o armazenamento combinado de energia térmica da torre solar e das usinas de calha parabólica permitirá uma disponibilidade de energia 24 horas por dia, 7 dias por semana, na qual cada usina de calha parabólica CSP terá uma capacidade de armazenamento de energia de 13,5 horas e a torre até 15 horas.

O nitrato, o meio de armazenamento de calor para a Parabolic Trough Plant-II, é armazenado em oito tanques, cada um medindo 45 metros de diâmetro e capacidade de 25 mil metros cúbicos. O ambiente hostil do deserto representou um enorme desafio para o teste, e a escassez de mão de obra durante o Ramadã acrescentou mais um nível de incerteza ao progresso geral. O teste foi concluído a tempo com a ajuda de caminhões-pipa que transportaram e despejaram a água em tanques provisórios, por meio dos quais a água foi bombeada para os tanques de sal fundido.

"Estendo meu agradecimento a todos os trabalhadores da obra por sua dedicação e trabalho árduo para garantir que o teste fosse concluído com rapidez e no prazo, apesar das enormes dificuldades causadas pela falta de mão de obra e das elevadas temperaturas locais", disse Zhao Hui, gerente de projeto do Dubai CSP Project da Shanghai Electric Power Generation Engineering Co.

"Seu excelente desempenho também garantiu o bom andamento da instalação da tubulação da torre central CSP, que é o núcleo e uma das partes mais importantes da estrutura. O espaço da torre é extremamente pequeno, considerando que o comprimento total dos tubos internos da torre central é superior a 500 metros. Para garantir que o trabalho pudesse ser feito no prazo, a equipe do projeto formulou planos de instalação bem planejados e superou todos os problemas inéditos sem causar atrasos", acrescentou.

O sistema de tanque de sal fundido é a resposta para os desafios do armazenamento de energia térmica. O armazenamento de energia térmica permite a geração de energia por sistemas de sal fundido em dias nublados ou longas noites após o pôr do sol, com alta eficiência operacional e baixo custo de capital por quilowatt-hora. Durante o dia, o sal fundido circula para um trocador de calor de um tanque frio para absorver o calor do óleo em alta temperatura. O sal fundido aquecido pode então ser armazenado em um tanque quente isolado que, posteriormente, pode enviar o líquido para alimentar turbinas a vapor à noite ou em condições climáticas desfavoráveis.

Em 2018, a Shanghai Electric foi nomeada a empreiteira para serviços de Engenharia, Aquisição e Construção (EPC) para a quarta fase do parque solar Mohammed bin Rashid Al Maktoum em Dubai, após assinar o acordo com a DEWA (Autoridade de Eletricidade e Água de Dubai) e a ACWA Power para empreender ambos os projetos CSP de 700 MW e PV de 250 MW. Financiado pelo Silk Fund da China e pela ACWA, o parque solar é um projeto marcante da iniciativa Cinturão e Rota da China, bem como um marco significativo da Shanghai Electric pela sua participação na construção de serviços públicos de energia renovável no Oriente Médio e sua mudança de foco, migrando da energia alimentada a carvão para as renováveis.

Em 2021, a Shanghai Electric ocupa a 17ª posição na lista das cem maiores empreiteiras internacionais e a 5ª no campo de engenharia de energia elétrica, de acordo com a última avaliação divulgada pela China International Contractors Association. Além disso, a empresa também recebeu o prêmio de "Empreiteira internacional de nível A", a classificação mais alta, pela associação.

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/1531852/image.jpg

Logotipo - https://mma.prnewswire.com/media/1159638/LOGO_Logo.jpg

 

 

FONTE Shanghai Electric

Você acabou de ler:

Shanghai Electric faz progressos significativos na usina de torre CSP e de calha parabólica no parque solar Mohammed bin Rashid Al Maktoum

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/shanghai-electric-faz-progressos-significativos-na-usina-de-torre-csp-e-de-calha-parabolica-no-parque-solar-mohammed-bin-rashid-al-maktoum/