Sinopec lança o maior projeto fotovoltaico de produção de hidrogênio verde do mundo em Kuqa, Xinjiang

  • Com um investimento total de US$ 470,77 milhões, o projeto terá uma produção anual de hidrogênio verde que chegará a 20.000 toneladas quando estiver em operação.
  • Com uma redução esperada das emissões de dióxido de carbono em aproximadamente 485.000 toneladas por ano.
  • O projeto contribuirá com uma média de US$ 20,4 milhões para o PIB local e gerará US$ 2,82 milhões em receita tributária.

PEQUIM, 30 de novembro de 2021 /PRNewswire/ -- A China Petroleum & Chemical Corporation (HKG: 0386, "Sinopec") organizou uma cerimônia de lançamento on-line em 30 de novembro nas cidades de Pequim, Urumqi e Kuqa para anunciar o início da construção do primeiro projeto fotovoltaico piloto de hidrogênio verde de 10.000 toneladas da China, o projeto piloto Kuqa Xinjiang (o "Projeto"). Após a conclusão, o projeto terá uma produção anual de hidrogênio verde de 20.000 toneladas, tornando-o o maior projeto fotovoltaico de produção de hidrogênio verde do mundo.

Uma ação concreta do compromisso da Sinopec de apoiar os objetivos de "duplo carbono" da China e a busca do desenvolvimento verde e de baixo carbono, o projeto é de grande importância para promover o desenvolvimento de uma cadeia industrial de hidrogênio verde, bem como o desenvolvimento econômico e social na região autônoma de Xinjiang Uygur, garantir a segurança energética e continuar a transformação e a atualização do setor de energia na China.

O Projeto é uma usina de produção de hidrogênio que utiliza diretamente a geração de energia fotovoltaica em larga escala e com um investimento total de 3 bilhões de yuanes ( US$ 470,77 milhões) e é composto principalmente por cinco seções: geração de energia fotovoltaica, transmissão e transformação de energia, hidrogênio de eletrólise da água, armazenamento de hidrogênio e transporte de hidrogênio.

Como parte do projeto, a Sinopec construirá uma nova usina fotovoltaica com capacidade instalada de 300 MW e geração anual de energia de 618 milhões de quilowatts-hora, uma usina de hidrogênio de água eletrolisada com capacidade anual de 20.000 toneladas, um tanque esférico de armazenamento de hidrogênio com capacidade de armazenamento de 210.000 metros cúbicos padrão, e tubulações de transmissão de hidrogênio com capacidade de 28.000 metros cúbicos padrão por hora (incluindo suporte para instalações de transmissão e transformação de energia).

Espera-se que o projeto esteja concluído e operando em junho de 2023, e o hidrogênio verde produzido pela planta será fornecido à Sinopec Tahe Refining & Chemical para substituir o gás natural e a energia fóssil existentes utilizados na produção de hidrogênio. Estima-se que as emissões de dióxido de carbono sejam reduzidas em 485.000 toneladas por ano, e o projeto contribuirá com uma média de US$ 20,4 milhões para o PIB local e gerará US$ 2,82 milhões em receita tributária.

"A energia de hidrogênio é uma das fontes de energia limpa que tem o maior potencial de desenvolvimento. Este projeto piloto dá plena importância à vantagem de Xinjiang com sua riqueza de recursos e é um projeto fundamental para a Sinopec construir uma empresa de energia de hidrogênio de ponta. Também é uma grande conquista estratégica para a cooperação empresarial local e é de grande importância para promover o desenvolvimento social e econômico em Xinjiang, avançando com a transformação energética, garantindo a segurança energética da China e apoiando o desenvolvimento sustentável da economia global", disse Ma Yongsheng, presidente da Sinopec.

O Projeto tem quatro grandes vantagens – rico em recursos, verde e de baixo carbono, aplicação em larga escala e avanços tecnológicos. É um projeto piloto de produção e aplicação de hidrogênio verde para todos os processos que ligam geração de energia eólica e fotovoltaica, transmissão elétrica verde, produção de hidrogênio com eletricidade verde, armazenamento, transporte e refino de hidrogênio verde. Após o término e com operação completa, o Projeto apresentará um novo caminho de desenvolvimento para o refino de hidrogênio verde e terá um grande efeito na aplicação em larga escala do hidrogênio verde para obter a redução das emissões de carbono.

Enquanto isso, todos os principais equipamentos e principais materiais utilizados na construção do Projeto serão produzidos na China, incluindo os módulos fotovoltaicos, o eletrolisador "coração" da produção de hidrogênio eletrolítico na água, tanques de armazenamento de hidrogênio e tubulações de hidrogênio, o que é crucial para o rápido desenvolvimento do setor de equipamentos de produção de hidrogênio da China.

Com foco em atingir as metas de "carbono duplo", a Sinopec assumiu a liderança no desenvolvimento do setor de hidrogênio verde e promove ativamente o desenvolvimento verde e de baixo carbono do setor petroquímico. Como a maior produtora de hidrogênio da China, a Sinopec está atualmente produzindo aproximadamente 3,9 milhões de toneladas de hidrogênio por ano e, em termos de tecnologia de hidrogênio verde, apresentou sua primeira estação PEM (Membrana Eletrolítica Polimérica) autodesenvolvida de produção de hidrogênio de eletrólise da água.

Para obter mais informações, acesse Sinopec.

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/1698995/Sinopec.jpg 

Logotipo - https://mma.prnewswire.com/media/960416/SINOPEC_Logo.jpg

 

FONTE SINOPEC

  • Com um investimento total de US$ 470,77 milhões, o projeto terá uma produção anual de hidrogênio verde que chegará a 20.000 toneladas quando estiver em operação.
  • Com uma redução esperada das emissões de dióxido de carbono em aproximadamente 485.000 toneladas por ano.
  • O projeto contribuirá com uma média de US$ 20,4 milhões para o PIB local e gerará US$ 2,82 milhões em receita tributária.

PEQUIM, 30 de novembro de 2021 /PRNewswire/ -- A China Petroleum & Chemical Corporation (HKG: 0386, "Sinopec") organizou uma cerimônia de lançamento on-line em 30 de novembro nas cidades de Pequim, Urumqi e Kuqa para anunciar o início da construção do primeiro projeto fotovoltaico piloto de hidrogênio verde de 10.000 toneladas da China, o projeto piloto Kuqa Xinjiang (o "Projeto"). Após a conclusão, o projeto terá uma produção anual de hidrogênio verde de 20.000 toneladas, tornando-o o maior projeto fotovoltaico de produção de hidrogênio verde do mundo.

Uma ação concreta do compromisso da Sinopec de apoiar os objetivos de "duplo carbono" da China e a busca do desenvolvimento verde e de baixo carbono, o projeto é de grande importância para promover o desenvolvimento de uma cadeia industrial de hidrogênio verde, bem como o desenvolvimento econômico e social na região autônoma de Xinjiang Uygur, garantir a segurança energética e continuar a transformação e a atualização do setor de energia na China.

O Projeto é uma usina de produção de hidrogênio que utiliza diretamente a geração de energia fotovoltaica em larga escala e com um investimento total de 3 bilhões de yuanes ( US$ 470,77 milhões) e é composto principalmente por cinco seções: geração de energia fotovoltaica, transmissão e transformação de energia, hidrogênio de eletrólise da água, armazenamento de hidrogênio e transporte de hidrogênio.

Como parte do projeto, a Sinopec construirá uma nova usina fotovoltaica com capacidade instalada de 300 MW e geração anual de energia de 618 milhões de quilowatts-hora, uma usina de hidrogênio de água eletrolisada com capacidade anual de 20.000 toneladas, um tanque esférico de armazenamento de hidrogênio com capacidade de armazenamento de 210.000 metros cúbicos padrão, e tubulações de transmissão de hidrogênio com capacidade de 28.000 metros cúbicos padrão por hora (incluindo suporte para instalações de transmissão e transformação de energia).

Espera-se que o projeto esteja concluído e operando em junho de 2023, e o hidrogênio verde produzido pela planta será fornecido à Sinopec Tahe Refining & Chemical para substituir o gás natural e a energia fóssil existentes utilizados na produção de hidrogênio. Estima-se que as emissões de dióxido de carbono sejam reduzidas em 485.000 toneladas por ano, e o projeto contribuirá com uma média de US$ 20,4 milhões para o PIB local e gerará US$ 2,82 milhões em receita tributária.

"A energia de hidrogênio é uma das fontes de energia limpa que tem o maior potencial de desenvolvimento. Este projeto piloto dá plena importância à vantagem de Xinjiang com sua riqueza de recursos e é um projeto fundamental para a Sinopec construir uma empresa de energia de hidrogênio de ponta. Também é uma grande conquista estratégica para a cooperação empresarial local e é de grande importância para promover o desenvolvimento social e econômico em Xinjiang, avançando com a transformação energética, garantindo a segurança energética da China e apoiando o desenvolvimento sustentável da economia global", disse Ma Yongsheng, presidente da Sinopec.

O Projeto tem quatro grandes vantagens – rico em recursos, verde e de baixo carbono, aplicação em larga escala e avanços tecnológicos. É um projeto piloto de produção e aplicação de hidrogênio verde para todos os processos que ligam geração de energia eólica e fotovoltaica, transmissão elétrica verde, produção de hidrogênio com eletricidade verde, armazenamento, transporte e refino de hidrogênio verde. Após o término e com operação completa, o Projeto apresentará um novo caminho de desenvolvimento para o refino de hidrogênio verde e terá um grande efeito na aplicação em larga escala do hidrogênio verde para obter a redução das emissões de carbono.

Enquanto isso, todos os principais equipamentos e principais materiais utilizados na construção do Projeto serão produzidos na China, incluindo os módulos fotovoltaicos, o eletrolisador "coração" da produção de hidrogênio eletrolítico na água, tanques de armazenamento de hidrogênio e tubulações de hidrogênio, o que é crucial para o rápido desenvolvimento do setor de equipamentos de produção de hidrogênio da China.

Com foco em atingir as metas de "carbono duplo", a Sinopec assumiu a liderança no desenvolvimento do setor de hidrogênio verde e promove ativamente o desenvolvimento verde e de baixo carbono do setor petroquímico. Como a maior produtora de hidrogênio da China, a Sinopec está atualmente produzindo aproximadamente 3,9 milhões de toneladas de hidrogênio por ano e, em termos de tecnologia de hidrogênio verde, apresentou sua primeira estação PEM (Membrana Eletrolítica Polimérica) autodesenvolvida de produção de hidrogênio de eletrólise da água.

Para obter mais informações, acesse Sinopec.

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/1698995/Sinopec.jpg 

Logotipo - https://mma.prnewswire.com/media/960416/SINOPEC_Logo.jpg

 

FONTE SINOPEC

Você acabou de ler:

Sinopec lança o maior projeto fotovoltaico de produção de hidrogênio verde do mundo em Kuqa, Xinjiang

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/sinopec-lanca-o-maior-projeto-fotovoltaico-de-producao-de-hidrogenio-verde-do-mundo-em-kuqa-xinjiang/