Site Cursos Novos dá Dicas de Como Escolher o Curso de Graduação

CURITIBA, Brasil, 5 de julho de 2019 /PRNewswire/ -- Depois que completamos o Ensino Médio ficamos diante de uma decisão importante, que por vezes é negligenciada e deixamos oportunidades passar. Para que isso não aconteça é necessário que o estudante esteja atento ao que realmente lhe interessa.

O vestibular é o início de uma nova caminhada, que será mais longa do que os 12 anos de escola formal. A caminhada que vai durar décadas, indo até a hora da aposentadoria na casa dos 60 anos. Essa caminhada se inicia agora, com o vestibular. Por isso que a escolha do curso certo é muito importante.

Se você se vê em uma situação de indecisão, sem saber qual área seguir, nesta matéria vamos te ajudar a esclarecer as ideias. Preste atenção a essas dicas:

1 – Descubra seus pontos fortes e preferências

O primeiro passo para encontrar o seu curso ideal é pensar sobre o que você mesmo gosta. Quais são os seus gostos? Sobre o que você gosta de ler? Sobre quais assuntos você gosta de assistir vídeos na internet?

Sabendo da resposta às perguntas acima, é hora de lembrar dos tempos da escola. Quais eram as matérias que você mais gostava? Você era daqueles que se animava com a Física e a Matemática ou era daqueles que se interessavam pela Segunda Guerra Mundial e os dados geográficos populacionais do Brasil? Gostava das aulas de Biologia e suas classificações de espécies?

Sabendo responder às perguntas acima você já terá um filtro referente às grandes áreas do conhecimento: as famosas Ciências Exatas (Física e Matemática), Humanas (História e Geografia) ou Biológicas (Biologia).

2 – Descubra quais são as suas habilidades

Se você já sabe qual área do conhecimento você tem mais vocação, já pode começar a pensar sobre quais são suas habilidades. Descobrir suas habilidades é tão importante quanto descobrir seus interesses.

Muitas vezes há uma coincidência entre as áreas que você gosta e as áreas onde tem facilidade. Como exemplo, podemos citar um estudante que gosta das aulas de biologia e também tem facilidade em lidar com microscópios em laboratório. Mas nem sempre é assim. Às vezes o aluno gosta de determinada disciplina, mas tem dificuldade com a prática dentro da disciplina.

Nesse momento é importante ponderar bastante se a área que você está escolhendo te dá prazer em executar, ao invés de somente de estudar.

3 – Pense no futuro

Outro fator importante para a decisão do curso são as suas perspectivas de vida. Como você se vê daqui a 10 anos? E daqui a 20 anos? Você quer ter filhos? Quer viajar com frequência? Quer ter férias uma vez por ano?

É aqui que entra o dinheiro. Você quer ter uma vida confortável e luxuosa? Quer ter uma vida agradável fazendo o que gosta mesmo sabendo que nunca será rico?

4 – Busque informações sobre os cursos

Tendo respondido a todas as perguntas que fizemos acima você já tem uma ideia de qual área deve seguir. Mas e o curso? Qual é o curso ideal? Para ter uma noção real sobre os cursos você deve mergulhar de cabeça na busca de informações sobre cada curso que te desperta mais curiosidade. Entre nos sites das universidades e pesquise sobre a grade de disciplinas e tempo do curso. Se for possível, visite uma universidade e peça por uma orientação vocacional.

5 – Pesquise detalhadamente sobre as universidades

A escolha do curso ideal não se resume à escolha do curso em si. Você deve ficar atento às instituições de ensino que oferecem os cursos. Na escolha da universidade ideal fazem parte alguns outros fatores como, por exemplo, a distância. Você ficaria a centenas [ou até milhares] de quilômetros de distância dos seus pais [ou parentes] sem problemas por vários meses ou anos? Com base nisso, você pode escolher uma universidade de forma a adequar o etilo de vida de estudante à sua realidade.

6 - Qualificação dos professores

Saber quem são os professores que vão te acompanhar por alguns anos é também muito importante. Entre nos sites das universidades e verifique os perfis e qualificações dos professores. É importante que eles sejam bem qualificados para a execução da atividade de professor universitário.

7 – Saiba qual é a situação atual do mercado

Como já citamos acima, a escolha do curso não deve ser feita apenas baseada no que você mais gosta de estudar. O estudante precisa ter certa facilidade com a aplicação da teoria. Além dessas duas coisas, o estudante deve ficar atento se há demanda de mercado para a área que vai se especializar.

Se você quiser seguir carreira profissional em empresas privadas, busque na internet informações sobre as carreiras e salários dos profissionais da área que você pretende estudar. Se quiser seguir carreira acadêmica (trabalhar na universidade dando aula e fazendo pesquisa) você deve procurar informações nos sites das universidades e, se for possível, visitar as universidades para ter mais informações a respeito é de grande ajuda.

7 – Analise qual as formas de entrar nas universidades

Se você já está certo do curso que vai fazer, chegou a hora de escolher a universidade e participar do vestibular para entrar.

Universidades públicas

As universidades públicas (estaduais e federais) oferecem vagas em todas as áreas do conhecimento e os cursos de graduação são gratuitos para o aluno (não há mensalidades). Muitas universidades federais oferecem acesso através do Sistema de Seleção Unificada (Sisu). O acesso se dá pelo ENEM do ano anterior. Clique aqui para ter mais informações: http://www.sisu.mec.gov.br/.

As universidades estaduais geralmente têm seus próprios vestibulares, como a Universidade de São Paulo (USP), que tem a Fuvest, considerado um dos vestibulares mais disputados do país. A USP é considerada a melhor universidade do Brasil e a 116ª melhor universidade do mundo.

Universidades privadas

Universidades privadas também adotam o ENEM como critério de entrada, dando bolsas com descontos de 30%, 50% e até 100% para quem tem notas boas ou muito boas no ENEM. O vestibular tradicional continua sendo aplicado, mas cada vez menos.

Quer conferir mais dicas e notícias sobre cursos e carreira, então acesse nosso site www.cursosnovos.com.br.

BLOGOLANDIA LTDA.

Avenida Cândido de Abreu, 776 / 803 – Centro Cívico

CEP: 80.530-000 – Curitiba – Paraná – Brasil

www.blogolandialtda.com.br

blogolandiabrasil@gmail.com

+55 (41) 2105-5913

+55 (41) 9 9142 0228

+55 (41) 9 9255 7758

 

 

FONTE Site Cursos Novos

CURITIBA, Brasil, 5 de julho de 2019 /PRNewswire/ -- Depois que completamos o Ensino Médio ficamos diante de uma decisão importante, que por vezes é negligenciada e deixamos oportunidades passar. Para que isso não aconteça é necessário que o estudante esteja atento ao que realmente lhe interessa.

O vestibular é o início de uma nova caminhada, que será mais longa do que os 12 anos de escola formal. A caminhada que vai durar décadas, indo até a hora da aposentadoria na casa dos 60 anos. Essa caminhada se inicia agora, com o vestibular. Por isso que a escolha do curso certo é muito importante.

Se você se vê em uma situação de indecisão, sem saber qual área seguir, nesta matéria vamos te ajudar a esclarecer as ideias. Preste atenção a essas dicas:

1 – Descubra seus pontos fortes e preferências

O primeiro passo para encontrar o seu curso ideal é pensar sobre o que você mesmo gosta. Quais são os seus gostos? Sobre o que você gosta de ler? Sobre quais assuntos você gosta de assistir vídeos na internet?

Sabendo da resposta às perguntas acima, é hora de lembrar dos tempos da escola. Quais eram as matérias que você mais gostava? Você era daqueles que se animava com a Física e a Matemática ou era daqueles que se interessavam pela Segunda Guerra Mundial e os dados geográficos populacionais do Brasil? Gostava das aulas de Biologia e suas classificações de espécies?

Sabendo responder às perguntas acima você já terá um filtro referente às grandes áreas do conhecimento: as famosas Ciências Exatas (Física e Matemática), Humanas (História e Geografia) ou Biológicas (Biologia).

2 – Descubra quais são as suas habilidades

Se você já sabe qual área do conhecimento você tem mais vocação, já pode começar a pensar sobre quais são suas habilidades. Descobrir suas habilidades é tão importante quanto descobrir seus interesses.

Muitas vezes há uma coincidência entre as áreas que você gosta e as áreas onde tem facilidade. Como exemplo, podemos citar um estudante que gosta das aulas de biologia e também tem facilidade em lidar com microscópios em laboratório. Mas nem sempre é assim. Às vezes o aluno gosta de determinada disciplina, mas tem dificuldade com a prática dentro da disciplina.

Nesse momento é importante ponderar bastante se a área que você está escolhendo te dá prazer em executar, ao invés de somente de estudar.

3 – Pense no futuro

Outro fator importante para a decisão do curso são as suas perspectivas de vida. Como você se vê daqui a 10 anos? E daqui a 20 anos? Você quer ter filhos? Quer viajar com frequência? Quer ter férias uma vez por ano?

É aqui que entra o dinheiro. Você quer ter uma vida confortável e luxuosa? Quer ter uma vida agradável fazendo o que gosta mesmo sabendo que nunca será rico?

4 – Busque informações sobre os cursos

Tendo respondido a todas as perguntas que fizemos acima você já tem uma ideia de qual área deve seguir. Mas e o curso? Qual é o curso ideal? Para ter uma noção real sobre os cursos você deve mergulhar de cabeça na busca de informações sobre cada curso que te desperta mais curiosidade. Entre nos sites das universidades e pesquise sobre a grade de disciplinas e tempo do curso. Se for possível, visite uma universidade e peça por uma orientação vocacional.

5 – Pesquise detalhadamente sobre as universidades

A escolha do curso ideal não se resume à escolha do curso em si. Você deve ficar atento às instituições de ensino que oferecem os cursos. Na escolha da universidade ideal fazem parte alguns outros fatores como, por exemplo, a distância. Você ficaria a centenas [ou até milhares] de quilômetros de distância dos seus pais [ou parentes] sem problemas por vários meses ou anos? Com base nisso, você pode escolher uma universidade de forma a adequar o etilo de vida de estudante à sua realidade.

6 - Qualificação dos professores

Saber quem são os professores que vão te acompanhar por alguns anos é também muito importante. Entre nos sites das universidades e verifique os perfis e qualificações dos professores. É importante que eles sejam bem qualificados para a execução da atividade de professor universitário.

7 – Saiba qual é a situação atual do mercado

Como já citamos acima, a escolha do curso não deve ser feita apenas baseada no que você mais gosta de estudar. O estudante precisa ter certa facilidade com a aplicação da teoria. Além dessas duas coisas, o estudante deve ficar atento se há demanda de mercado para a área que vai se especializar.

Se você quiser seguir carreira profissional em empresas privadas, busque na internet informações sobre as carreiras e salários dos profissionais da área que você pretende estudar. Se quiser seguir carreira acadêmica (trabalhar na universidade dando aula e fazendo pesquisa) você deve procurar informações nos sites das universidades e, se for possível, visitar as universidades para ter mais informações a respeito é de grande ajuda.

7 – Analise qual as formas de entrar nas universidades

Se você já está certo do curso que vai fazer, chegou a hora de escolher a universidade e participar do vestibular para entrar.

Universidades públicas

As universidades públicas (estaduais e federais) oferecem vagas em todas as áreas do conhecimento e os cursos de graduação são gratuitos para o aluno (não há mensalidades). Muitas universidades federais oferecem acesso através do Sistema de Seleção Unificada (Sisu). O acesso se dá pelo ENEM do ano anterior. Clique aqui para ter mais informações: http://www.sisu.mec.gov.br/.

As universidades estaduais geralmente têm seus próprios vestibulares, como a Universidade de São Paulo (USP), que tem a Fuvest, considerado um dos vestibulares mais disputados do país. A USP é considerada a melhor universidade do Brasil e a 116ª melhor universidade do mundo.

Universidades privadas

Universidades privadas também adotam o ENEM como critério de entrada, dando bolsas com descontos de 30%, 50% e até 100% para quem tem notas boas ou muito boas no ENEM. O vestibular tradicional continua sendo aplicado, mas cada vez menos.

Quer conferir mais dicas e notícias sobre cursos e carreira, então acesse nosso site www.cursosnovos.com.br.

BLOGOLANDIA LTDA.

Avenida Cândido de Abreu, 776 / 803 – Centro Cívico

CEP: 80.530-000 – Curitiba – Paraná – Brasil

www.blogolandialtda.com.br

blogolandiabrasil@gmail.com

+55 (41) 2105-5913

+55 (41) 9 9142 0228

+55 (41) 9 9255 7758

 

 

FONTE Site Cursos Novos