Sra. Chen Zhiping, vice-presidente da ZTE: um caminho digital para a neutralidade de carbono

SHENZHEN, China, 29 de outubro de 2021 /PRNewswire/ -- A ZTE Corporation (0763.HK / 000063.SZ), principal fornecedora internacional de soluções de tecnologia de consumo, corporativa e de telecomunicações para a internet móvel, divulgou hoje que Chen Zhiping, vice-presidente e gerente geral do departamento  de Branding da ZTE, fez um discurso intitulado "Um caminho digital para a neutralidade de carbono" e compartilhou como a ZTE pode ajudar empresas de vários setores a economizar energia, reduzir as emissões e finalmente promover a realização da meta da neutralidade de carbono da sociedade por meio da inovação em tecnologia digital da ZTE.

"Para atender aos objetivos e desafios de economia de energia e redução de emissões em todo o setor, acreditamos que a digitalização ajudará as indústrias tradicionais", disse Chen Zhiping.

Como motor da economia digital, a ZTE utiliza a inovação tecnológica para pavimentar a alameda verde da economia digital e promove a conquista do objetivo de duplo carbono por meio de operações verdes, cadeias de suprimentos verdes, infraestrutura de TIC verde e indústria verde.

O que segue é uma compilação do discurso de Chen Zhiping:

Em 2020, além da COVID-19 se espalhando pelo mundo, você sentiu que a temperatura está um pouco fora do normal? Em junho de 2020, uma cidade siberiana no Círculo Ártico atingiu uma temperatura elevada de 38 graus! Esta é a temperatura mais alta já registrada no Círculo Ártico. Se o aumento da temperatura global for controlado em 1,5 grau, um grande número de perdas e riscos causados pelas mudanças climáticas poderá ser evitado.

Atualmente, a neutralidade de carbono se tornou um consenso global.

Até junho de 2021, 137 países propuseram uma meta de neutralização de carbono e mais de 1.200 empresas se comprometeram a se unir à SBTi, com gigantes de TIC globais assumindo a liderança na definição de objetivos estratégicos de carbono zero. A China anunciou compromissos e metas de emissão de carbono.

A tecnologia Digital desempenha um papel fundamental para o alcance do objetivo da neutralidade de carbono

Se quisermos atingir o objetivo da neutralidade global de carbono, as indústrias tradicionais terão de enfrentar um desafio maior de redução do consumo. O  setor de TIC  responde por 2% do total de emissões de carbono no mundo todos os anos. Com o crescimento da  implementação da infraestrutura digital, a redução das emissões de TIC também enfrenta desafios consideráveis. A ITU (International Telecommunication Union) anunciou que o setor de TIC reduziria as emissões em 45% até 2030.

Com a aceleração da transformação digital, as tecnologias representadas por 5G, big data, computação em nuvem e inteligência artificial melhoraram de forma contínua e as tecnologias digitais são mais amplamente utilizadas em todas as esferas da vida.

Podemos melhorar a eficiência da alocação de recursos, produção e vida por meio de conexões de dados eficientes, armazenamento, cálculos e aplicações. Muitos dados de pesquisa mostram que a tecnologia digital pode ajudar outros setores a reduzir as emissões de carbono em mais de 10 vezes em comparação com as próprias emissões de carbono do setor de TIC. Pode-se ver que a tecnologia digital desempenha um papel fundamental para alcançar o objetivo da neutralidade de carbono.

Como exemplo, a ZTE segue um caminho de desenvolvimento verde na transformação digital

Como uma praticante positiva do desenvolvimento verde, a ZTE promove a gestão de proteção ambiental no escritório e operações de produção para reduzir o consumo de recursos naturais.

A empresa adotou diversas medidas para reduzir as emissões de carbono corporativo, como buscar a produção verde e conservar recursos e energia por meio da transformação contínua dos processos de produção.

Por meio da otimização do processo de produção (envelhecimento de alta temperatura), a economia anual de energia ultrapassa 30 milhões de kWh. Iniciamos a gestão de rastreamento de pegada de carbono de todo o ciclo de vida do produto. Promovemos condicionadores de ar inteligentes e iluminação inteligente para reduzir o consumo de eletricidade, ao mesmo tempo em que garantimos um ambiente de trabalho confortável para os funcionários. Por meio da geração de energia fotovoltaica verde, a produção anual de eletricidade ultrapassou 3 milhões de kWh. Além disso, a empresa trabalha com mais de 160 provedores globais de serviços ambientais para construir uma rede global de ciclo verde.

Nossa meta de carbono também depende do processo de descarbonização de produtos e serviços a montante. Estamos trabalhando em conjunto com parceiros a montante e a jusante para alcançar em conjunto  a economia de energia e a redução das emissões da seleção de materiais, reciclagem de materiais e logística.

Até o momento, mais de 40 fornecedores líderes desenvolveram planos estratégicos de redução de carbono. A maioria dos fornecedores será proveniente de parceiros com compromissos direcionados nos próximos 5 a 10 anos. A gestão de compras promove ativamente, de muitas maneiras, as emissões de carbono de fornecedores. Ela melhora continuamente a competitividade de baixo carbono e desenvolvimento sustentável de nossa cadeia de suprimentos.

A infraestrutura digital verde ajuda as operadoras a construir redes de baixo carbono

Para infraestrutura digital, locais sem fio e centros de dados ocupam a maior proporção de consumo de energia. As emissões de carbono podem ser reduzidas por meio da introdução de energia verde, construção de locais verdes e centros de dados ecológicos.

Especificamente, no processo de construção da infraestrutura energética da rede de comunicação, a ZTE propôs uma nova rede de energia "carbono zero" com o conceito de "verde, eficiente, inteligente e confiável" para aumentar a proporção de aplicações de energia verde.

Com o aumento anual do tráfego de comunicação e a implementação em larga escala do 5G, a proporção de consumo de energia local para o consumo de energia de toda a rede ultrapassa 45%, o que é a chave para reduzir as emissões.

Como fornecedora líder de equipamentos de TIC, a ZTE Corporation incorporou o conceito de proteção ambiental e de baixo carbono ao projeto de produtos locais e à implementação de soluções para produzir valor continuamente para a criação de unidades verdes.

Com o desenvolvimento de vários serviços de dados e serviços em nuvem, os data centers também são gigantes do consumo de energia, incluindo equipamentos de TI, equipamentos de resfriamento, sistemas de fornecimento e distribuição de energia e equipamentos de iluminação com os equipamentos de TI e os equipamentos de resfriamento respondendo, sozinhos, por 80% do consumo de energia. Equipada com a solução ZEGO da ZTE, ela pode resolver o problema do consumo de energia de equipamentos.

Atualmente, as soluções UniSite, PowerPilot e iEnergy propostas pela ZTE por meio da prática digital têm sido amplamente utilizadas nas redes de operadoras globais, ajudando-as a obter economia de energia e redução de consumo.

  • Na Espanha, a ZTE implementou a solução UniSite+, que é a solução local mais simples do setor atual. Ela reduz em 60% as unidades de rádio e gera 30% de economia no consumo de energia em comparação com as soluções tradicionais.
  • Na Malásia, a solução de economia de energia IA PowerPilot foi lançada com sucesso, economizando 7 milhões de kWh de energia anualmente.
  • Em parceria com seus clientes, a ZTE construiu o maior centro de dados inteligente de micromódulos da Ásia no distrito de Pingshan, de Shenzhen, com economia de energia superior a 60 milhões de kWh a cada ano.

Juntamente com clientes e parceiros, capacitando vários setores na economia de energia e redução das emissões

Nos últimos dois anos, a ZTE tem colaborado com operadoras e empresas líderes do setor para explorar cenários de aplicação ecológicos e de economia de energia em vários setores e extrair aplicações inovadoras que podem ser replicadas em larga escala.

  • Para introduzir energia verde, a China Southern Power Grid, juntamente com a China Mobile e a ZTE, construiu a maior zona de demonstração para uma rede inteligente 5G na China no distrito de Nansha, Guangzhou. Os serviços reduzem significativamente o impacto do acesso a novas energias na rede elétrica. A confiabilidade da transmissão de energia renovável terá um aumento de quatro vezes.
  • No setor de fundição intensiva em energia, a ZTE e a empresa de alumínio da China exploraram com sucesso as aplicações do 5G, economizando mais de 90 milhões de kWh de eletricidade a cada ano.
  • Para o setor de transporte, a ZTE e a Guangzhou Mobile lançaram a primeira cidade de demonstração de transporte inteligente 5G do mundo, incluindo transporte ferroviário inteligente de alta velocidade, metrô inteligente, linhas de ônibus 5G, conexão de rede inteligente 5G e inspeção de políticas rodoviárias 5G. A eficiência geral da comunicação aumentou 10%.

Além disso, no setor de manufatura, a ZTE construiu uma fábrica inteligente 5G global em Binjiang, Nanjing, que é uma fábrica de demonstração da "fabricação inteligente alimentada pelo 5G". Ela pode reduzir o consumo de energia em 40%, criando uma amostra de demonstração de economia de energia e redução de emissões para a fabricação avançada.

Atualmente, a ZTE e seus parceiros continuam realizando amplamente mais práticas verdes inovadoras de 5G+ e implementaram mais de 60 projetos de demonstração em todo o mundo.

A ZTE implementa ativamente a estratégia de neutralização de carbono, promove economia de energia e redução de emissões na produção e operação empresarial, ajuda operadoras a construir redes de baixo carbono verde de ponta a ponta e capacita ativamente as indústrias verticais para alcançar economia de energia e redução de emissões. De longe, a ZTE implementou mais de 500 patentes de inovação 5G verdes, aumentando a eficiência e reduzindo o consumo através da inovação tecnológica e construindo redes verdes.

No futuro, a ZTE continuará a pesquisar novas energias, novos materiais e novos componentes para fazer descobertas em tecnologias-chave, estabelecendo uma base técnica sólida para a infraestrutura de TIC verde e melhorando a profundidade e a amplitude das tecnologias digitais para os setores tradicionais de alta energia. Além disso, a ZTE contribuirá para melhorar a eficiência, economizar energia e reduzir o consumo em vários setores e ajudar a atingir os objetivos de neutralização de carbono de toda a sociedade.

Atingir o objetivo da neutralidade de carbono requer um processo de longo prazo e os esforços conjuntos de todos os setores da indústria. A ZTE, em colaboração com parceiros globais, está comprometida em construir uma alameda digital verde com inovações  em tecnologia de TIC para um  futuro promissor.   

Contatos de mídia:

Margaret Ma 

ZTE Corporation 

Tel: +86 755 26775189 

Email: ma.gaili@zte.com.cn

 

FONTE ZTE Corporation

SHENZHEN, China, 29 de outubro de 2021 /PRNewswire/ -- A ZTE Corporation (0763.HK / 000063.SZ), principal fornecedora internacional de soluções de tecnologia de consumo, corporativa e de telecomunicações para a internet móvel, divulgou hoje que Chen Zhiping, vice-presidente e gerente geral do departamento  de Branding da ZTE, fez um discurso intitulado "Um caminho digital para a neutralidade de carbono" e compartilhou como a ZTE pode ajudar empresas de vários setores a economizar energia, reduzir as emissões e finalmente promover a realização da meta da neutralidade de carbono da sociedade por meio da inovação em tecnologia digital da ZTE.

"Para atender aos objetivos e desafios de economia de energia e redução de emissões em todo o setor, acreditamos que a digitalização ajudará as indústrias tradicionais", disse Chen Zhiping.

Como motor da economia digital, a ZTE utiliza a inovação tecnológica para pavimentar a alameda verde da economia digital e promove a conquista do objetivo de duplo carbono por meio de operações verdes, cadeias de suprimentos verdes, infraestrutura de TIC verde e indústria verde.

O que segue é uma compilação do discurso de Chen Zhiping:

Em 2020, além da COVID-19 se espalhando pelo mundo, você sentiu que a temperatura está um pouco fora do normal? Em junho de 2020, uma cidade siberiana no Círculo Ártico atingiu uma temperatura elevada de 38 graus! Esta é a temperatura mais alta já registrada no Círculo Ártico. Se o aumento da temperatura global for controlado em 1,5 grau, um grande número de perdas e riscos causados pelas mudanças climáticas poderá ser evitado.

Atualmente, a neutralidade de carbono se tornou um consenso global.

Até junho de 2021, 137 países propuseram uma meta de neutralização de carbono e mais de 1.200 empresas se comprometeram a se unir à SBTi, com gigantes de TIC globais assumindo a liderança na definição de objetivos estratégicos de carbono zero. A China anunciou compromissos e metas de emissão de carbono.

A tecnologia Digital desempenha um papel fundamental para o alcance do objetivo da neutralidade de carbono

Se quisermos atingir o objetivo da neutralidade global de carbono, as indústrias tradicionais terão de enfrentar um desafio maior de redução do consumo. O  setor de TIC  responde por 2% do total de emissões de carbono no mundo todos os anos. Com o crescimento da  implementação da infraestrutura digital, a redução das emissões de TIC também enfrenta desafios consideráveis. A ITU (International Telecommunication Union) anunciou que o setor de TIC reduziria as emissões em 45% até 2030.

Com a aceleração da transformação digital, as tecnologias representadas por 5G, big data, computação em nuvem e inteligência artificial melhoraram de forma contínua e as tecnologias digitais são mais amplamente utilizadas em todas as esferas da vida.

Podemos melhorar a eficiência da alocação de recursos, produção e vida por meio de conexões de dados eficientes, armazenamento, cálculos e aplicações. Muitos dados de pesquisa mostram que a tecnologia digital pode ajudar outros setores a reduzir as emissões de carbono em mais de 10 vezes em comparação com as próprias emissões de carbono do setor de TIC. Pode-se ver que a tecnologia digital desempenha um papel fundamental para alcançar o objetivo da neutralidade de carbono.

Como exemplo, a ZTE segue um caminho de desenvolvimento verde na transformação digital

Como uma praticante positiva do desenvolvimento verde, a ZTE promove a gestão de proteção ambiental no escritório e operações de produção para reduzir o consumo de recursos naturais.

A empresa adotou diversas medidas para reduzir as emissões de carbono corporativo, como buscar a produção verde e conservar recursos e energia por meio da transformação contínua dos processos de produção.

Por meio da otimização do processo de produção (envelhecimento de alta temperatura), a economia anual de energia ultrapassa 30 milhões de kWh. Iniciamos a gestão de rastreamento de pegada de carbono de todo o ciclo de vida do produto. Promovemos condicionadores de ar inteligentes e iluminação inteligente para reduzir o consumo de eletricidade, ao mesmo tempo em que garantimos um ambiente de trabalho confortável para os funcionários. Por meio da geração de energia fotovoltaica verde, a produção anual de eletricidade ultrapassou 3 milhões de kWh. Além disso, a empresa trabalha com mais de 160 provedores globais de serviços ambientais para construir uma rede global de ciclo verde.

Nossa meta de carbono também depende do processo de descarbonização de produtos e serviços a montante. Estamos trabalhando em conjunto com parceiros a montante e a jusante para alcançar em conjunto  a economia de energia e a redução das emissões da seleção de materiais, reciclagem de materiais e logística.

Até o momento, mais de 40 fornecedores líderes desenvolveram planos estratégicos de redução de carbono. A maioria dos fornecedores será proveniente de parceiros com compromissos direcionados nos próximos 5 a 10 anos. A gestão de compras promove ativamente, de muitas maneiras, as emissões de carbono de fornecedores. Ela melhora continuamente a competitividade de baixo carbono e desenvolvimento sustentável de nossa cadeia de suprimentos.

A infraestrutura digital verde ajuda as operadoras a construir redes de baixo carbono

Para infraestrutura digital, locais sem fio e centros de dados ocupam a maior proporção de consumo de energia. As emissões de carbono podem ser reduzidas por meio da introdução de energia verde, construção de locais verdes e centros de dados ecológicos.

Especificamente, no processo de construção da infraestrutura energética da rede de comunicação, a ZTE propôs uma nova rede de energia "carbono zero" com o conceito de "verde, eficiente, inteligente e confiável" para aumentar a proporção de aplicações de energia verde.

Com o aumento anual do tráfego de comunicação e a implementação em larga escala do 5G, a proporção de consumo de energia local para o consumo de energia de toda a rede ultrapassa 45%, o que é a chave para reduzir as emissões.

Como fornecedora líder de equipamentos de TIC, a ZTE Corporation incorporou o conceito de proteção ambiental e de baixo carbono ao projeto de produtos locais e à implementação de soluções para produzir valor continuamente para a criação de unidades verdes.

Com o desenvolvimento de vários serviços de dados e serviços em nuvem, os data centers também são gigantes do consumo de energia, incluindo equipamentos de TI, equipamentos de resfriamento, sistemas de fornecimento e distribuição de energia e equipamentos de iluminação com os equipamentos de TI e os equipamentos de resfriamento respondendo, sozinhos, por 80% do consumo de energia. Equipada com a solução ZEGO da ZTE, ela pode resolver o problema do consumo de energia de equipamentos.

Atualmente, as soluções UniSite, PowerPilot e iEnergy propostas pela ZTE por meio da prática digital têm sido amplamente utilizadas nas redes de operadoras globais, ajudando-as a obter economia de energia e redução de consumo.

  • Na Espanha, a ZTE implementou a solução UniSite+, que é a solução local mais simples do setor atual. Ela reduz em 60% as unidades de rádio e gera 30% de economia no consumo de energia em comparação com as soluções tradicionais.
  • Na Malásia, a solução de economia de energia IA PowerPilot foi lançada com sucesso, economizando 7 milhões de kWh de energia anualmente.
  • Em parceria com seus clientes, a ZTE construiu o maior centro de dados inteligente de micromódulos da Ásia no distrito de Pingshan, de Shenzhen, com economia de energia superior a 60 milhões de kWh a cada ano.

Juntamente com clientes e parceiros, capacitando vários setores na economia de energia e redução das emissões

Nos últimos dois anos, a ZTE tem colaborado com operadoras e empresas líderes do setor para explorar cenários de aplicação ecológicos e de economia de energia em vários setores e extrair aplicações inovadoras que podem ser replicadas em larga escala.

  • Para introduzir energia verde, a China Southern Power Grid, juntamente com a China Mobile e a ZTE, construiu a maior zona de demonstração para uma rede inteligente 5G na China no distrito de Nansha, Guangzhou. Os serviços reduzem significativamente o impacto do acesso a novas energias na rede elétrica. A confiabilidade da transmissão de energia renovável terá um aumento de quatro vezes.
  • No setor de fundição intensiva em energia, a ZTE e a empresa de alumínio da China exploraram com sucesso as aplicações do 5G, economizando mais de 90 milhões de kWh de eletricidade a cada ano.
  • Para o setor de transporte, a ZTE e a Guangzhou Mobile lançaram a primeira cidade de demonstração de transporte inteligente 5G do mundo, incluindo transporte ferroviário inteligente de alta velocidade, metrô inteligente, linhas de ônibus 5G, conexão de rede inteligente 5G e inspeção de políticas rodoviárias 5G. A eficiência geral da comunicação aumentou 10%.

Além disso, no setor de manufatura, a ZTE construiu uma fábrica inteligente 5G global em Binjiang, Nanjing, que é uma fábrica de demonstração da "fabricação inteligente alimentada pelo 5G". Ela pode reduzir o consumo de energia em 40%, criando uma amostra de demonstração de economia de energia e redução de emissões para a fabricação avançada.

Atualmente, a ZTE e seus parceiros continuam realizando amplamente mais práticas verdes inovadoras de 5G+ e implementaram mais de 60 projetos de demonstração em todo o mundo.

A ZTE implementa ativamente a estratégia de neutralização de carbono, promove economia de energia e redução de emissões na produção e operação empresarial, ajuda operadoras a construir redes de baixo carbono verde de ponta a ponta e capacita ativamente as indústrias verticais para alcançar economia de energia e redução de emissões. De longe, a ZTE implementou mais de 500 patentes de inovação 5G verdes, aumentando a eficiência e reduzindo o consumo através da inovação tecnológica e construindo redes verdes.

No futuro, a ZTE continuará a pesquisar novas energias, novos materiais e novos componentes para fazer descobertas em tecnologias-chave, estabelecendo uma base técnica sólida para a infraestrutura de TIC verde e melhorando a profundidade e a amplitude das tecnologias digitais para os setores tradicionais de alta energia. Além disso, a ZTE contribuirá para melhorar a eficiência, economizar energia e reduzir o consumo em vários setores e ajudar a atingir os objetivos de neutralização de carbono de toda a sociedade.

Atingir o objetivo da neutralidade de carbono requer um processo de longo prazo e os esforços conjuntos de todos os setores da indústria. A ZTE, em colaboração com parceiros globais, está comprometida em construir uma alameda digital verde com inovações  em tecnologia de TIC para um  futuro promissor.   

Contatos de mídia:

Margaret Ma 

ZTE Corporation 

Tel: +86 755 26775189 

Email: ma.gaili@zte.com.cn

 

FONTE ZTE Corporation

Você acabou de ler:

Sra. Chen Zhiping, vice-presidente da ZTE: um caminho digital para a neutralidade de carbono

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/sra-chen-zhiping-vice-presidente-da-zte-um-caminho-digital-para-a-neutralidade-de-carbono/