Substratum contorna o grande firewall da China

DELAWARE, Ohio, 12 de novembro de 2018 /PRNewswire/ -- A Substratum LLC. (SUB) conseguiu contornar o grande firewall da China: o mecanismo chinês que impede que cidadãos acessem websites como Google, YouTube e Twitter. Ao usar o SubstratumNode, um chinês é capaz de acessar websites que, do contrário, seriam bloqueados pelo governo da China. Este é um feito de enorme importância para cidadãos de países onde existe a censura da internet como China, Rússia e Irã que bloqueiam vários websites e serviços baseados na rede.

Justin Tabb, CEO da Substratum disse: "O fato de que foi um membro da nossa comunidade, um dos hospedeiros Beta de nós, que trabalhou para tornar isso possível faz com que eu me sinta especialmente orgulhoso, agradecido e abençoado por ter esta comunidade extraordinária apoiando nossos esforços".

O SubstratumNode é a primeira parte de um ecossistema da Substratum composto de três partes que inclui um gateway de pagamento criptografado chamado "CryptoPay" e uma bolsa descentralizada denominada "Amplify Exchange" recentemente formada para o câmbio da altcoin.

Os SubstratumNodes são partes de uma rede descentralizada. Cada nó na rede pode receber pedidos de usuários através do SubstratumNode. Os SubstratumNodes roteiam estes pedidos de volta ao solicitante original após criptografar o pedido e passá-lo por uma rede de nós.

Quando a informação é roteada através de uma rede de nós ao invés de ser intermediada para usuários da internet a partir de um provedor ou servidor de internet centralizado, a entidade opressora é incapaz de bloquear os pedidos do website. Mesmo se a opressora puder identificar e bloquear um dos pedidos de roteamento dos SubstratumNodes, haverá uma miríade de outros nós dentro da rede da Substratum que permanecerão ativos e trabalhando para rotear os pedidos.

Isto não apenas oferece aos usuários uma maneira de contornar as censuras da internet, mas aqueles que optarem por executar um SubstratumNode serão pagos em criptomoeda (SUB) por satisfazer os pedidos que passarem através da rede do SubstratumNode.

A Substratum lançará em breve o terceiro elemento de seu ecossistema de três partes: a Amplify Exchange, uma bolsa de câmbio distribuída e descentralizada na qual o SubstratumNode atua como o alicerce. Os SubstratumNodes processarão transações da Amplify e operadores de nós ganharão tokens AMPX juntamente com tokens SUB, significando que haverá um aumento no volume de transações na rede da Substratum. Adicionalmente, o SubstratumNode permite que a Amplify utilize sua BridgeChain inovadora, que conectará os câmbios distribuídos e descentralizados ao refletir seus registros, proporcionando aos usuários os benefícios de ambos os tipos de câmbios.

O SubstratumNode está disponível para ser baixado no website da Substratum e fique atento porque a Amplify ICO estará ao vivo no dia 16 de novembro!

Encaminhe os pedidos da mídia para media@substratum.net.

FONTE Substratum

DELAWARE, Ohio, 12 de novembro de 2018 /PRNewswire/ -- A Substratum LLC. (SUB) conseguiu contornar o grande firewall da China: o mecanismo chinês que impede que cidadãos acessem websites como Google, YouTube e Twitter. Ao usar o SubstratumNode, um chinês é capaz de acessar websites que, do contrário, seriam bloqueados pelo governo da China. Este é um feito de enorme importância para cidadãos de países onde existe a censura da internet como China, Rússia e Irã que bloqueiam vários websites e serviços baseados na rede.

Justin Tabb, CEO da Substratum disse: "O fato de que foi um membro da nossa comunidade, um dos hospedeiros Beta de nós, que trabalhou para tornar isso possível faz com que eu me sinta especialmente orgulhoso, agradecido e abençoado por ter esta comunidade extraordinária apoiando nossos esforços".

O SubstratumNode é a primeira parte de um ecossistema da Substratum composto de três partes que inclui um gateway de pagamento criptografado chamado "CryptoPay" e uma bolsa descentralizada denominada "Amplify Exchange" recentemente formada para o câmbio da altcoin.

Os SubstratumNodes são partes de uma rede descentralizada. Cada nó na rede pode receber pedidos de usuários através do SubstratumNode. Os SubstratumNodes roteiam estes pedidos de volta ao solicitante original após criptografar o pedido e passá-lo por uma rede de nós.

Quando a informação é roteada através de uma rede de nós ao invés de ser intermediada para usuários da internet a partir de um provedor ou servidor de internet centralizado, a entidade opressora é incapaz de bloquear os pedidos do website. Mesmo se a opressora puder identificar e bloquear um dos pedidos de roteamento dos SubstratumNodes, haverá uma miríade de outros nós dentro da rede da Substratum que permanecerão ativos e trabalhando para rotear os pedidos.

Isto não apenas oferece aos usuários uma maneira de contornar as censuras da internet, mas aqueles que optarem por executar um SubstratumNode serão pagos em criptomoeda (SUB) por satisfazer os pedidos que passarem através da rede do SubstratumNode.

A Substratum lançará em breve o terceiro elemento de seu ecossistema de três partes: a Amplify Exchange, uma bolsa de câmbio distribuída e descentralizada na qual o SubstratumNode atua como o alicerce. Os SubstratumNodes processarão transações da Amplify e operadores de nós ganharão tokens AMPX juntamente com tokens SUB, significando que haverá um aumento no volume de transações na rede da Substratum. Adicionalmente, o SubstratumNode permite que a Amplify utilize sua BridgeChain inovadora, que conectará os câmbios distribuídos e descentralizados ao refletir seus registros, proporcionando aos usuários os benefícios de ambos os tipos de câmbios.

O SubstratumNode está disponível para ser baixado no website da Substratum e fique atento porque a Amplify ICO estará ao vivo no dia 16 de novembro!

Encaminhe os pedidos da mídia para media@substratum.net.

FONTE Substratum

Você acabou de ler:

Substratum contorna o grande firewall da China

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/substratum-contorna-o-grande-firewall-da-china/