Xinhua Silk Road: Fórum sobre o Desenvolvimento do Setor de Veículos movidos a Novas Energias tem início em Anhui, no leste da China

BEIJING, 23 de novembro de 2021 /PRNewswire/ -- No sábado, teve início o Fórum sobre o Desenvolvimento do Setor de Veículos movidos a Novas Energias (NEV), um dos fóruns paralelos da Convenção Mundial de Fabricação de 2021, em Hefei, capital da província de Anhui, no leste da China.

No fórum, especialistas e representantes de empresas expressaram que esforços devem ser feitos para acelerar o progresso da tecnologia e a conservação de energia no setor de NEV com a tentativa de atingir a meta de neutralidade de carbono.

O setor automobilístico da China obteve resultados profícuos relacionados à conservação de energia e redução de emissões nos últimos anos. Em 2020, a produção, vendas e estoque de NEVs da China foram os mais altos do mundo pelo sexto ano consecutivo, com o estoque de NEVs chegando a 6,78 milhões no terceiro trimestre de 2021.

Li Yizhong, presidente da Federação Chinesa de Economia Industrial, disse que aprimorar o nível de economia de energia e reduzir o consumo de veículos movidos a combustível é um aspecto importante da redução das emissões de carbono no setor automotivo em um futuro próximo. Li complementou que devem ser feitos esforços para promover o desenvolvimento de veículos movidos a novas energias a médio e longo prazo.

A China considera o desenvolvimento de NEVs uma medida importante para enfrentar as mudanças climáticas, promover o desenvolvimento ecológico e atingir o pico e a neutralidade de carbono, de acordo com Xu Yuchang, presidente do Serviço de Informação Econômica da China (CEIS).

De acordo com Shi Jianhua, secretário-geral adjunto da Associação Chinesa de Fabricantes de Automóveis (CAAM), a marketização é o principal requisito para o desenvolvimento do setor automobilístico de novas energias durante o período do 14º Plano Quinquenal.

Shi complementou que a China pode cumprir fundamentalmente o objetivo de, até 2025, as vendas de veículos movidos a novas energias representarem 20% do total das vendas de veículos novos e de, até 2035, os veículos elétricos puros serem o principal produto das vendas de veículos movidos a novas energias.

Durante o fórum, um relatório sobre o desenvolvimento de alta qualidade do setor de NEVs da China foi divulgado em conjunto pelo CEIS e pela CAAM, analisando o status de desenvolvimento atual do setor de NEVs no país e no exterior e propondo sugestões para acelerar o desenvolvimento de alta qualidade do setor.

O fórum é organizado pelo Governo Popular da Província de Anhui, promovido pelo Departamento de Relações Exteriores do Governo Popular da Província de Anhui e pelo CEIS, com suporte da Federação Chinesa de Economia Industrial.

Link original: https://en.imsilkroad.com/p/324969.html

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/1694841/image1.jpg

 

FONTE Xinhua Silk Road

BEIJING, 23 de novembro de 2021 /PRNewswire/ -- No sábado, teve início o Fórum sobre o Desenvolvimento do Setor de Veículos movidos a Novas Energias (NEV), um dos fóruns paralelos da Convenção Mundial de Fabricação de 2021, em Hefei, capital da província de Anhui, no leste da China.

No fórum, especialistas e representantes de empresas expressaram que esforços devem ser feitos para acelerar o progresso da tecnologia e a conservação de energia no setor de NEV com a tentativa de atingir a meta de neutralidade de carbono.

O setor automobilístico da China obteve resultados profícuos relacionados à conservação de energia e redução de emissões nos últimos anos. Em 2020, a produção, vendas e estoque de NEVs da China foram os mais altos do mundo pelo sexto ano consecutivo, com o estoque de NEVs chegando a 6,78 milhões no terceiro trimestre de 2021.

Li Yizhong, presidente da Federação Chinesa de Economia Industrial, disse que aprimorar o nível de economia de energia e reduzir o consumo de veículos movidos a combustível é um aspecto importante da redução das emissões de carbono no setor automotivo em um futuro próximo. Li complementou que devem ser feitos esforços para promover o desenvolvimento de veículos movidos a novas energias a médio e longo prazo.

A China considera o desenvolvimento de NEVs uma medida importante para enfrentar as mudanças climáticas, promover o desenvolvimento ecológico e atingir o pico e a neutralidade de carbono, de acordo com Xu Yuchang, presidente do Serviço de Informação Econômica da China (CEIS).

De acordo com Shi Jianhua, secretário-geral adjunto da Associação Chinesa de Fabricantes de Automóveis (CAAM), a marketização é o principal requisito para o desenvolvimento do setor automobilístico de novas energias durante o período do 14º Plano Quinquenal.

Shi complementou que a China pode cumprir fundamentalmente o objetivo de, até 2025, as vendas de veículos movidos a novas energias representarem 20% do total das vendas de veículos novos e de, até 2035, os veículos elétricos puros serem o principal produto das vendas de veículos movidos a novas energias.

Durante o fórum, um relatório sobre o desenvolvimento de alta qualidade do setor de NEVs da China foi divulgado em conjunto pelo CEIS e pela CAAM, analisando o status de desenvolvimento atual do setor de NEVs no país e no exterior e propondo sugestões para acelerar o desenvolvimento de alta qualidade do setor.

O fórum é organizado pelo Governo Popular da Província de Anhui, promovido pelo Departamento de Relações Exteriores do Governo Popular da Província de Anhui e pelo CEIS, com suporte da Federação Chinesa de Economia Industrial.

Link original: https://en.imsilkroad.com/p/324969.html

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/1694841/image1.jpg

 

FONTE Xinhua Silk Road

Você acabou de ler:

Xinhua Silk Road: Fórum sobre o Desenvolvimento do Setor de Veículos movidos a Novas Energias tem início em Anhui, no leste da China

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/xinhua-silk-road-forum-sobre-o-desenvolvimento-do-setor-de-veiculos-movidos-a-novas-energias-tem-inicio-em-anhui-no-leste-da-china/