Xinhua Silk Road: Reportagem anual sobre a imagem da cidade de Suzhou divulgada para melhor contar histórias de Suzhou durante a AI Expo de 2021 na quinta-feira.

BEIJING, 20 de setembro de 2021 /PRNewswire/ -- Para melhor contar histórias de Suzhou, cidade localizada no leste da China, conhecida pelos clássicos jardins chineses, um relatório anual sobre a imagem da cidade de Suzhou no ciberespaço global (2020-2021) foi publicado durante a exposição Global AI Product & Application de 2021 (AI Expo 2021) na quinta-feira.

A reportagem foi divulgada pelo Centro de Jiangsu do Serviço de Informação Econômica da China (CEIS), sob a direção de Xinhua durante o subfórum sobre o futuro da mídia inteligente, realizado durante a expo. O documento apresenta as características, a eficiência e as deficiências da construção de imagens da cidade de Suzhou por meio de canais de internet no ano passado.

Como uma das principais cidades do Delta do rio Yangtzé, Suzhou ostenta uma imagem urbana única graças à cultura tradicional de classe mundial e valiosos recursos hídricos, cadeia do setor de manufatura completa e diversificada, e vantagens ao ser piloto de políticas preferenciais e de abertura por plataformas econômicas locais de nível nacional, de acordo com o relatório.

Diferentemente de outras cidades chinesas, Suzhou apareceu em reportagens da mídia global apresentando quatro aspectos típicos.

Por exemplo, a cidade foi habitualmente mencionada com termos de busca como "cidade digital", "antigos jardins chineses" e palavras relacionadas à construção urbana, cultura e turismo de Suzhou.

Além disso, Suzhou apareceu principalmente em reportagens da mídia global tradicional, que são na maioria das vezes neutros em termos de posicionamento, em tópicos sobre seu ambiente ecológico, progresso da ciência e tecnologia e desenvolvimento de setores emergentes.

Além disso, a cidade chamou mais a atenção das mídias tradicionais, como revistas, agências de notícias e sites de notícias comerciais e novas mídias, em comparação com as redes sociais, onde relatórios sobre Suzhou são relativamente escassos.

O YouTube passou a ser uma plataforma mais interativa e influente para a cidade se comunicar com o mundo, uma vez que é fácil para campanhas de influência produzir programas de transmissão ao vivo amplamente focados sobre Suzhou, e a linguagem e os tópicos audiovisuais envolvidos são fáceis de entender e mais próximos da vida diária.

Tudo isso resultou dos esforços contínuos de Suzhou na construção da imagem da cidade nos últimos anos, que destacaram sua comunicação internacional com mais fatores culturais e estabeleceram um modo de comunicação multidimensional e abrangente.

Para melhor contar histórias de Suzhou, a reportagem sugere que a cidade deve aprofundar o reconhecimento de sua imagem da cidade e explorar mais valor de sua conotação.

Acesse o link original: https://en.imsilkroad.com/p/323887.html

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/1630038/image.jpg

 

 

FONTE Xinhua Silk Road

BEIJING, 20 de setembro de 2021 /PRNewswire/ -- Para melhor contar histórias de Suzhou, cidade localizada no leste da China, conhecida pelos clássicos jardins chineses, um relatório anual sobre a imagem da cidade de Suzhou no ciberespaço global (2020-2021) foi publicado durante a exposição Global AI Product & Application de 2021 (AI Expo 2021) na quinta-feira.

A reportagem foi divulgada pelo Centro de Jiangsu do Serviço de Informação Econômica da China (CEIS), sob a direção de Xinhua durante o subfórum sobre o futuro da mídia inteligente, realizado durante a expo. O documento apresenta as características, a eficiência e as deficiências da construção de imagens da cidade de Suzhou por meio de canais de internet no ano passado.

Como uma das principais cidades do Delta do rio Yangtzé, Suzhou ostenta uma imagem urbana única graças à cultura tradicional de classe mundial e valiosos recursos hídricos, cadeia do setor de manufatura completa e diversificada, e vantagens ao ser piloto de políticas preferenciais e de abertura por plataformas econômicas locais de nível nacional, de acordo com o relatório.

Diferentemente de outras cidades chinesas, Suzhou apareceu em reportagens da mídia global apresentando quatro aspectos típicos.

Por exemplo, a cidade foi habitualmente mencionada com termos de busca como "cidade digital", "antigos jardins chineses" e palavras relacionadas à construção urbana, cultura e turismo de Suzhou.

Além disso, Suzhou apareceu principalmente em reportagens da mídia global tradicional, que são na maioria das vezes neutros em termos de posicionamento, em tópicos sobre seu ambiente ecológico, progresso da ciência e tecnologia e desenvolvimento de setores emergentes.

Além disso, a cidade chamou mais a atenção das mídias tradicionais, como revistas, agências de notícias e sites de notícias comerciais e novas mídias, em comparação com as redes sociais, onde relatórios sobre Suzhou são relativamente escassos.

O YouTube passou a ser uma plataforma mais interativa e influente para a cidade se comunicar com o mundo, uma vez que é fácil para campanhas de influência produzir programas de transmissão ao vivo amplamente focados sobre Suzhou, e a linguagem e os tópicos audiovisuais envolvidos são fáceis de entender e mais próximos da vida diária.

Tudo isso resultou dos esforços contínuos de Suzhou na construção da imagem da cidade nos últimos anos, que destacaram sua comunicação internacional com mais fatores culturais e estabeleceram um modo de comunicação multidimensional e abrangente.

Para melhor contar histórias de Suzhou, a reportagem sugere que a cidade deve aprofundar o reconhecimento de sua imagem da cidade e explorar mais valor de sua conotação.

Acesse o link original: https://en.imsilkroad.com/p/323887.html

Foto - https://mma.prnewswire.com/media/1630038/image.jpg

 

 

FONTE Xinhua Silk Road

Você acabou de ler:

Xinhua Silk Road: Reportagem anual sobre a imagem da cidade de Suzhou divulgada para melhor contar histórias de Suzhou durante a AI Expo de 2021 na quinta-feira.

Compartilhe

https://prnewswire.com.br/releases/xinhua-silk-road-reportagem-anual-sobre-a-imagem-da-cidade-de-suzhou-divulgada-para-melhor-contar-historias-de-suzhou-durante-a-ai-expo-de-2021-na-quinta-feira/